08/03/2021 às 15h23min - Atualizada em 08/03/2021 às 15h15min

DOTA: Dragon’s Blood ganha o primeiro trailer

Nova série animada da Netflix é uma adaptação do game DOTA 2

Miriã Gomes - revisado por Jonathan Rosa
Personagens da animação 'DOTA: Dragon’s Blood'. (Foto/Reprodução:Netflix Brasil)

No dia 1 de março a Netflix Brasil divulgou em seu canal do YouTube o primeiro trailer oficial da animação de “DOTA: Dragon’s blood”, que chegará ao catálogo do streaming no dia 25 de março. A série é baseada no jogo DOTA 2 e foi produzida pelo estúdio sul-coreano MIR, que já trabalhou antes em animações como “A lenda de Korra” e “Voltron: O defensor Lendário”, em colaboração com a Valve, desenvolvedora do game.

A história da animação começa quando o Cavaleiro Dragão Davion encontra o antigo Eldwurm e a nobre Mirana. Davion então deve deixar de lado seus conflitos e partir em uma missão secreta para acabar com os males do mundo.


Confira abaixo o trailer oficial de DOTA: Dragon’s Blood disponibilizado pela Netflix:

                                    Trailer oficial de DOTA: Dragon’s Blood (Reprodução:Youtube/ Netflix Brasil) 
 

A animação terá 8 episódios em sua primeira temporada e é roteirizada por Ashley Edward Miller, que já participou do roteiro dos filmes “X-men: primeira classe” e “Thor”. E traz possui Ryu Ki Hyun como coprodutor executivo. Em entrevista para o site Deadline, o roteirista garantiu que os fãs do game irão amar a série animada e que todos os detalhes foram imaginados para chegar a um novo nível de animação cinematográfica. Sem falar na narrativa que possui uma construção épica, emotiva e adulta.

Em seu Twitter pessoal, Miller também comentou que pensa muito no “Dotaverso”, e utiliza muitas das histórias presentes no jogo para compor a narrativa da animação. Ainda no Twitter, Miller disse que tomou a decisão de não colocar os heróis de DOTA na série apenas por colocar, e caso algum apareça é porque tem um motivo maior para isso.

O game DOTA 2 foi lançado em 2013 e é uma continuação do jogo original Defense of the Ancients (DOTA). A nova série não é uma continuação do jogo, mas sim uma extensão das histórias e do universo já conhecido anteriormente pelos fãs.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »