04/08/2020 às 20h53min - Atualizada em 04/08/2020 às 20h49min

Campeão do Mundo, Iker Casillas anuncia aposentadoria dos gramados

Com diversos títulos em toda sua carreira, goleiro da adeus ao futebol

Eduardo Trindade - labdicasjornalismo.com
Iker Casillas em jogo pelo Porto. Foto: José Coelho/Lusa
Com seus 39 anos, Iker Casillas anunciou na manhã de terça-feira (4) sua aposentadoria em carta publicada no seu Twitter. Decisão essa que veio um ano após ele sofrer com um infarto durante treino pelo Porto, sua última equipe, mas o espanhol acabou terminado a temporada sem nenhuma partida desde sua volta. “Hoje é um dos dias mais importantes e, talvez, mais difíceis da minha vida esportiva: chegou o momento de dizer adeus” disse Casillas.
 
“Um dia difícil, mas não um dia triste, pois me considero um afortunado por ter chegado até aqui. E não me refiro a títulos, mas sim a parte humana. O importante é o caminho que você percorre e as pessoas que o acompanham, não o destino para onde o leva, porque que com trabalho e esforço vem sozinho e acho que posso dizer, sem hesitar, que esse foi o caminho e o destino dos sonhos”, completou o goleiro em sua carta de despedida.

Após o anuncio, algumas agremiações homenagearam o agora ex jogador. O Real Madrid publicou em suas redes socias uma mensagem de agradecimento e um vídeo com defesas importantes do arqueiro pelo clube. O Porto também publicou um vídeo e uma frase com a seguinte escrita: “Obrigado, Casillas, para sempre um de nós”. A FIFA, entidade máxima do futebol, relembrou as defesas na campanha do título mundial de 2010 e disse que o goleiro foi “um ícone da seleção espanhola”.

Com quase toda sua trajetória no futebol feita no Real Madrid, Casillas chegou ao clube com apenas nove anos de idade e defendeu as cores da equipe por 25 anos. Ele 
passou oito anos nas categorias de base e só foi promovido ao profissional em 27 de novembro de 1997 -- quando ainda tinha 16 anos --- pelo até então treinador Jupp HeynckePelos Merengues, o espanhol conquistou diversos títulos: cinco Campeonatos espanhóis, duas Copas do rei, quatro Supercopas da Espanha, três Liga dos Campeões, duas Supercopas da Uefa e três Mundiais de clubes. O goleiro disputou 725 jogos pelo clube espanhol  e marcou de vez seu nome na historia do clube de Madrid.

Na seleção espanhola, Casillas teve sua primeira convocação para da disputa da Eurocopa de 2000, mas o jogador não foi utilizado naquele campeonato. Posteriormente, foi titular em boa parte vitoriosa da Espanha e foi o capitão da equipe na Copa do Mundo de 2010 e nos títulos das edições de 2008 e 2012 da Eurocopa.

Em 2015 foi contratado junto ao Porto, a pedido do treinador Julen Lopetegui, e logo assumiu a titularidade do gol dos Dragões. O goleiro conquistou o campeonato português, da temporada de 2017-2018, mas posteriormente passou o momento mais complicado de sua vida, ocasionado por um enfarte.

Iker Casillas em toda sua carreira, além de títulos por equipes, coleciona troféus individuais, tais como: Troféu Bravo (2000), Revelação do Campeonato espanhol (1999/2000), Troféu Zamora (2007/2008), Time do ano (2007,2008,2009,2010,2011,2012), Melhor goleiro do campeonato espanhol (2009 e 2012), Luva de ouro (2010) e Melhor Guarda Redes da liga portuguesa (2017 e 2019).

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »