24/04/2021 às 18h01min - Atualizada em 24/04/2021 às 17h51min

Lyon e Lille se enfrentam pela Ligue 1 em busca de chegar mais próximo do título

O embate do segundo colocado com o quarto marca uma das principais disputas por título das ligas europeias

Léo Abrantes - Editado por Juan Camilo
Lyon e Lille estão na briga pelo título da Ligue 1 (Foto: Reprodução/Sites de Apostas)
As equipes de Lyon e Lille se enfrentam neste domingo (25), em jogo válido pela 34ª rodada da Ligue 1, às 16h (horário de Brasília), no Groupama Stadium, na cidade de Lyon. O visitante está na 2ª colocação do campeonato, com 70 pontos, e busca recuperar a liderança com uma vitória, enquanto o mandante, na 4ª colocação, com 67 pontos, sonha com os três pontos para encostar de vez.
 
LYON
 
O octacampeão da liga francesa chega para essa partida após ter sido eliminado pelo Mônaco, em casa, pelas quartas de final da Copa da França. Mas não é a primeira vez que a equipe francesa perde para um outro time forte, foi assim também no confronto do mês passado contra o PSG, onde perdeu de 4 a 2, em sua casa também.
 
Com esse cenário de eliminação, o técnico Rudy Garcia ressaltou a importância de não se abalar e como a equipe se preparou desde a derrota:

“Nós esquecemos dessa eliminação. Nós precisamos estar focados no Lille. Não é útil falar sobre a partida contra o Mônaco de novo – está feito. Nós não podemos alterar nada. Já fomos penalizados o suficiente o suficiente. Só importa a partida contra o Lille agora. Nós falamos sobre o oponente e também trabalhamos na nossa recuperação, porque usamos energia. Nós estamos trabalhando cuidadosamente para não ter ninguém machucado, e a nossa preparação continua rapidamente", disse Rudy. 
 
Para esse embate importante contra o Lille, a equipe não contará com Sinaly Diomande, que está suspenso, mas pode contar com a presença de Tino Kadewere, Djameleddine Benlamri e Jason Denayer, que são dúvidas para a partida. Mas os principais jogadores, como Memphis Depay e Lucas Paquetá, estão disponíveis, sendo um dos principais motores do jogo reativo do Lyon.
 
Provável escalação: Anthony Lopes; Léo Dubois, Marcelo, Jason Denayer, Maxwel Cornet; Bruno Guimarães, Caqueret; Depay, Paquetá e Ekambi; Slimani. Técnico: Rudy Garcia
 
LILLE
 
Apesar de ser o vice-líder da competição, o Lille já esteve melhor colocado na tabela, contudo foi ultrapassado pelo Paris Saint-Germain neste sábado (24). Além disso, o time não vive a melhor fase na temporada, desde a eliminação na Liga Europa para o Ajax. Desde então, foram nove jogos, somando quatro vitórias, três empates e duas derrotas – incluindo uma eliminação.
 
Para domingo, o Lille vem desfalcado, com o lateral direito Jérémy Pled como único confirmado de fora, porque Jonathan David e Renato Sanches, ambos titulares e importantes para a equipe titular, são dúvidas e podem não estar presentes entre os 11 iniciais.
 
Mesmo assim, o Lille continua forte para a partida, pois sofreu apenas três derrotas em 33 jogos de liga e venceu o PSG, no começo do mês, no Parque dos Príncipes, em um confronto direto pela liderança. Além disso, a última partida que disputou foi na sexta-feira passada (16), contra o Montpellier, portanto vem descansado e enfrentando uma equipe que jogou na última quarta (21).
 
Provável escalação: Mike Maignan; Zeki Celik, José Fonte, Sven Botman, Mandava; Jonathan Ikoné, Benjamin André, Soumaré, Jonathan Bamba; Yusuf Yazici, Burak Yilmaz. Técnico: Christophe Galtier.
 
HISTÓRICO DE CONFRONTOS
 
No geral, as equipes obtiveram exatos 100 jogos disputados, com uma leve dominância do Lille, que obtém 39 vitórias contra 34 do Lyon – além de 27 empates. Porém, como os Les Dogues são visitantes, as estatísticas se alteram: são 49 jogos e 53% de vitórias da equipe da cidade de Lyon, contra apenas 20% para o visitante. Além disso, nos últimos sete embates, foram cinco empates – quatro deles acabando em 2 a 2 – e duas vitórias para o Lille. E a última vez que o Lyon venceu o duelo entre eles foi em 2016, com exceção da vitória por pênaltis em 2020, pela Copa da França.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »