28/05/2020 às 22h24min - Atualizada em 29/05/2020 às 15h24min

​“Nos vestimos para nos proteger”, diz Isabella Fiorentino

Em live a modelo falou sobre o consumo da moda durante pandemia

Larissa Barros
Reprodução / Instagram
Em meio a pandemia causada pelo novo coronavírus (covid-19) alguns influenciadores apostam da redução do consumo da indústria da moda. Em uma live no instagram, nesta terça-feira (26), a modelo e apresentadora Isabella Fiorentino, afirmou que por causa do vírus as pessoas estão se vestindo para se proteger e usando uma moda mais utilitária. 

“Acho que com esse vírus, as pessoas que precisam sair de casa como eu que voltei a gravar, eu não penso mais na cor que vai ser legal, no shape novo. Preciso me proteger. Preciso está com uma calça que não vai arrastar no chão, preciso tá com uma bota que vai me proteger, preciso tá com as minhas mãos livres. Preciso de bolsos para colocar meu álcool gel, minha máscara”, disse a modelo.

Segundo a apresentadora, ela sente que o consumo consciente dessa indústria está crescendo. Principalmente por causa da necessidade financeira, pois com a pandemia houve um aumento do desemprego e redução do faturamento de muitas empresas do ramo da moda.

Ainda de acordo com Isabella, atualmente, o ato de se vestir não está sendo mais usado para mostrar a roupa, mas sim para expressar o que cada um quer passar.

 “As pessoas não estão mais se vestindo para mostrar nada para ninguém. As pessoas estão se vestindo para ser uma expressão do que realmente ela é e o que ela quer passar, e como quer que os outros enxerguem ela’’, afirmou Isabella.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »