25/03/2022 às 23h26min - Atualizada em 25/03/2022 às 23h13min

Scooby-Doo completa 20 anos de lançamento

Obra teve roteiro de James Gunn, diretor da franquia Guardiões da Galáxia

Júlia Victória - Editado por Ana Terra
Um grupo de jovens e um cachorro formando uma equipe para resolver mistérios é uma das grandes fórmulas de sucesso do entretenimento. Em 1969, o estúdio de animação Hanna-Barbera criou Scooby-Doo, um fenômeno da cultura pop e que é reinventado a cada década.
 
O desenho já teve várias versões tanto na televisão quanto nos cinemas e uma delas é o live-action produzido e lançado em 2002. Nele, a Mistério S/A já era um sucesso. Formada por Fred (Freddie Prinze Jr.), Daphne (Sarah Michelle Gellar), Velma (Linda Cardellini), Salsicha (Matthew Lillard) e Scooby-Doo, eram recrutados para resolver casos intrigantes.
Mas a relação dos membros não era tão pacífica. Após o grupo solucionar uma investigação em uma fábrica de brinquedos, eles se desentendem porque Fred costumava se apresentar como o cérebro da equipe e, por isso, recebia todos os créditos.
 
Então a Mistério S/A se separa. Dois anos depois, Emile Mondavarious, dono do parque temático A Ilha do Espanto, faz um convite a cada um deles para irem até o local ajudar a resolver um mistério. Contudo, nenhum dos integrantes sabiam que os antigos parceiros também tinham sido contratados e só descobrem quando vão embarcar no aeroporto.
 
Ao chegarem lá, são recebidos por Mondavarious. Ele diz que acredita que a Ilha foi amaldiçoada e essa “praga” faz com que os jovens entrem “normais” e saiam agressivos. Então, Fred, Daphne e Velma iniciam uma disputa particular para ver quem consegue decifrar o caso primeiro.
Na época de lançamento, a obra recebeu muitas críticas negativas. A maior parte delas com relação ao roteiro e aos efeitos visuais. Mas mesmo assim, com o público geral, a produção fez bastante sucesso, arrecadando 275 milhões de dólares. O retorno financeiro permitiu a realização da sequência Scooby-Doo 2: Monstros à Solta.
 
Como foi feito no começo do anos 2000, o elenco principal foi recheado de estrelas de filmes feitos na época. Exemplo disso é o casal Sarah Michelle Gellar e Freddie Prinze Jr., que estrelaram Eu Sei O Que Vocês Fizeram no Verão Passado, e o ator Matthew Lillard que protagonizou a saga Pânico.
 
A direção ficou por conta de Raja Gosnell, que anteriormente esteve envolvido na trilogia Esqueceram de Mim. Já o roteiro, alvo de muitas avaliações ruins, foi escrito por James Gunn, hoje diretor de Guardiões da Galáxia e Esquadrão Suicida 2.
 
Agora, 20 anos depois da estreia, Scooby-Doo é uma peça de nostalgia. Em 2020, os dois filmes entraram na Netflix e ficaram por vários dias entre as produções mais assistidas da plataforma. Apesar da diferença das tecnologias e a qualidade dos efeitos visuais, o longa lançado em 2002 continua sendo a melhor tentativa de trazer a animação da Hanna-Barbera para o live-action.
 
Referências:
NOLLA, Thiago. Curiosidades | ‘Scooby-Doo’, adorado live-action de Raja Gosnell, faz 20 anos em 2022!. Cine Pop, 2022. Disponível em: <https://cinepop.com.br/curiosidades-scooby-doo-adorado-live-action-de-raja-gosnell-faz-20-anos-em-2022-328949/?amp>. Acesso em: 25 mar. 2022.
Scooby-Doo: Conheça todas as adaptações da franquia para os cinemas. AdoroCinema, 2020. Disponível em: <https://www.adorocinema.com/noticias/filmes/noticia-156201/>. Acesso em: 25 mar. 2022.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »