15/03/2022 às 11h59min - Atualizada em 15/03/2022 às 10h01min

Na raça, Corinthians empata no último minuto contra o Atlético-MG

As Vingadoras mineiras saíram na frente, mas deixaram a vitória escapar nos acréscimos; O Timão mantém invencibilidade no Brasileirão Feminino

Aliny Bueno - Editado por: Nathalin Gorska
Transmissão ao vivo.
Atlético-MG segue sem vencer no Brasileirão Feminino A1. Foto: Hedgard Moraes/UAI Foto/Gazeta Press)
O Atlético-MG segurarou até o minuto final, mas sofreu o empate diante ao Corinthians na noite desta segunda-feira (14), pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro Feminino A1. As donas da casa dominaram as adversárias e ainda marcaram um golaço com Leidiane. Porém, vale destacar, o gol foi considerado inválido, depois de a transmissão mostrar irregularidade no lance que originou a jogada.

Já nos acréscimos, a determinação da equipe alvinegra paulista resultou no gol de empate que saiu dos pés de Grazi. Assim, a técnica Lindsay Camila viu sua equipe sair de campo com o "gosto amargo" do resultado. Caso tivesse vencido, o Timão poderia assumir a liderança da competição. Entretanto, com o resultado, ficou com quatro pontos e é o atual quinto colocado, enquanto o Atlético-MG está na 12ª posição, com apenas um ponto. 

PRIMEIRO TEMPO
A primeira etapa foi de total domínio das donas da casa, que iniciaram a partida com marcação incisiva e dificultaram a saída de bola das paulistas. As Vingadoras não cederam espaços em sua defesa e pouco sofreram com o ataque corinthiano. Pelo lado do time do Parque São Jorge, é importante ressaltar que o técnico Arthur Elias sofre com 11 desfalques importantes na equipe titular. Assim como na estreia, no jogo desta segunda, o time teve muitas dificuldades na articulação e criação das jogadas, reflexo da falta de entrosamento. Além disso, o Timão teve bastantes erros de passes devido ao mau posicionamento em campo. 
Durante os 45 minutos iniciais, as alvinegras mineiras finalizaram em quatro oportunidades, contra apenas uma do Corinthians. Entretanto, com baixa efetividade e não souberam aproveitar. Assim, o jogo seguiu sem gols para o intervalo.

SEGUNDO TEMPO
Na volta do intervalo, o Corinthians entrou mais agressivo e aos três minutos, Mariza chegou perto de abrir o placar em cobrança de falta, mas chutou para fora. Em resposta, o Atlético-MG foi efetivo e abriu o marcador. Aos seis minutos, em jogada com Cuesta, Leidiane recebeu passe e chutou de fora da área para colocar a bola no ângulo em belo gol. Porém, a arbitragem não viu irregularidade na jogada: quando Cuesta recebeu passe, estava em posição de impedimento, não assinalado. 
Na frente no placar, elas cresceram e sufocaram a defesa adversária, mas deixaram o nervosismo atrapalhar nas finalizações. Com o passar do relógio, o time deu uma desacelerada e optou por segurar o placar e frear o ataque corinthiano. As rivais fizeram o contrário e, na insistência, o Timão foi mais ofensivo e no último lance de jogo, conseguiram a "glória" do gol. Aos 49', em cobrança de falta, Grazi aproveitou o bate-rebate na área e tocou direto para estufar as redes e igualar no Independência. O resultado fez a equipe respirar aliviada após a pressão sofrida durante toda a partida.

Logo após o término do jogo, a camisa sete do Timão falou ao SporTV e parabenizou o time pelo empate: 

 
"(...) É um ano atípico, não estamos com o grupo completo, nunca tinha acontecido isso, mas faz parte. Elas estão voltando aos poucos. Sabemos que dava para ter sido melhor, mas Corinthians é acreditar até o último minuto, ter raça, determinação. Levamos o empate para casa, o que é importante."

PRÓXIMOS CONFRONTOS

Pela terceira rodada do Brasileirão, o próximo confronto do Atlético-MG será contra o Grêmio, no sábado(19), às 16h(horário de Brasíilia), no Vieirão. O time precisa da vitória para engatar na competição, uma vez que acumula uma derrota e um empate. Enquanto o Corinthians manteve a invencibilidade e receberá o Cruzeiro na sexta-feira (18), às 20h(horário de Brasília), no Canindé

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »