13/10/2019 às 14h58min - Atualizada em 13/10/2019 às 14h58min

Desenhos animados que são machistas e talvez você não tenha percebido

Eduarda Oliveira - Editado por Bárbara Miranda
A presente sociedade feminina está a lutar crescentemente por seu espaço em diversos lugares, e para que se quebrem paradigmas da cultura do machismo. Aquela em que, o sexo masculino se sobressai ao feminino se sentindo superior. Expondo a desigualdade de gênero, observamos que a imagem feminina tem seus passos éticos e sociais limitados. Anos depois algumas obras infantis, como desenhos animados, vem a tona trazendo a mulher em posição desigual, que só viemos a perceber mais tarde ou acabamos por nem ver.
 
Como se não bastasse, além de desde que nos entendemos por gente, que a mulher é sempre representada como algo frágil, a princesa que espera ser resgatada pelo homem, como se não fosse suficiente este estereótipo, ainda existem representações babacas de problemas enfrentados pelas mulheres e que acabam virando piada em desenhos assim sexualização é uma delas.
 
As estatísticas estão aí, para não deixar mentir. É importante fazer uma reflexão do que estamos trazendo para a atualidade. E por isso trago aqui, alguns desenhos infantis ou não que são considerados machistas e que antes por não existir tantos debates, talvez passasse despercebido esses que ainda podem fazer sucesso com as crianças,que ainda estão construindo sua própria mentalidade, e acabam por achar normal aquilo visto.

The Ren & Stimpy Shaw

FONTE: IMDb.

‘The Ren & Stimpy Show’
é o primeiro da lista, que de fato o programa rompeu os limites do bom gosto mais do que qualquer outro desenho havia feito antes , como : seu nível de humor escatológico, particularmente fixado em flatulências e ranho, só foi ultrapassado talvez por Beavis and Butt-Head ou The Brothers Grunt. Apesar de algumas vezes parecer apenas uma série escatológica e visualmente repulsiva, a série satirizava vários aspectos da cultura norte-americana da maneira mais ofensiva possível e causou desconforto em muitos telespectadores e executivos do estúdio.

Johnny Bravo


FONTE : Não me Kahlo.

'Johnny Bravo’
ficou, tipicamente, conhecido nos últimos meses após o atual presidente da República se comparar a ele. Não esperava menos, Johnny é o heterossexual de masculinidade frágil, aquele homem cis, que nós mulheres temos repugnância, deixando claro, que pode conquistar tudo por ser homem e, como se o que nos atraísse fosse apenas um corpo cheio de músculos. O desenho claro é uma representação cômica uma crítica e um acorda pra a geração de agora, principalmente após a comparação preocupante.

American Dad

American dad
FONTE : Simpsons Wiki.

'American Dad’
é um desenho de temática adulta, a série lançada em 2005 retrata a família Smith, tendo Stan Smith (o pai) como personagem principal. Ele é machista e extremamente impulsivo, chegando a matar um cachorro por confundi-lo com o terrorista Osama Bin Laden.

Ricky e Morty

Rycky and Morty FONTE : Oni Press.

Ricky e Morty’
você com certeza já deve ter ouvido falar, é um sucesso absoluto, que se mantém ainda, apesar de temas apelativos. É uma trama machista, que recorda um episódio marcante, de um sonho bem erótico, que o professor de Morty teve com uma menor de idade. Ora, o machismo existente na série e não faz questão de ser excluído ou sequer disfarçado por seus roteiristas, sendo uma característica constante desde o piloto. E não existe apenas em um episódio exclusivo, poderia ser feita outra lista de quantos episódios feriram o sexo feminino.
 
As vezes o desenho em sim é bem bacana, mas acaba pecando em algumas coisas, o que vale é refletir sobre o que lhe foi apresentado e ter consciência do machismo que nós ronda ainda. Esse sistema patriarcal, que vem presente em pequenas coisas. É preciso identificar qual seu lado nessa luta, porque antes de ser algo de ficção é tudo bem real.
 
 
REFERÊNCIAS
 
GELEDÉS INSTITUTOt DA MULHER NEGRAS. Desenhos infantis que reforçam a cultura machista. Disponível em:  <https://www.geledes.org.br/desenhos-infantis-que-reforcam-a-cultura-machista/amp/>. Acesso em: Out 2019.

PAULINO, Raquel. 18 desenhos animados completamente sem noção. Disponível em: <http://on.ig.com.br/imagem/2014-11-07/18-desenhos-animados-completamente-sem-nocao.html>.Acesso em: Out 2019.
 
PALMEIRA, Fabio Bispo. DESIGUALDADE DE GÊNERO: O MACHISMO REINANTE NA SOCIEDADE. Disponível em:  <https://m.meuartigo.brasilescola.uol.com.br/direito/desigualdade-genero-machismo-reinante-na-sociedade.htm >.Acesso em: Out 2019.
 
COLABORAÇÃO PARA O BOL. Conheça 15 desenhos animados feitos para o público adulto. Disponível em:  <https://www.bol.uol.com.br/listas/conheca-desenhos-animados-feitos-para-o-publico-adulto.amp.htm>.Acesso em: Out 2019. 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »