12/11/2020 às 22h37min - Atualizada em 12/11/2020 às 22h08min

Com alguns desfalques, Brasil enfrenta a Venezuela pelas eliminatórias da Copa do Mundo de 2022

Seleções se enfrentam em São Paulo pela 3ª rodada da fase de grupos

Duda Lopes - editado por Thamyres Pontes
Gabriel Jesus em ação contra a Venezuela (Lucas Figueiredo/CBF)
Em jogo válido pela 3ª rodada da fase de grupos das eliminatórias da Copa do Mundo de 2022,  Brasil e Venezuela se enfrentam nesta sexta-feira (13), no Estádio do Morumbi, às 21h30. As seleções duelam por objetivos diferentes, no momento, o Brasil quer manter a invencibilidade e a Venezuela deseja pontuar pela primeira vez na competição.
 
BRASIL X VENEZUELA
 
Após duas vitórias, uma contra Bolívia por 5 a 0 e Peru por 4 a 2, a Seleção Brasileira busca vencer os venezuelanos para continuar 100% nas Eliminatórias Sul-Americanas. Os desfalques brasileiros são Casemiro e Gabriel Menino, com Covid-19, e Philippe Coutinho, lesionado. Além do mais, Tite, técnico da Seleção, também não conta com Neymar, que se lesionou durante um jogo pela Champions League. Ainda assim, o treinador confirmou na última quinta-feira (12), a mudança de posicionamento na escalação de Richarlison como centroavante. 

Com isso, a escalação brasileira deve seguir com: Ederson, Danilo, Marquinhos, Thiago Silva e Renan Lodi; Allan, Douglas Luiz e Everton Ribeiro; Gabriel Jesus, Roberto Firmino e Richarlison.
 
Já a Venezuela vem de duas derrotas, a primeira por 3 a 0 contra a Colômbia e a segunda por 1 a 0 para o Paraguai. Além disso, o técnico José Peseiro conta com os seguintes desfalques: o goleiro José David Contreras e o meia Christian Larotonda, ambos com Covid-19, Yosef Martínez, lesionado, e Yangel Herrera, suspenso. No entanto, alguns jogadores conhecidos no futebol brasileiro estarão presentes na partida, como Otero do Corinthians, Savarino do Atlético-MG e Soteldo do Santos

Dessa forma, a possível escalação da Venezuela : Faríñez; Feltsche, Osorio, Àngel e Rosales; Cásseres, Rincón e Moreno; Savarino, Machís e Rondón.


 
HISTÓRICO DE CONFRONTOS
 
A disputa será o 25º jogo na história entre as duas seleções, com grande vantagem no retrospecto para a Seleção Brasileira com 21 vitórias, uma única derrota e apenas três empates, além de 89 gols marcados e oito sofridos. Em jogos oficias o Brasil jamais saiu derrotado para o adversário.

Pelas Eliminatórias o retrospecto fica assim: 15 vitórias brasileiras, um empate e nenhuma vitória venezuelana. Ademais, em confrontos no Brasil, a Seleção Canarinho também possui vantagem, em oito jogos, foram sete vitórias, um empate e, novamente, não possui derrotas.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »