05/11/2020 às 14h12min - Atualizada em 05/11/2020 às 13h34min

Mindhunter - série pode não ganhar uma sequência

David Fincher, diretor do seriado contou que o seriado é muito exaustivo para ser produzido

Leonardo Oliveira - Editado por Fernanda Simplicio
Mindhunter / Fonte: Netflix / Reprodução: Google

Mindhunter série original da Netflix, não deve ganhar uma sequência, afirmou David Fincher, diretor do seriado.
Ao promover uma entrevista para o site Vulture, sobre seu novo filme original Netflix “Mank”, o diretor do seriado contou e que a série “Foi demais para mim, é um trabalho de 90 horas por semana. Absorve tudo na sua vida. Quando finalmente terminei a segunda temporada, eu estava extremamente exausto, e eu pensei ‘não sei se tenho em mim nesse momento para produzir mais uma temporada". Ele também conta que a série é bem cara para ser produzida, “Eu honestamente, não acho que consigo fazer por menos que fizemos na segunda temporada. E preciso ser realista, o trabalho precisa dar o retorno positivo, e em Mindhunter essa conta não bate.”




Criada por Joe Penhall, a série foi adaptada de um livro com mesmo nome, Mindhunter: Inside the FBI’s Elite Serial Crime Unit, escrito pelo veterano do FBI John E. Douglas e pelo escritor Mark Olshaker. No Brasil o livro foi traduzido para Mindhunter: O Primeiro Caçador de Serial Killers Americano. Na história do livro, mostra os bastidores de alguns casos mais terríveis, baseado em fatos reais e por essa mesma premissa que segue a história da série, contando sobre um grupo de agentes do FBI que começam a traçar o perfil de assassinos em série para entender suas mentes e perseguir criminosos que cometem esses tipos de crimes.

Na primeira temporada, temos a participação do Edmund Kemper, sendo o Serial Killer que mais aparece na série. Ele conta em detalhes no seriado sobre seus crimes e como achava que a polícia não iria lhe encontrar, ele se entregou. Na segunda temporada, o grande foco é Wayne Williams, envolvido e suspeito a matar quase 30 crianças em Atlanta. Até hoje não foi possível relacionar os crimes de Wayne a nenhuma outra pessoa. Ainda na segunda temporada, temos a participação breve de Charles Manson, líder de uma seita que aterrorizou os Estados Unidos em 1969, preso pelo assassinato de 7 pessoas mesmo não tendo matado nenhuma com as próprias mãos. Ele influenciou diversos jovens a cometer esses assassinatos, inclusive o da atriz Sharon Tate. 

No elenco da série conta com os atores Jonathan Groff, Holt McCallany e Anna Torv. A semelhança do elenco  dos assassinos com a vida real é assustadora.
Atualmente com duas temporadas lançadas a série fez um grande sucesso, contando com 19 episódios lançados. A Netflix deixou o futuro da série incerto, e um porta voz da produtora informou que a série pode voltar “talvez em cinco anos”. Deixando os fãs da série incertos sobre o futuro do seriado.


REFERÊNCIAS:
Harris, Mark. David Fincher Confirms the 'Very Expensive' MIndhunter is Done for Now. Vulture. 23 de out. 2020. Disponível em: <
https://www.vulture.com/2020/10/mindhunter-season-three-not-happening.html>. Acesso em 30 de out. 2020. 

Nascimento, Victor. Mindhunter está cancelada na Netflix? Veja real situação. Observatório do Cinema. 26 de out. 2020 Disponível em:< https://observatoriodocinema.uol.com.br/artigos/2020/01/netflix-cancelou-mais-uma-serie-popular-nos-explicamos-a-situacao#:~:text=%C3%89%20importante%20salientar%20mais%20uma,necessariamente%20em%20um%20futuro%20pr%C3%B3ximo.> 
. Acesso em 30 de out. 2020. 

Rosa, Natalie. Mindhunter quem sao os serial killers reais que aparecem na segunda temporada. Canal Tech. 24 de out. 2019. Disponível em: <
https://canaltech.com.br/series/mindhunter-quem-sao-os-serial-killers-reais-que-aparecem-na-2a-temporada-147677/>. Acesso em 03 de nov. 2020. 

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »