02/05/2019 às 17h42min - Atualizada em 02/05/2019 às 17h42min

Mogi recebe Franca no primeiro jogo das semifinais pelo NBB

No Ginásio Hugo Ramos, equipe de Mogi das Cruzes busca vitória em casa

Juan Pablo - Editado por Amanda Cruz
Franca Basquete e Mogi das Cruzes - Foto: Newton Nogueira/Divulgação
Neste sábado (04), às 14h (horário de Brasília), o time mogiano terá sua chance de abrir a vantagem na série pelas semifinais em casa, contra o Sesi/Franca. Após as duas equipes eliminarem seus adversários nas quartas de final (Mogi vencendo os 3 jogos o time do Ceará e Franca o time tradicional do Bauru), se cruzam para fazer uma disputa com "cara de final antecipada".

O time do Mogi tenta chegar pela segunda vez na história e consecutiva na competição, após o vice-campeonato na temporada passada superado pelo Paulistano na série por 3 a 1. Porém, do outro lado, tem um time extremamente forte e primeiro lugar na classificação geral do campeonato. O Franca busca sua classificação para final após 8 anos, que na ocasião foi derrotado pelo Brasília de 77 a 68.
 
O treinador Guerrinha e o auxiliar Danilo Padovani, do Mogi Basquete, serão desfalques nos próximos jogos das semis pela NBB, em consequência pelo caso de doping do ala Shamell, julgado em fevereiro deste ano. Com o afastamento dos dois, o comando ficará a cargo do também auxiliar técnico Alexandre Rios e do supervisor Cadum Guimarães, que estiveram à frente do time após a primeira decisão do TJDAD. Respectivamente, a dupla comandou a equipe em três jogos do time mogiano (nas derrotas contra o Corinthians Pinheiros, e na vitória contra o Botafogo).

Embora não esteja na beira da quadra, Guerrinha acredita que o entrosamento da comissão técnica, principalmente com Cadum, que jogaram juntos durante a Seleção Brasileira de Basquete, possa dar sequência ao trabalho para uma vaga na final da NBB:
 
"Nós já vivemos muito juntos em termos de basquete, seleção, clubes e momentos de conversa. Então isso ajuda muito nessa afinidade. Mas, com certeza, o time vai ajudar muito o Cadum e o próprio Alê. Cada jogo é uma situação, mas temos certeza que, mesmo não estando presentes fisicamente, eu e o Danilo estaremos juntos espiritualmente, o que acho que é uma força muito grande. Acredito muito na superação da equipe, como vem acontecendo ao longo dessa temporada."
 
E Cadum completou sobre sua atuação e a ausência do treinador:
 

"Não muda nada no esquema tático e no esquema de treino. Os jogadores estão acostumados com o Guerrinha comandando, mas não que o meu comando vá ser diferente. Muda o sentido da coisa, como eles vão escutar e receber isso. É uma questão de adaptação. Eu já passei por isso aqui com eles, então temos essa semana inteira para tentar ajustar isso. É uma sintonia fina. Eu não vou falar nada de diferente do que o Guerrinha falaria nos treinos e nos jogos." 
 

Veja o calendário da semifinal entre Franca e Mogi:

04/05/2019 - Jogo 1 - Mogi x Franca - Ginásio Hugo Ramos (às 14h)
08/05/2019Jogo 2 - Franca x Mogi - Ginásio Pedrocão (horário a definir)
10/05/2019Jogo 3 - Franca x Mogi - Ginásio Pedrocão (às 20h)
14/05/2019Jogo 4 - Mogi x Franca - Ginásio Hugo Ramos (às 20h)*
18/05/2019 - Jogo 5 - Franca x Mogi - Ginásio Pedrocão (às 14h)*
*Caso necessário


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »