21/12/2019 às 20h30min - Atualizada em 21/12/2019 às 20h30min

Ítalo Ferreira: Da capa de isopor para a conquista de um grande título

Conheça um pouco da história do mais novo campeão mundial de Surfe

Naiane Feitosa - Editado por Paulo Octávio
Ítalo Ferreira celebra a conquista. Foto: Ed Sloane/ Oficial/WSL
Ítalo Ferreira, natural de Baía Formosa (68 KM de Natal, RN), começou brincando de surfar em uma tampa de isopor, e hoje, com 25 anos de idade, é campeão Mundial de Surfe após bater Gabriel Medina na decisão de Pipeline, no Havaí. E é um dos três brasileiros que ganharam o torneio. O Brasil já tinha dois grandes campeões que o representam o esporte mundial: além do Gabriel Medina, que venceu em 2014 e 2018,  Adriano de Sousa conquistou o Mundial em 2015. 


Em entrevista ao Beach Grit, Ítalo relembrou como tudo começou. Ainda criança, acompanhava o pai na revenda de peixes e como era magro e pequeno, Ferreira não podia deixar passar em branco a oportunidade de usar a tampa do isopor para surfar. Foi assim que o jovem deu o “ponta a pé” inicial para crescer no Surfe. O surfista ainda ganhou da World Surf League  (WSL) um apelido: o campeão do povo. Ítalo não quis se mudar para algum dos grandes centros do Surfe mundial como Califórnia, preferiu continuar em seu amado cantinho no Rio Grande do Norte, onde nasceu e foi criado. 
 


Confira os melhores momentos do triunfo de Ítalo. Canal: World Surf League
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »