27/11/2020 às 12h16min - Atualizada em 27/11/2020 às 12h07min

Diversidade na literatura LGBTQ

Isabel Dourado - Editado por Bruna Araújo

Em 1895, o escritor brasileiro Adolfo Caminha lançava a primeira obra considerada um dos primeiros romances homossexuais. A obra que foi recebida com perplexidade pela crítica literária da época decidido a ousadia na abordagem de temas considerados tabus. O personagem principal chamado Amaro é ex-escravo e apaixonasse pelo jovem Aleixo. Caminha foi escritor corajoso por romper com preconceitos do Brasil de 1890. 

 

Outros autores ousaram em explorar o tema da homossexualidade como a norte-americana Patricia Highsmith que lançou o livro The Price Of Salt (O Preço do Sal, em tradução livre) lançado em 1952 sob pseudônonimo de Claire Morgan. O livro aborda o romance moderno de de duas mulheres tema pouco debatido em 1950. Mais tarde a obra foi adaptada para novela na rádio BBC e em 2015 foi adaptada como filme. 

 

A importância da literatura LGBTQ é repelir preconceitos e a homofobia. Além de luta e resistência aumento de empatia e representatividade. Nem sempre a literatura LGBTQ é voltada para o gênero romance. 

 

O livro Amora da escritora Natália Borges lançado em 2016 é um compilado de contos e ganhou o prêmio Jabuti na categoria de contos. Retrata o amor feminino como tema central mas também aprofunda diversos aspectos como identidade, dilemas do amor e a forma que se impõe a maneira na qual as mulheres devem amar.  

 

Giovanni do escritor americano James Baldwin é uma das obras de caráter mais importantes do autor. Escrito no contexto conservador da década de 1950 retrata a história de um homem dividido entre um amor homossexual forte mas trágico e o amor aceito de uma mulher. 

 

Uma das mais vendidas autoras brasileiras que bateu o recorde de 1 milhão de exemplares na década de 1970 Cassandra Rios foi uma das autoras mais censuradas da ditadura militar. Tratava assuntos de forma abertamente eróticos e considerados contrários à “moral e os bons costumes”. Aos 16 anos escreveu o livro A Volúpia do Pecado a escritora foi rejeitada por diversas editoras.

 
 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »