11/03/2021 às 17h11min - Atualizada em 11/03/2021 às 17h01min

Milan empata o jogo no final e impede vitória do Manchester United pela Liga Europa

Gol aos 47 minutos do segundo tempo marcou o primeiro empate na história do confronto das duas equipes

Léo Abrantes - editado por Wesley Bião
Italianos chegaram ao empate com Kjær já nos acréscimos da etapa final (Foto: Reprodução/site oficial do Milan)

As equipes de Manchester United e Milan se enfrentaram na tarde desta quinta-feira (11), pelo jogo de ida das oitavas de final da Liga Europa, em Old Trafford, Inglaterra. Os gols da partida foram marcados no segundo tempo: Amad Diallo marcou para o time inglês e Simon Kjær para o italiano. O jogo de volta entre as duas equipes ocorrerá na quinta que vem (18), às 17h (horário de Brasília), na Itália.

 

PRIMEIRO TEMPO

 

Logo no início da partida, o Manchester tentou iniciar sua fase ofensiva com passes curtos, mas a pressão alta do Milan era eficaz e não deixou os ingleses evoluírem. Em uma das primeiras vezes que o United conseguiu ir mais a frente, os Rossoneros roubaram a bola e lançaram para Rafael Leão, que marcou o gol, mas estava impedido.

 

Apesar dos Red Devils estarem mais com a posse, o Milan pressionava e ganhava a bola. Após um lateral cobrado, Kessié recebeu a cobrança entre as linhas, dominou, finalizou e marcou o gol. Contudo, o VAR detectou um toque de mão na hora do domínio, e o lance foi anulado em seguida.

 

Com o passar do tempo, o Milan foi crescendo na partida. A pressão alta era eficaz, não deixava o adversário evoluir e os passes muitas vezes encaixavam e faziam a equipe chegar na meta do goleiro Henderson. Além disso, a equipe italiana conseguia levar perigo tanto com passes mais trabalhados, quanto contra-ataques e passes em profundidade.

 

Por outro lado, quando o Manchester United estava com a bola mais à frente, tentava trocar muitos passes para encontrar espaços onde poderia atacar, mas esbarrava na forte marcação italiana. A principal tentativa era pelas laterais e com a aproximação de Bruno Fernandes pelo meio, para buscar tabelinhas e passes mais agudos.

 

Ao final da etapa, ficou evidente as dificuldades do United na partida, tanto na marcação do jogo veloz do Milan quanto na criatividade ofensiva. Já o time italiano fechou bem os espaços, mas teve dificuldades na hora de finalizar. O time inglês ficou com 55% de posse e finalizou quatro vezes, enquanto o visitante chutou três vezes ao gol, sendo duas vezes na direção do goleiro.

 

SEGUNDO TEMPO

 

Neste início de segunda etapa, foi possível notar um Manchester com uma postura mais agressiva, explorando mais os espaços e atacando com mais jogadores. Em um dos ataques, Bruno Fernandes recebeu a bola pelo meio e a lançou em profundidade para Diallo, que deu cabeçada de costas que encobriu o goleiro Donnarumma. Aos cincos minutos, o United vencia a partida.

 

Após o gol, o Milan começou a ter mais posse de bola e controlar o ritmo da partida. A equipe Rossonera conseguia criar e explorar os espaços com facilidade, mas as finalizações nem sempre eram tão precisas. Já os Red Devils deixaram de ter aquela intensidade que teve no início desta etapa e começavam a esperar mais o adversário, mas sempre atacava quando podia.

 

Passando da metade da etapa, os times fizeram muitas alterações, saindo jogadores de todos os setores da equipe. Enquanto o Milan colocava jogadores que contribuíssem mais na fase ofensiva, como Samu Castillejo e Tonali, o United protegia mais o seu time com jogadores mais defensivos, como Fred e Shaw.

 

Com isso, o jogo ficou mais ataque contra defesa, mas nenhum dos dois se destacava, de fato. A defesa inglesa não conseguia parar muito o ataque do Milan, que chegava muitas vezes na grande área, mas pouco conseguia levar perigo. Os Rossoneros tinham problemas na hora de finalizar a jogada, com pouca eficiência.

 

Se por baixo as ações não davam tão certo e nem os atacantes conseguiam concluir, a solução foi pelo ar e com um zagueiro. Após jogada de Rafael Leão, a equipe italiana ganhou escanteio; Krunic cobrou e Kjær cabeceou forte, marcando o gol de empate aos 47 minutos. Pouco depois da saída de bola, a partida foi encerrada.

 

PRÓXIMOS CONFRONTOS

 

A equipe da casa volta a campo no próximo domingo (14), em jogo válido pela Premier League contra o West Ham, às 16h15 (horário de Brasília). Já a equipe italiana enfrenta o Napoli, em sua casa, pela Serie A TIM, às 16h45 (horário de Brasília) do domingo (14). 

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »