28/05/2019 às 17h33min - Atualizada em 28/05/2019 às 17h33min

O filme Aladdin, interpretado por Will Smith, é sucesso nas bilheterias do mundo

Com um elenco bem escalado, Alladin 2019 tem tudo para ser um sucesso.

Pedro Dias - Geek
Arte:Site/Cult MTL
O filme gira em torno da obsessão de Jafar pelo poder, a frustração de Jasmine em sua vida de rainha e o desespero de Aladdin por uma vida digna. Dirigido e escrito por Guy Ritchie, o novo filme de Aladdin é parte do projeto de filmes remasterizados e baseados em obras da Disney. Estreado no dia 23 de maio deste ano, Aladdin traz cenas musicais do início ao fim do filme.
 
Baseado em obras literárias e na adaptação do último filme em desenho, a “Live-Action” conta sobre à obsessão de Jafar pela lâmpada mágica e o seu destino de ter o poder absoluto sobre o reino de Sultão, sendo assim, controlar outras terras do antigo Oriente Médio. Enquanto isso acontecia, Jasmine – filha de Sultão, está destinada a casar com um príncipe que não lhe deixa feliz. Por imposição de seu pai, ela se sente obrigada aceitar este casamento forjado, já que não pode obter o trono de seu pai como filha herdeira do reino. Vale lembrar que seu pai não aceita que sua única filha comande o reino dele, por ser uma mulher, e por este motivo, quem poderia comandar é o seu futuro marido. Tudo isso muda com a chegada de Aladdin, um jovem plebeu que ajuda Jasmine e tenta conquistar durante a trama toda.

 

Fonte: Cine Pop

Uma das cenas mais marcantes que o filme proporciona é no momento em que Sultão empurra Jafar e ele deixa cair o seu cetro. Com isso, Sultão começa a menosprezar Jafar e desafiando de seu poder sobre o futuro destinado a eles. E mais uma vez, ele mostra do que Jafar seria capaz, erguendo o braço, Jafar recupera rapidamente o seu cetro e começa a rir de uma forma maligna e assustadora. Mostrando o seu poder absoluto para Sultão.
 
O filme é marcado, por uma boa parte, por cenas musicais e interação com o público. Uma dessas cenas é no momento em que o Gênio da Lâmpada, Will Smith, explica cantando para o Aladdin, como pode ser feito os pedidos feitos por ele. E mesmo assim, o Aladdin não compreendeu como pode realizar estes pedidos. O poder que ele queria era incompreensível para o jovem plebeu. Até mesmo para o Gênio, que em um dos pedidos, não tinha compreendido. Ou melhor dizendo, ele nunca tinha realizado algum tipo de pedido assim.

 

Fonte: Gamespot

Depois de escaparem da caverna, Aladdin pede para o Gênio da Lâmpada se tornar em um príncipe capaz de conquistar a Jasmine. O Gênio da Lâmpada tinha mostrado três modelos de roupas para o Aladdin, como de costume, o que agradou ao Aladdin foram às roupas brancas. Com isso, marcharam até o palácio da Jasmine, ele e sua tropa de seguidores, e mais uma vez, em ritmo musical.
 
Em seguida, depois de serem recebidos pelo Sultão, nem o próprio Aladdin sabia como falar com a Jasmine e na presença de todos. Nem ao menos, sabia pronunciar o seu “verdadeiro” nome. Até então, Aladdin e o Gênio da Lâmpada tinham forjado o seu passado, nome da realeza e sua origem que não existia em nenhum lugar do mapa.
 

Fonte: IGN Brasil

O elenco escolhido para participar das gravações do filme conta com Mena Massoud como Aladdin, Naomi Scott como Jasmine, Will Smith como Gênio da Lâmpada, Marwan como Jafar, Navid Negahban como Sultão, Nasmim Pedrad como Dalia, Billy Magnussen como Anders e Numan Acar como Hakim. 
 
Recentemente, o ator Will Smith entrou com sua família sem serem reconhecidos em uma sessão de cinema do filme Aladdin na cidade de Los Angeles. Segundo o site F5 da Folha de São Paulo, assim que o filme terminou, o ator foi reconhecido pelo público e fez fotos com os fãs presentes.

 

O sucesso do filme Aladdin é enorme que arrecadou cerca de US$ 200 milhões em sua estreia global. Segundo o site Cine Pop, Aladdin arrecadou no seu primeiro final de semana, nos EUA, cerca de US$ 86,1 milhões. Sem contar o feriado. E no mercado internacional, cerca de US$ 121 milhões.
 
Por um lado, o “remake” de Aladdin agradou os fãs, por outro lado, não agradou às críticas. Segundo o site Metacritic, o novo filme da Disney foi avaliado com 54% das críticas analisadas. Tendo uma avaliação mediana. Das 46 críticas analisadas, algumas delas foram bem avaliadas, como é o caso do The Guardian (80%), CNN (75%) e o Washington Post (63%). Já para o The New York Times, The Atlantic e The New Yorker, foram avaliados com 40% da avaliação do filme. Sendo assim, para eles, uma avaliação mediana. No caso dos jornais The Seattle Times e Slant Magazine, o filme teve uma péssima avaliação, recebendo entre 25% a 38% sobre o filme.

 

Fonte: Metacritic


Fonte: Metacritic





Referências:
 
Will Smith vai ao cinema escondido para ver ‘Aladdin’, mas acaba reconhecido pelo público. 2019. Disponível em <https://f5.folha.uol.com.br/celebridades/2019/05/will-smith-vai-ao-cinema-escondido-para-ver-aladdin-mas-acaba-reconhecido-pelo-publico.shtml> Acessado em 28.maio.2019
 
‘Aladdin’ ultrapassa a marca de US$ 200 milhões em estreia global. 2019. Disponível em <https://cinepop.com.br/aladdin-ultrapassa-a-marca-de-us-200-milhoes-em-estreia-global-212446> Acessado em 28.maio.2019
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »