27/01/2020 às 20h32min - Atualizada em 31/01/2020 às 21h16min

Ghibli e Netflix, a parceria do ano

O estúdio finalmente decidiu lançar seus filmes na plataforma de streaming

Lunna Rocha - Editado por Mário Cypriano
Logotipo do Studio Ghibli - Imagem: Divulgação
Criado em 1985 por Hayao Miyazaki com colaboração de Isao Takahata, Toshio Suzuki e Yasuyoshi Tokuma, o Studio Ghibli, estúdio de animações japonês, tornou-se referência no mercado cinematográfico por suas produções que fogem do padrão mágico Disney.

Abordando desde as temáticas mais complexas da sociedade japonesa até as pautas mais gerais como infância e amizade, conquistou milhares de fãs ao redor do mundo, que há muito tempo pediam a disponibilização dos filmes nas plataformas digitais. Depois de muita relutância, o estúdio cedeu ao desejo dos fãs.


A partir do dia 1º de fevereiro, algumas das produções já estarão disponíveis na Netflix e as demais serão acrescentadas continuamente até abril. Além disso, Ghibli também liberou suas produções para dowload em outras plataformas como Apple TV e Google Play. 

Trecho de A viagem de Chihiro, ganhador do Oscar de Melhor Animação - Imagem: Reprodução

Trecho de A viagem de Chihiro, ganhador do Oscar de Melhor Animação - Imagem: Reprodução



Em termos de qualidade, as premiações que as animações de Miyazaki receberam respondem por si só. A viagem de Chihiro (2003) foi premiada com o Urso de Ouro no Festival de Berlim e o Oscar de Melhor Animação em 2003. Outra animação Meu amigo Totoro (1988) não recebeu indicações ao Oscar porém ganhou o prêmio de Melhor Filme no Kinema Junpo Award em 1989. Além de que Totoro, personagem do filme, tornou-se uma figura tão popular que foi nomeado logotipo oficial do Studio Ghibli e já apareceu em outras animações como Toy Story 3.

Totoro em Toy Story 3 (2010) - Imagem: Reprodução

Totoro em Toy Story 3 (2010) - Imagem: Reprodução


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »