28/04/2021 às 11h54min - Atualizada em 28/04/2021 às 11h51min

Internacional goleia com atuação exuberante

Com 15 gols nos últimos três jogos, a era Ramirez começa a dar resultado

Lucas Godois - Editado por Juan Camilo
Víctor Cuesta comemorando o primeiro gol da noite ( foto/reprodução: Twitter oficial do Internacional)
O Internacional recebeu o Desportivo Táchira na noite de terça-feira (27), no estádio Beira-Rio, em partida válida pela segunda rodada da fase de grupos da Copa Libertadores da América. Depois do clube gaúcho perder na estreia da competição para Always Ready, na altitude, o time sabia que precisava ganhar em casa a todo custo, era o último colocado do Grupo B. Jogando em casa, não precisou de muito tempo para se mostrar superior, fez um primeiro tempo impecável e a goleada por 4x0 foi melhor jogo da temporada.   

PRIMEIRO TEMPO
 
O jogo começou com o Desportivo Táchira bem fechado e o Inter tentando achar os espaços, foram 67% de posse de bola para o Colorado. A primeira grande chegada foi do time gaúcho, aos 18 minutos, em um chute fora da área de Mauricio, onde o goleiro Varela espalmou para pequena área, obrigando o seu zagueiro a jogar para fora de qualquer jeito.

O lance deu escanteio, Rodinei cobrou na cabeça de Víctor Cuesta, que subiu para abrir o placar. Aos 22', em um novo escanteio, Rodinei repetiu a cobrança e Cuesta novamente cabeceou, mas dessa vez o goleiro segurou a bola.

Depois de sofrer o gol, o Táchira saiu da retranca e começou a marcar pressão. Aos 23', os zagueiros colorados estavam pressionados, mas souberam sair jogando até a bola chegar no Edenilson, protegeu e lançou para Thiago Galhardo, que percorreu o campo adversário inteiro, trombou com o primeiro, entrou dentro da área, driblou o segundo e tocou para Mauricio, que dominou e chutou, o goleiro abafou, mas a bola sobrou nos pés de Patrick, que bateu colocado, ampliando o placar. Na comemoração, colocou uma máscara do Pantera Negra e tomou amarelo por isso.

Aos 28', na única boa chance do time venezuelano no jogo, o capitão Pérez recebeu na entrada da área e levantou a bola para Hernández, nas costas de Moisés, o meia chutou cruzado e perdeu a oportunidade de tocar para o centroavante Lucas Gomes, que estava livre.  Aos 42, Edenilson recebeu falta no círculo central, Cuesta cobrou rapidamente em uma bola lançada para Thiago Galhardo, que furou a marcação desorganizada, trombou com o zagueiro e o driblou, deixando-o no chão e batendo no canto esquerdo, fazendo o 3x0.

SEGUNDO TEMPO

Os Colorados começou a segunda etapa como terminou a primeira, pressionando muito e não dando oportunidades claras de contra-ataque. Aos cinco minutos, Edenilson roubou a bola no campo adversário, deu o passe para Patrick, que recebeu livre e chutou forte, o goleiro defendeu com a cabeça. Aos 10', em escanteio cobrado curto, a bola é trabalhada e pifada para Mauricio, que cruzou para dentro da área, encontrando o capitão Rodrigo dourado, que cabeceou firme, o goleiro Varela faz uma grande defesa.  

Aos 13', o atacante colorado Palácios faz uma falta, quase que na linha da grande área e toma o segundo amarelo, sendo expulso. Em nenhum momento do jogo, o Táchira soube aproveitar a vantagem numérica, em alguns parecia que eles que estavam com um a menos. Aos 29', o zagueiro venezuelano Carlos Vivas, tentou um lançamento, mas Dourado interceptou, a bola sobrou para Mauricio, que de primeira lançou para Yuri Alberto, que correu mais que os adversários, dominou e chutou de chapa, tirando do goleiro e fazendo o quarto gol do Inter.

PRÓXIMOS CONFRONTOS 
O Internacional visita o Juventude, no primeiro jogo da semifinal do Campeonato Gaúcho, no domingo (2), às 16h.  Já o Desportivo Táchira, enfrentará a Portuguesa, no sábado, às 20h15 (todos em horário de Brasília), pela 3ª rodada do Campeonato Venezuelano.

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »