28/04/2020 às 23h23min - Atualizada em 28/04/2020 às 23h23min

Confederações europeias estudam melhor cenário para o encerramento de ligas

Itália e Espanha planejam volta aos treinos, enquanto França e Holanda anunciam o fim da temporada

Carlos Augusto dos Santos - Editado por Paulo Octávio
Estádio San Siro, na Itália, um dos país que mais sofrem com Coronavírus. Foto: Emilio Andreoli-UEFA-Getty Images
Sem data definida de retorno por conta da Pandemia do Covid-19, alguns campeonatos na Europa estão sendo encerrados. Esse é caso das Ligas holandesa e francesa. Nesses países, as entidades locais optaram por encerrar a temporada e não há campeão e nem  rebaixamento. "Os grandes eventos esportivos não podem ocorrer antes de setembro. A temporada de futebol de 2019/2020 não pode retornar", disse Édouard Philippe, primeiro ministro da França. As outras grandes ligas europeias ainda vivem dias de definições sobre a continuidade dos torneiose. Veja como esta à situação de cada local.

ITÁLIA

No ultimo dia 21, os clubes da séria A, se reuniram por vídeoconferência e foi decidido que as 12 partidas restantes do Campeonato Italiano mais a Copa da Itália serão realizadas até o fim. Na assembleia não ficou estipulada a data para volta das competições. Mas, no domingo passado (26),  o primeiro ministro italiano, Giuseppe Conte, confirmou que equipes esportivas podem retornar aos trabalhos a partir de 4 de maio. O ministro ainda ressaltou que os jogadores terão que seguir as regras do distanciamento social e que as atividades em grupos serão permitidas em 18 de Maio.

“Então tentaremos ver se eles podem continuar com as competições que estão suspensas. Só chegaremos a essa conclusão se for garantido que é seguro. Não queremos que nossos atletas fiquem doentes”, declarou.  Inicialmente, achei estranho que o campeonato pudesse ser interrompido ou suspenso, mas acho que até os torcedores mais apaixonados entendem que não havia alternativa”, acrescentou.
 
INGLATERRA

Com as partidas paralisadas desde 13 de março, o futebol inglês pode ter seu futuro defindo na próxima sexta feira (1) quando haverá uma reunião com os clubes da Premier League para decidir um calendário para o termino da temporada. A ideia é que isso ocorra em 18 de maio e  pode ser decidido que as 92 partidas restantes seriam disputados de portões fechados. Mas por enquanto nada é definido oficialmente. Alguns clubes já estão se antecipando e obedecendo os protocolos de distanciamento oficial. Arsenal, West Ham, Totteham e Brighton recomeçaram os trabalhos; os jogadores foram a campo e respeitaram as regras de distanciamento social.  
 
ESPANHA

O primeiro ministro da Espanha, Pedro Sanhez, anunciou  nesta terça (28) o desaceleramento do confinamento social.
 Para o esporte, foi montado um protocolo com quatro etapas. Veja abaixo:

1 – A partir de 4 de maio, os jogadores podem  retornar aos centro de treinamento
2 – Em 18 de maio, atividades em pequenos grupos estram permitidas
3 – treinamentos com os elencos completos serão permitidos em 1 de junho.
4 – Em 5 de junho, esta prevista a volta do Campeonato Espanhol, mas com portões fecgados.

“Esta é a fase de preparação da transição ou a da diminuição progressiva, na qual já estamos. Se queremos praticar desportos, e se antes corríamos com um grupo de amigos, agora teremos de o fazer sozinhos. Se quisermos andar de bicicleta, teremos que levá-la sozinhos”, disse o governante.

A La liga foi paralisada na 27° rodada, com o Barcelona (58) na liderança, seguindo por Rela Madrid (56) e Sevilla (47).

ALEMANHA

Dia 9 de maio. Essa seria a data estipulada para o retorno do Campeonato alemão. Mas com o aumento considerável de casos do Covid-19 no país nos últimos dias, a chanceler Angela Merkel, juntamente com os 16 ministros do esporte, remarcarou o encontro de 30 de abril para 6 de maio. Dessa maneira, a ideia inicial “cai por terra” e uma definição para a volta da Budesliga fica mais distante. O Campeonato alemão foi paralisado em março faltando nove rodadas para o término. O Bayern de Munique lidera a competição com 55 pontos , seguido pelo Borussia Dortmund, com 51.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »