10/11/2020 às 18h50min - Atualizada em 10/11/2020 às 18h38min

Johnny Depp é demitido da Warner

O ator deixa o elenco de Animais Fantásticos após perder processo na justiça

Júlia Victória - labdicasjornalismo.com
Johnny Depp não faz mais parte da franquia de “Animais Fantásticos”. Ele foi afastado pela Warner Bros. após perder o processo de difamação contra o tabloide britânico The Sun que o chamou de “espancador de mulheres”. O ator, que interpretava o vilão Gellert Grindelwald, anunciou na última sexta-feira (6), pelas redes sociais, o desligamento do elenco.
 
A Suprema Corte de Londres, que julgava o caso, acatou as provas apresentadas pela atriz Amber Heard que afirmou ter sofrido agressões por parte do ex-marido. Assim, Depp acabou perdendo a ação.As denúncias de violência contra Depp começaram em 2016. O casal se separou formalmente em 2017.Um ano depois, Amber escreveu um artigo no The Washington Post relatando episódios de agressão. O ator pediu uma indenização de 50 milhões de dólares, 287 milhões de reais, por conta da publicação.Desde então, surgiram acusações de ambos os lados com a divulgação de depoimentos, textos, áudios e imagens, os quais envolveram outros atores como Paul Bettany e James Franco.
 
 
Neste ano, a atriz abriu um processo acusando Depp e sua equipe de “iniciar, coordenar, supervisionar e / ou apoiar e amplificar” duas petições relacionadas a seu nome no site change.org que pediam a demissão do elenco de “Aquaman” e que fosse substituída do papel de representante de uma marca de cosméticos. O julgamento deve acontecer em 2021.
 
Johnny Depp interpretou o vilão do derivado de Harry Potter no primeiro e no segundo filme, “Animais Fantásticos: Os crimes de Grindelwald” (2018), em que sua presença foi muito questionada pelos fãs. Na época, a autora J.K Rowling saiu em defesa dele:
 
"Com base na nossa compreensão das circunstâncias, os cineastas e eu não estamos apenas satisfeitos com o nosso elenco original, mas realmente felizes por ter Johnny como um dos personagens principais do filme."
 
Johnny Depp estava confirmado no elenco do terceiro longa da franquia. No entanto, com o prolongamento do processo, a constante insatisfação e da derrota judicial contra o The Sun, a presença de Johnny Depp ficou insustentável e a Warner pediu para que o ator se retirasse definitivamente. Em sua postagem no Instagram, ele disse:        
                                    
"A Warner Bros. pediu para que eu deixasse o papel de Grindelwald em Animais Fantásticos e eu respeitei e concordei com a solicitação deles [...] Minha vida e carreira não serão definidas por este momento."
 
Em nota oficial, a Warner Bros. oficializou a saída e agradeceu Depp pelo trabalho, anunciou que o estúdio procura um substituto para Grindelwald e que o 3° filme da saga deve chegar aos cinemas no verão de 2022. Nomes como Benedict Cumberbatch, Tom Hiddleston e o próprio Colin Farrell, que interpretou Percival Graves em “Animais Fantásticos e Onde Habitam”, foram citados pelos fãs. Porém, esse último é menos provável que ocorra já que Colin está no elenco de Batman, que também deve estrear em 2022.
 
Segundo o site Deadline , Mads Mikkelsen (da série "Hannibal" e "007 : Cassino Royale") está mais próximo de viver o antagonista , de acordo com informações ele estaria negociando para assumir o papel. O ator é um dos favoritos do diretor  David Yates e era uma das opções antes de Depp.Caso seja o escolhido , completará o elenco formado por Eddie Redmayne , Jude Law , Ezra Miller , Alison Sudol , Dan Fogler e Katherine Waterston.


REFERÊNCIAS
 
ELOI, Arthur. Animais Fantásticos | Johnny Depp é demitido do papel de Grindelwald.Omelete,2020. Disponível em: <https://www.google.com/amp/s/www.omelete.com.br/amp/filmes/animais-fantasticos-johnny-depp-demitido>. Acesso em 10 de novembro de 2020.
 
LIMA, Diego. Johnny Depp deixa elenco de Animais Fantásticos. IGN, 2020. Disponível em:<https://www.google.com/amp/s/br.ign.com/animais-fantasticos-3/85316/news/johnny-depp-deixa-elenco-de-animais-fantasticos%3famp=1>.Acesso em: 10 de novembro de 2020.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »