24/10/2020 às 11h03min - Atualizada em 24/10/2020 às 11h00min

Litoral Norte de São Paulo se prepara para retomada do turismo

Respeitando medidas propostas pelo governo, cidades litorâneas flexibilizam acesso

Melissa Costa - Alexandra Machado
Foto: DIVULGAÇÃO/MELHORES DESTINOS
As cidades do Litoral Norte de São Paulo têm se destacado como destino seguro para a retomada do turismo no estado. Desde o inicio das flexibilizações, o setor reabre de forma gradual a seu patamar pré-pandemia. Ainda que seja necessário respeitar as medidas sanitárias para o funcionamento da região, as cidades litorâneas paulistas estão otimistas com o retorno de turistas a bares, restaurantes e hotéis. 

O otimismo tem base no estudo coordenado pelo Centro de Inteligência da Economia do Turismo (Ciet) da Secretaria Estadual do Turismo, em parceria com a Fundação Instituto de Administração (FIA) da Universidade de São Paulo (USP), que aponta que as primeiras viagens, nesse contexto de flexibilização, devem acontecer com viagens de curto período e destinos próximos. Sendo as regiões da Baixada Santista, Vale do Paraíba, Serra da Mantiqueira e Litoral Norte as com maior possibilidade de procura.

Essa informação também é a aposta do secretário Executivo do Circuito Litoral Norte, Gustavo Monteiro, que acredita que o turismo regional será o primeiro a retomar. Para o secretário de Turismo do Estado, Vinicius Lummerz, a tendência se deve à insegurança ainda presente em grande parte dos paulistas.

"Os viajantes ainda estão inseguros para encarar destinos mais longínquos, com voos demorados e situações desconhecidas. São Paulo oferece inúmeras opções de viagens de proximidade, todas alinhadas aos protocolos de segurança, privilegiando o contato com a natureza e o distanciamento social".

Para se preparar para a retomada do setor, a Prefeitura de Ilhabela tomou diversas medidas, entre elas, a liberação total da capacidade de hospedagem em hotéis. O decreto que permite essa flexibilização foi publicado no último dia 6. De acordo com a Prefeitura, o segmento de hotelaria têm mandito compromisso com a segurança dos hóspedes e funcionários, o que permitiu a flexibilização de passar o limite de 70% dos ocupantes, para 100%.

Esse compromisso do setor hoteleiro foi firmado em curso ocorrido no dia 20 de julho, onde a Prefeitura, por meio da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, preparou o setor - além também dos setores de alimentação, comércio, eventos e agências de turismo - para a retomada. 

Além do curso da Secretaria de Desenvolvimento, os comerciantes de Ilhabela e região também contaram com o curso "Retomada Turismo Litoral Norte 2020" do Programa Sebrae-SP. Realizado online em 8 encontros, direcionado para empresários dos segmentos de hotelaria, tinha o objetivo de preparar as empresas para retomada das atividades pós-pandemia.

Além de contar com a preparação dos setores, Ilhabela ainda fiscaliza ruas diariamente, com foco em estabelecimentos, e mantém sinalizações, carros de som e monitores nas praias para conscientizar e evitar aglomerações.

Outra medida para evitar aglomerações é a proibição do turismo de um dia. A exemplo de outros destinos como Búzios e Arraial do Cabo (RJ) e Monte Verde (MG), a Prefeitura da ilha decidiu que os que não possuem hospedagem na cidade não poderão visitar.

Em contraponto, São Sebastião voltou a permitir, no último dia 16, que ônibus de turismo de um dia poderão voltar a entrar na cidade. A Prefeitura, no entanto, protocolou regras como cadastro antecipado e vagas limitadas para 30 ônibus por dia.

Além de Ilhabela e São Sebastião, outras cidades como Bertioga, Caraguatatuba e Ubatuba também estão flexibilizando o setor e retomando o turismo em seus territórios. "Acredito que todo o Litoral Norte de São Paulo é um dos lugares mais seguros para o turismo pós-pandemia, porque começamos desde cedo a seguir todas as recomendações de segurança. Trabalhamos alinhados com a mesma ideia de segurar a onda para retomar no momento certo." afirmou o secretário de Turismo de Ubatuba, Potiguara do Lago.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »