20/11/2020 às 19h46min - Atualizada em 20/11/2020 às 19h15min

De virada, PSG perde e interrompe boa sequência diante do Mônaco

Mesmo com a volta de Neymar e Mbappé, nada foi suficiente para evitar a derrota nos minutos finais da partida

João Fellipe Ramos - Editado por Amanda Cruz
Os Coringas do Kovac comemoram (Foto: Divulgação/Twitter AS Monaco)
O Mônaco encarou o líder da Ligue 1, PSG, nesta sexta-feira (20) em casa, no State Louis II em Mônaco, FrançaA equipe de Paris vinha de uma ótima sequência de jogos, mas sucumbiu ao desgaste e a falta de peças. Como consequência, perdeu de virada por 3 x 2, mesmo com a volta de Neymar aos gramados.  
 
PRIMEIRO TEMPO
 
Logo no início do jogo, Mannone tentou sair jogando pela lateral, errou o passe e a bola sobrou para Kean que tentou limpar o goleiro, mas perdeu a bola prensada pelo goleiro e pelo zagueiro. Após esse ataque da equipe Parisiense, com 7 minutos, Diop cortou para dentro para tentar uma finalização de fora da área, mas chutou mal e a bola passou pelo lado da meta de Keylor Navas.

Aos 9 minutos, o Mônaco teve uma falta perto da área do Paris, que foi batida pelo Volland com força e Navas fez uma bela defesa evitando o primeiro gol antes dos 10 minutos. Nos primeiros 15 minutos, o Mônaco explorou bastante as armações de contra-ataques por ter um time mais jovem.

Com 16 minutos, Gelson Martins foi à linha de fundo e tentou cruzar rasteiro, contudo Kimpembe intercepta antes de chegar na pequena área. Mas, antes dos 20 minutos para evitar um contra-ataque, Danilo Pereira chegou por baixo e recebeu o primeiro cartão amarelo do jogo. Logo em seguida, aos 25 minutos em um erro de passe no campo de defesa do PSG, Di Maria lançou para Mbappé que saiu na cara do goleiro e estufou a rede da equipe do Mônaco. O único chute no gol que o PSG deu e saiu o gol, mostrando o bom aproveitamento da equipe francesa.

Com quase 30 minutos, um lance muito semelhante ao do gol, Mbappé recebeu nas costas dos zagueiros e tentou ceder o gol para Kean, mas na hora do passe, Disasi interceptou no último instante para evitar o segundo gol do PSG. Tiveram alguns erros básicos de passe durante o primeiro tempo. Contudo, Kurzawa tentou recuar de cabeça para o Navas, mas, errou a cabeçada e quase entregou o gol de empate para o Mônaco. Ainda, Guebbels cabeceou por cima do Navas e da meta e desperdiçou ótima oportunidade.

Aos 35 minutos, Rafinha sofreu uma falta duríssima dentro da área e Fofana tomou o segundo amarelo do jogo e, pênalti marcado justamente. O Mbappé colocou a bola debaixo do braço e bateu no canto direito forte e ampliou o placar. Assim, era 2 a 0 ainda no primeira etapa. Logo em seguida, com 39 minutos num lançamento, Kean acredita até o fim, e em um erro grotesco da zaga ele marcou o terceiro gol Contudo, o VAR entrou em ação e marcou devidamente um impedimento no lançamento de Kimpembe. Mas ainda, Kylian Mbappé faz um hat-trick, com um golaço de cobertura, entretanto, o VAR entrou em ação mais uma vez e marcou impedimento do Camisa 7 do PSG.

Ao final do tempo, o Mônaco teve mais posse de bola, mas não conseguiu transformar isso em chances efeitivas em gol. Além disso, teve mais finalizações de que o adversário, mas sem balançar as redes.
 
SEGUNDO TEMPO
 
Logo no início da etapa, o técnico do Mônaco fez duas substituições. Saíram os jogadores, Gubbles e Touré, para a entrada de Caio Henrique e o veterano Cesc Fábregas. Com essas substituições aos 4 minutos de jogo, o Mônaco pressionou muito o time Parisiense, e Volland finalizou e Navas salvou o time do PSG mantendo a vantagem de dois gols.

Com 7 minutos de jogo, o Mônaco diminuiu para o time. Volland driblou Navas e jogou no canto direito, e eles continuaram pressionando em busca do empate. Esse gol foi um golpe muito duro na equipe Parisiense, que continuva com dificuldades defensivas e não conseguia armar jogadas no início da etapa. Três minutos depois, Gelson tentou limpar toda a zaga do Paris, mas, Kimpembe muito bem posicionado evitou o gol de empate. Já aos 15 minutos, “O pai ta On” e Neymar entrou em campo no lugar de Angel Di Maria, que fez um jogo apagado mas deu uma assistência e participou do lance do pênalti.


Aos 20 minutos num lançamento para Fábregas, ele dividiu com Navas, e a bola sobrou para Volland guardar seu segundo gol na partida, empatando o jogo, e dando a oportunidade de uma possível virada do Mônaco que entrou muito mais ligado no segundo tempo. Assim, Tuchel desgostoso com o desempenho defensivo do time, sacou Kurzawa, e colocou o jovem Bakker, além de tirar o artilheiro da partida Mbappé para colocar um meia, Ruiz, outro jovem jogador do PSG.

Com 30 minuto de jogo, Fábregas teve uma clara chance após um bate-rebate dentro da grande área, chutou com força, e acabou isolando uma bela chance. Minutos depois, Moise Kean fez uma bela parede no zagueiro do Mônaco e deixou a bola para Sarabia que chegou batendo rasteiro mas Mannone encaixou a bola com segurança. Depois, Diallo cometeu um erro grotesco, perdeu a bola, Volland se aproveitou de tudo isso e tomou a frente do zagueiro e sofreu o pênalti, que consequentemente levou cartão vermelho o jogador do PSGFábregas pegou a bola e bateu no alto, sem dar chance para ao goleiro Navas, virando o jogo em cima do PSG.

Antes do apito final, o técnico do Mônaco tirou o camisa 8 Tchouameni que sentiu o cansaço e entrou em campo Florentino para jogar os minutos restantes. Mesmo com a vitória garantida, as últimas substituições foram feitas para quebrar o ritimo do jogo e esfriar o máximo possível os jogadores do PSG.

O Mônaco fez jus aos números de posse de bola e finalizações e garantiu três pontos em casa de virada. A vitória teve méritos totais do técnico que fez substituições efetivas que garantiram a conquista de virada.


Volta de Neymar aos gramados. (Foto: Getty Images)
 
PRÓXIMOS CONFRONTOS
 
As próximas partidas das duas equipes são por diferentes campeonatos. O PSG joga pela UEFA Champions League na terça-feira (24) contra o RB Leipzig no Parc des Princes. Já o Mônaco após essa expressiva vitória, enfrenta o Nimes no domingo (29) pela Ligue 1, novamente dentro de casa.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »