27/05/2022 às 16h23min - Atualizada em 27/05/2022 às 16h07min

Cinco contratações que decepcionaram na temporada 2021/22 na Europa

Alguns jogadores prometiam um alto rendimento, mas foram abaixo do esperado

Caio Henrique Panini de Oliveira - Editado por: Alan Martins
Jack Grealish foi um dos que decepcionaram na época 2021/22 (foto/ reprodução: Manchester City)
A temporada 2021/22 está chegando ao fim. Com a maioria dos campeonatos com os campões definidos, os jogadores entram de férias e os times começam a planejar a próxima época. Assim, vale relembrar cinco contratações que decepcionaram na temporada 2021/22 no futebol europeu. 

Saúl Níguez

O meio-campista Saúl Níguez foi contratado pelo Chelsea em agosto de 2021, no último dia da janela de transferências. Naquela ocasião, a equipe de Londres pagou 5 milhões de euros pelo empréstimo junto ao Atlético de Madrid. Além disso, no contrato existe uma opção de compra. Logo no primeiro jogo da temporada, o jogador de 27 anos participou de 45 minutos na vitória por 3 x 0 contra o Aston Villa. Contudo, nos cinco confrontos seguintes, o atleta ficou no banco de reservas e não entrou em campo.
 
Assim, após o primeiro turno da Premier League, Saúl participou de cinco jogos, ou seja, apenas 162 minutos em campo. Na FA Cup e EFL Cup, Níguez começou a maioria dos jogos como titular e mesmo com o Chelsea chegando à final de ambas as competições, o espanhol não agradou e ficou no banco de reservas nas semifinais e também nas duas decisões. O meio-campista não sofreu com lesões, mas era a 5ª opção para o setor, ficando na frente apenas de Ross Barkley.

Dessa forma, na temporada 2021/22, foram 23 jogos e um gol marcado. O jogador não teve um momento de destaque na época e possui o futuro indefinido na equipe de Londres. O técnico Thomas Tuchel disse que ira decidir o futuro de Saúl em breve. Porém, com a possível reformulação no Chelsea, o espanhol pode voltar ao Atlético de Madrid.

Antoine Griezmann

Após dois anos no Barcelona, Griezmann voltou ao Atlético de Madrid por empréstimo também no último dia da janela de transferências. No Barça, o francês viveu altos e baixos. Porém, o destaque foi na temporada 2020/21, com 51 jogos, 20 gols e 13 assistências. Assim, na equipe de Madrid, Antoine começou a jogar como centroavante e falso nove. Além disso, nesse esquema de Diego Simeone, o jogador não se encaixou e ficou mesclando entre ser titular e começar no banco.

No mês de dezembro, Griezmann sofreu uma lesão muscular. Assim, ficou longe dos gramados por dez jogos e voltou apenas no fim de fevereiro, na 26ª rodada da La Liga, contra o Celta de Vigo. Em resumo, foram 36 partidas, oito gols e sete assistências. Foi a temporada em que o francês menos participou de gols no Atlético de Madrid.

Atualmente, o jogador possui o contrato até junho de 2022 no Atlético de Madrid. Todavia, o time deve tentar mais um empréstimo ou comprar em definitivo o jogador de 31 anos. Por conta do alto salário, o Barcelona não busca manter Antoine Griezmann no elenco e pode facilitar a venda ou novo empréstimo. Por fim, o francês possui o valor de mercado em 50 milhões de euros.

Jadon Sancho

O Manchester United gastou 140 milhões de euros em contratações no início da temporada 2021/22. Sancho, que atuava no Borussia Dortmund, foi contratado por 85 milhões de euros e virou umas das principais compras do futebol europeu na janela de transferências. Pelo time da Alemanha, foram 137 jogos, 50 gols e 64 assistências. Assim, os torcedores ingleses se animaram com o jovem atacante.

Sancho começou a temporada no banco de reservas. Nos primeiros dois jogos da Premier League, o inglês entrou na segunda etapa, porém era nítido a falta de entrosamento com o elenco, coisa natural para um novo jogador. Porém, os bons momentos da época de Borussia não apareceram. Assim, Jadon começou a receber criticas da mídia e também dos torcedores do Manchester United.

Após 13 jogos, Sancho marcou o primeiro gol com a camisa dos Red Devils, jogo que aconteceu pela fase de grupos da UEFA Champions League, diante do Villarreal. Entretanto, o desempenho continuava abaixo do esperado. O jovem Elanga começou a receber algumas oportunidades no lugar de Jadon no fim da temporada 2021/22. Dessa maneira, voltou ao banco de reservas. Ao todo, foram 38 jogos, cinco gols e três assistências. Com apenas 22 anos, o inglês possui tempo para dar a volta por cima.

Martial

Anthony Martial começou a época 2021/22 no Manchester United. Mas, com as poucas oportunidades, em janeiro de 2022, o francês foi emprestado ao Sevilla, da Espanha. Após sete anos na Inglaterra, o atacante teria uma nova chance para recomeçar em uma nova equipe. No início, o atleta mostrou um bom rendimento e deu uma assistências em três jogos.

Todavia, Martial sofreu uma lesão muscular e ficou três jogos fora. Assim, após se recuperar, o jogador mostrou um baixo rendimento e chegou a não ser convocado para os confrontos por opção do técnico Julen Lopetegui. Então, com apenas nove jogos e uma assistências, o Sevilla já anunciou que Anthony voltará para o Manchester United na próxima temporada. O presidente da equipe espanhola, Castro, comentou sobre a decisão: “Anthony Martial retornará ao Man United. Gastamos dinheiro importante com ele, mas não funcionou”.

Jack Grealish

Contratado por 117,50 milhões de euros, Jack Grealish chegou ao Manchester City após boas temporadas pelo Aston Villa, também da Inglaterra. Com altas expectativas para trabalhar ao lado de Pep Guardiola, o inglês iniciou o Campeonato Inglês entre os titulares. Além disso, marcou um gol e deu uma assistências nas três primeiras rodadas. Após o bom começo no City, o atleta de 26 anos caiu de rendimento. Então, acabou indo para o banco de reservas.

Na Champions League, o único destaque foi na primeira rodada, jogo contra o RB Leipzig, da Alemanha. Naquela ocasião, Jack marcou um gol e deu uma assistência. Após isso, o inglês ficou entre os suplentes na competição européia. Em resumo, foram 39 jogos, seis gols e quatro assistências na temporada 2021/22. Números abaixo para um jogador que custou mais de 100 milhões de euros.

Jack Grealish continuará no Manchester City na época 2022/23. Com mais tempo ao lado de Pep Guardiola, o inglês pode entender melhor a maneira como o espanhol coloca o time em campo e a filosofia implantada pelo treinador. Assim, render o esperado para os torcedores da equipe inglesa.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »