28/02/2020 às 12h41min - Atualizada em 28/02/2020 às 12h41min

Figurino de 'Alice In Wonderland' recria personalidades a partir das cores

A figurinista Colleen Atwood cria identidades visuais com significado das cores

Larissa Barros - Editado por Haylane Santos
Reprodução / Pinterest

 
Nos figurinos do filme Alice no País das Maravilhas - dirigido por Tim Burton, ficam encarregados como proposta principal as tonalidades com pouco brilho, e pouca quantidade de saturação. Essas nuances foram escolhidas com o objetivo de criar um ambiente melancólico, sombrio e bizarro na adaptação – tornando mais fácil a identificação das personalidades de cada personagem.

A linguagem não verbal presente no estilo das roupas, cabelos, maquiagens, sotaques e cores, são utilizadas para construir a narrativa do filme.  Alice (Mia Wasikowska), o Chapeleiro Maluco (Johnny Depp) e os outros personagens, compartilham um pouco da sua visão de mundo, além das próprias angústias através das cores das roupas vestem. Muitas metáforas são criadas através do figurino. Os tons acinzentados na maioria das cenas, recriam os sentimentos sombrios do País das Maravilhas durante o reinado de tirania da rainha vermelha.

 O azul, além de ser uma cor feminina, está presente em praticamente todas as roupas de Alice, do coelho e de vários outros personagens por causa dos seus significados, como: simpatia, amizade, fidelidade e fantasia. A personagem demonstra essas características em todo o longa. 


 

via GIPHY
 

A imagem formada  a partir destes detalhes, ajudam a compreender um pouco da linguagem, e da ideia central que será  transmitida – ou seja, os sentimentos, e as angústias dos personagens.

A análise da cor do figurino de Miranda  (Anne Hathaway),a a rainha Branca, traz o branco como a cor do bem, da inocência. Porém, como as pessoas não são totalmente boas ou más, o figurinista do filme (Colleen Atwood), utilizou a maquiagem com tons carregados, com o batom e esmalte na cor preta, para demonstrar que a rainha também tem seu lado obscuro. 

O preto, além de ser uma cor elegante, é também do poder, da violência, morte e negação. É possível observar todas essas características no Valete de Copas (Crispin Glover).


 

via GIPHY

Algo que não poderia ser esquecido ao falar dos figurinos, e as cores que compõe o estilo do filme Alice no País das Maravilhas, é a rainha vermelha (Helena Bonham Carter). Ela traz o vermelho, cor destinada aos reis, e das paixões em tudo que a cerca. As roupas, os soldados, as rosas, levam essa cor para demonstrar o amor e o ódio existente na personagem.

O laranja do cabelo do Chapeleiro é a cor em seu estado mais puro, com a própria força da saturação. O personagem de Johnny Depp, possui sentimentos puros e sinceros,  ao mesmo tempo que também carrega um lado sombrio, em razão das coisas que já presenciou. 

 

via GIPHY

 

via GIPHY

A construção de figurinos de filmes e séries passam por várias etapas até chegar ao produto final. A criação da imagem, personalidade, falas e estilo da trama, fazem parte da construção, e são usados para dar uma base de entendimento para quem assiste. Essa criação é complexa e exige análises e testes de imagem. Por causa disso, os telespectadores conseguem entender a trama a partir do lado visual. 




 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »