12/04/2019 às 11h54min - Atualizada em 12/04/2019 às 11h54min

Veja dicas de como criar uma rotina de leitura

Saiba como driblar a falta de tempo e as distrações digitais

Larissa Reis
Foto: Pixabay
Criar uma rotina de leitura é um desafio para muitas pessoas. Seja por falta de tempo, ou até mesmo por falta de interesse, esse hábito costuma ser esquecido na gaveta mais funda das nossas prioridades. Nesse texto reunimos dicas de leitores que, assim como nós, também possuem suas limitações no cotidiano, mas que de alguma forma conseguiram driblar essas dificuldades para incluir a literatura em seu dia-a-dia.
 

1 - Busque assuntos que gosta

Se você não tem o hábito de ler, comece com assuntos e gêneros que lhe despertem interesse. Sejam eles mangás, romances açucarados ou até mesmo a biografia do seu artista preferido. O importante é começar! Com o passar do tempo, comece a se desafiar com leituras mais densas e que possam te agregar conhecimentos e perspectivas diferentes das que você vive. O poder mais incrível que a literatura tem para oferecer é o de fazer a gente pensar fora da caixinha.
 

2 - Estabeleça metas reais

Com a rotina cheia, nossa tendência é ir “empurrando com a barriga” tarefas que não nos trarão resultados imediatos. Por isso, estabelecer metas de leitura é fundamental para que se consiga criar uma rotina literária. Mas não adianta querer abraçar o mundo de uma vez só! Ao estabelecer as metas, seja realista. Comece com uma meta pequena e vá aumentando gradativamente. Vale se prometer 10 minutos diários de leitura, ou então ler 10 páginas por dia. Ao ir cumprindo seus objetivos você se sentirá mais motivado a ir cada vez mais longe!
 

3 - Leituras online

A internet foi um fator muito importante no processo de democratização da literatura. Através dela, podemos ter acesso a materiais de qualidade, gratuitos e na palma da mão. Mas, é importante saber utilizar as ferramentas disponíveis para tirar o melhor proveito da leitura. Ao ler pelo celular, estamos propensos a nos dissipar muito facilmente com as notificações que podem aparecer a qualquer momento. E se nos privamos de vê-las, acabamos ficando ainda mais ansiosos e distanciando completamente o nosso foco da leitura. Por isso, a leitura através de aparelhos Kindle, por exemplo, pode ser uma boa alternativa. Caso o único meio seja o celular, procure desativar as notificações das redes sociais até que conclua o tempo de leitura estimado.
 

4 - Aproveite as brechas

Leia sempre onde e quando puder. No ônibus a caminho do trabalho, na fila do banco, no intervalo da faculdade. Reservar seus minutos de redes sociais para leitura é mais que uma troca, é um investimento! Coloque na balança os benefícios que cada um te traz e tire a prova você mesmo. Ao aproveitar cada brechinha do seu dia para uma leitura breve, você alcançará sua meta anual de leitura com muito mais facilidade. Para isso, também é importante estar sempre com um livro por perto. Ande sempre com sua leitura na bolsa ou bolso e voialà!
 

5 - Absorva o conhecimento

Ao terminar de ler um livro, uma das perguntas que devemos nos fazer é: no que ele foi útil para a minha vida? Por isso, sempre que concluir qualquer leitura, escreva em um caderno todos os pontos da história que te fizeram refletir, questões que te chamaram a atenção e até mesmo que moral você tirou daquele emaranhado de palavras. Vale escrever todas as suas impressões, por mais doidas que elas pareçam! Esse material será só seu e você se sentirá muito mais maduro a cada leitura.

Se você chegou até o final desse texto: parabéns! É esse o caminho. O exercício da leitura é cansativo e demanda muita força de vontade. Mas, quando feito da forma que mais se adéqua a nossa rotina, ele pode ser mais prazeroso do que se imagina. Abrindo nossa criatividade e nos fazendo conhecer outras realidades, os livros podem ser, acima de qualquer outra coisa, nossos melhores amigos.
 
Editado por Leonardo Benedito.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »