02/09/2019 às 16h36min - Atualizada em 02/09/2019 às 16h36min

CASAL SAI DO ANONIMATO PARA O ESTRELATO

Maicon Sutil - Editado por
Arquivo Pessoal
Há quem pense que youtubers são pessoas com vidas luxuosas, cheios de fama. Mas não, eles são pessoas de carne e osso, que muitas vezes veem no youtube uma forma de se expressar, colocar o que eles gostam em prática.

Alguns até tentam colocar em jogo o que aprenderam na faculdade. Mais precisamente em jornalismo. Canais de jovens como Whinderson Nunes, Felipe Neto, Kéfera Buchmann, e outros são algumas webs celebridades que estão fazendo a cabeça das crianças, adolescentes e até mesmo adultos, mostrando a vida pessoal, profissional e social.

Um casal que busca sucesso na internet, MATTIEL (junção de Matheus e Gabriel), são alunos de Jornalismo da Uninter, em Curitiba (PR). No Youtube, eles colocam a vida pessoal e amorosa em “jogo” para, até mesmo, incentivar pessoas lésbicas, gays, bissexuais, travestis, transexuais e intersexo, a se assumir, a se aceitar. E eles produzem conteúdo, colocando em prática o que eles estão aprendendo na faculdade.

Porém, em momento algum eles falam como é ser LGBTI+ nas faculdades brasileiras. Juntos há um tempo, eles mostram como se conheceram e se assumiram para as famílias e sociedade. O casal diz que nunca sofreu preconceito por parte dos seguidores. Muito pelo contrário, foram muito bem recebidos pelas pessoas que veem o canal.

Com mais de doze mil inscritos, eles relatam como é a vida de namorados no dia-a-dia, fatos que o casal tem em comum e os seguidores querem saber e outros assuntos pertinentes a esse padrão de vida, influencer digital. Devido à ótima receptividade que eles conseguiram com o canal, os futuros jornalistas estão em processo de desenvolvimento de um canal mais ativo, com maior fluxo de vídeos, passando de mensais para quinzenais, e até mesmo semanais.

“Foi uma coisa que a gente fez muito junto, e tenho certeza que é por isso que está dando certo, porque estamos na mesma sintonia”, disse Gabriel em entrevista para o repórter. O nome do canal é um shipp de Mateus Cardoso e Gabriel Bertaluzzi, um dos casais homoafetivos que a Uninter tem no corpo de estudantes.

https://www.youtube.com/channel/UCNqSTY6WF-f0pijmiaxemzw https://www.youtube.com/watch?v=YkWqGGcCer4
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »