13/10/2020 às 21h02min - Atualizada em 13/10/2020 às 21h00min

Pedro marca duas vezes, e Flamengo vira sobre Goiás no Maracanã

Centroavante rubro-negro marca no último lance, e cariocas igualam pontuação do Atlético Mineiro

Felipe Sousa
Com os dois gols de hoje, Pedro se igualou a Gabriel Barbosa na artilharia do Flamengo na temporada (Foto: André Durão)
Em jogo atrasado da 11ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Flamengo suou, mas venceu o Goiás nesta terça-feira (13), no Maracanã. O clube visitante saiu na frente com Vinícius, logo no início da partida; a partir daí, o jogo virou um ataque contra defesa, com o goleiro Tadeu sendo um dos destaques com defesas importantes. Pedro empatou para o Mengão no fim do primeiro tempo e, no último lance da partida, decretou a vitória dos donos da casa. Com a vitória suada no Rio de Janeiro, o Flamengo alcança os 30 pontos do líder Atlético Mineiro – o Galo leva vantagem no saldo de gols, além de ter um jogo a menos. O Goiás, por sua vez, segue na lanterna do campeonato com apenas 9 pontos ganhos.

PRIMEIRO TEMPO

A primeira jogada de perigo do jogo foi do clube goiano: logo no primeiro minuto, Shaylon cruza, e Rafael Moura cabeceia com perigo – o lance foi anulado por impedimento do centroavante do Goiás. O Flamengo, a partir daí, passou a ficar mais com a bola. Aos quatro minutos, após receber de Thiago Maia, Bruno Henrique serviu Pedro, que chutou para a primeira intervenção de Tadeu na partida. Aos dez, Michael cruzou para Bruno Henrique, que cabeceou por cima.

Em meio à pressão do rubro-negro, sai o gol do Goiás: Daniel Bessa cruza, e Vinícius, com muita categoria, finaliza de chapa e vence o goleiro Hugo. O gol sofrido lança ainda mais o Flamengo ao ataque, enquanto os esmeraldinos armam uma retranca para segurar o ímpeto do adversário e sair nos contra-ataques.

Aos 14, Willian Arão finaliza pra fora. Aos 21, em cobrança de escanteio, a bola sobra para Pedro; o atacante tenta uma bicicleta e finaliza por cima. Gerson foi outro que finalizou de longe para defesa de Tadeu, aos 23. Aos 27 minutos, em boa jogada de Gerson, o camisa 8 cruza para Natan, que cabeceia à queima-roupa para uma defesa sensacional do camisa 23 do Goiás.

A pressão do Flamengo segue: aos 34, Gerson dá um belo passe de calcanhar para Michael, que toca para Filipe Luís. O lateral finaliza com a perna ruim direto para as mãos de Tadeu. Bruno Henrique, aos 37 minutos, também finaliza em cima do goleiro do Goiás. No minuto seguinte, a pressão é recompensada: Bruno Henrique recebe pela esquerda e faz um cruzamento certeiro para Pedro, que finalmente vence Tadeu e empata o jogo no Maracanã.

Aos 43 minutos, polêmica: em cobrança de falta, David Duarte cabeceia e manda a bola para o fundo das redes; o árbitro assistente marca impedimento, confirmado pelo VAR. Já nos acréscimos, aos 47, outro milagre de Tadeu ao defender cabeceio de Bruno Henrique.

SEGUNDO TEMPO

Aos três minutos, Pedro recebe pela direita e cruza para Bruno Henrique, que carimba a trave do Goiás, o que mostra como o Flamengo voltou ainda mais agressivo para o segundo tempo. Pouco tempo depois, Breno é atingido involuntariamente no nariz pelas travas da chuteira de Bruno Henrique; o volante do Goiás é atendido e substituído por Ratinho, com um corte no nariz e suspeita de concussão.

A longa parada de três minutos deixa o jogo mais morno; Pedro tenta duas vezes aos 15 e 16 minutos, sem sucesso. Aos 20, em cobrança de escanteio, o camisa 21 do Flamengo cabeceia livre e obriga Tadeu a realizar mais uma grande defesa na partida. O Flamengo retém a bola e pressiona o Goiás, mas a arapuca esmeraldina somada à falta de criatividade no meio dificulta o trabalho dos atacantes flamenguistas.

Aos 30, o Goiás finalmente responde em chute de Keko e obriga Hugo a fazer boa defesa. Na jogada seguinte, foi a vez de Bruno Henrique finalizar para mais uma intervenção de Tadeu. A partir daí o Flamengo se lança completamente ao ataque em busca da virada.

Nos acréscimos do segundo tempo, aos 47 minutos, Bruno Henrique bate em cima da mão de Pintado dentro da área. Após reclamação do camisa 27 do Flamengo e consulta ao VAR, o árbitro decide não marcar a penalidade. Aos 50 minutos, no último lance da partida, Willian Arão tenta de fora da área; a bola rebate e sobra para Pedro, que desloca Tadeu para marcar o gol e decretar a vitória suada do Flamengo no Maracanã.

PRÓXIMOS CONFRONTOS

O Flamengo entra em campo já na próxima quinta-feira (15), contra o Red Bull Bragantino, no Maracanã, às 20h (horário de Brasíia). O Goiás, por sua vez, recebe o Bahia em Goiânia, na sexta-feira (16), às 20h.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »