05/08/2020 às 16h35min - Atualizada em 05/08/2020 às 16h27min

Com uma última volta dramática, Hamilton vence GP da Grã-Bretanha

Corrida foi marcada por pneus furados e problemas nos carros

Júlia Pôssas - labdicasjornalismo.com
Hamilton celebra conquista no GP da Grã Bretanha. Foto: Frank Augstein/Pool/Getty Images
O circuito de Silverstone foi a terceira vitória do hexacampeão na temporada 2020 da Fórmula 1. O inglês correu com o pneu dianteiro furado na última volta e, devido a vantagem que tinha aberto sobre Verstappen, levou a Mercedes a mais um pódio. “Na reta, o pneu estourou, e meu coração veio parar na boca. Fiquei realmente arrepiado no final.”, contou Hamilton. O piloto ainda afirmou que o engenheiro da Mercedes estava passando informações sobre Verstappen. “Definitivamente eu nunca experimentei algo assim na última volta.”, confessou.

Max Verstappen e Charles LeClerc completaram o pódio, garantindo, respectivamente, a segunda e a terceira colocação. Valterri Bottas, da Mercedes e Carlos Sainz, da McLaren, também tiveram problemas com os pneus, que furaram nas voltas finais. Bottas, que ficaria em segundo, acabou em décimo primeiro. Sainz, que ia garantindo a quarta colocação, ficou em décimo terceiro. Magnussen e Kvyat não finalizaram a corrida.

Já na equipe Racing Point, os problemas começaram antes do final de semana. O piloto Sergio Perez, não participou da etapa, pois testou positivo para o Coronavírus. Nico Hulkemberg foi escolhido para substituir o mexicano. Apesar disso, o piloto não largou, devido a problemas no carro. O próximo Grande Prêmio acontece também no circuito de Silverstone, nos dias 7, 8 e 9. O GP de 70 anos, como foi chamado, vai ser dedicado ao aniversário de 70 anos da Fórmula 1.

Treinos Livres:
Max Verstappen foi o mais rápido no primeiro treino livre da competição. Hamilton ficou com o segundo e Lance Stroll com o terceiro. Alex Albon garantiu o quarto melhor tempo. Nico Hulkemberg fez sua primeira sessão desde o GP de Abu Dhabi, no ano passado. Sebastian Vettel, da Ferrari, teve problemas no motor e ficou preso no box, não participando do primeiro treino.

Lance Stroll liderou o segundo treino e fez o melhor tempo. Bottas ficou em terceiro e Hamilton em quinto. Alexander Albon causou a única bandeira vermelha do segundo treino após bater em uma barreira de proteção. Apesar da boa colocação de LeClerc, que ficou em quarto, Vettel apresentou dificuldades, ficando em antepenúltimo. Foi mais um final de semana ruim para o tetracampeão. Já o terceiro treino livre foi liderado por Valterri Bottas e foi dominado pela Mercedes, com Hamilton em segundo. O piloto da RBR, Max Verstappen ficou em terceiro. A Ferrari teve dificuldade no treino, o que vem acontecendo com frequência na temporada. Apenas LeClerc ficou entre os 10 primeiros.

Qualificatórias:
Bottas, Hamilton e Verstappen foram Top 3 na Q1. Na segunda parte das qualificatórias, Bottas, Hamilton, Verstappen, Sainz, LeClerc, Ocon, Ricciardo, Norris, Vettel e Stroll levaram a melhor e se classificaram para a Q3. No final, a pole ficou com Lewis Hamilton, da Mercedes, e Bottas, Verstappen , LeClerc e Norris ficaram com as posições seguintes, respectivamente. Russel e Kvyat foram punidos com 5 posições no Grid de largada. O primeiro por desobedecer a bandeira amarela e o segundo por alterações no carro.
 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »