29/08/2022 às 11h35min - Atualizada em 29/08/2022 às 11h26min

Tomorrow e o setembro amarelo

O drama coreano que trata de tema sensível e consegue ser pesado e leve ao mesmo tempo.

Larissa Pessoa - Editado por Ana Terra
Fonte: Nerd Cult News/ Reprodução: Google
Setembro é um mês delicado e importante, institulado como “setembro amarelo”, criado em 2015 pelo Centro de Valorização da Vida (CVV) e tem como objetivo conscientizar a população acerca de problemas psicológicos que podem levar alguém a atentar contra a própria vida. É com essa premissa ligada a conscientização, que o seriado coreano Tomorrow, finalizado em maio na Netflix, aborda o tema por meio da fantasia sobrenatural e adereços lúdicos.
Durante os dezesseis episódios do drama os sentimentos que permeiam são revolta, tristeza e ternura, além de alguns momentos divertidos, a maneira como as produções asiáticas conseguem unir coisas tão distintas no mesmo universo é realmente peculiar e admirável. Com isso, a abordagem desse assunto tão delicado consegue nos envolver e inspirar, gerando ao contrário do que se espera, um olhar esperançoso para o tema.
A história mitológica é conduzida na ótica de um jovem que por salvar um mendigo que tentava saltar uma ponte, acaba ficando em coma e estando “meio morto” e “meio vivo”, agora entra para uma equipe de ceifadores (anjos da morte), que ao contrário do que se espera, possuem a missão de impedir a passagem intencional das vidas para o mundo dos mortos. Assim, passamos a acompanhar vários casos de personagens em particular que não desejam mais viver. Com o aviso de gatilhos e recomendações para buscar ajuda, cada episódio escala entre temas mais leves e temas mais pesados, como bullying, abuso sexual e crimes de guerra, sendo um verdadeiro “soco no estômago” na hora de compreender as causas que levam alguém a tomar uma decisão tão drástica. Ficando assim a maior reflexão, “quem pensa em tirar a vida na verdade quer viver” e é por essa desejada vida que os ceifadores da equipe de prevenção tanto lutam durante toda trama.

Abordar esse tema de forma tão cuidadosa e precisa em um drama é algo marcante, especialmente para a Coréia, que está entre os 10 países onde esse problema social é mais forte no mundo, ocupando atualmente o terceiro lugar no ranking, sendo algo tão cultural que quase todas as produções do país costumam fazer pelo menos uma menção a esse tipo de acontecimento.

O Brasil hoje ocupa o oitavo lugar, segundo a OMS(Organização Mundial da Saúde), e agora com a chegada de setembro o tema estará em atuação. Assim Tomorrow é uma ótima produção para promover a conscientização independente do país, com delicadeza e precisão aborda o assunto com a medida equilibrada de peso e leveza, que ao contrario de algumas produções ocidentais que pretendiam conscientizar sobre o tema, não conduzem o telespectador a desesperança mas sim ao desejo pela vida.
Obs: Se você precisar de ajuda ligue 188 ou acesse https://www.cvv.org.br/ .

REFERÊNCIAS  
OS 10 PAÍSES COM AS MAIORES TAXAS DE SUÍCIDIO DO MUNDO. megacurioso.com.br. Sem ano. Disponível em <https://www.megacurioso.com.br/politica/91732-os-10-paises-com-as-maiores-taxas-de-suicidio-do-mundo.htm>. Acesso em: 29 de agosto de 2022.
Brasil é o oitavo país com maior número de suicídios, aponta OMS. camara.leg.br. Sem ano. Disponível em <https://www.camara.leg.br/radio/programas/440947-brasil-e-o-oitavo-pais-com-maior-numero-de-suicidios-aponta-oms/>. Acesso em: 29 de agosto de 2022.
Tomorrow. Netflix.com.br. 2022. Disponível em <https://www.netflix.com/search?q=tomo&jbv=81503460>. Acesso em: 29 de agosto de 2022.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »