30/04/2021 às 20h38min - Atualizada em 30/04/2021 às 19h33min

Afinal, cães e gatos podem transmitir a Covid-19 aos seres humanos?

Paulo Marques Pinto - Editado por Manoel Paulo
Informações das revistas Saúde e Superinteressante.
Freepik

Nós sabemos que o vírus da Covid-19, o SARS-CoV-2, pode ser transmitido entre os seres humanos, quando existem aglomerações e sem máscara, item obrigatório para diminuir a transmissão do vírus, mas será que os animais de estimação podem ser infectados? Veterinários respondem sobre esse assunto.

Dr. Mário Marcondes, diretor do hospital veterinário Sena Madureira, de São Paulo, afirma que os gatos e os furões podem ser infectados porque o receptor por onde passa o vírus até a célula é semelhante ao dos humanos. Porém, os gatos podem ser os mais afetados e passar o vírus a outros felinos, de acordo com um estudo publicado na revista The New England Journal of Medicine.

O coronavírus, que existe desde os anos 1960, pode causar leves diarreias aos cães e deixar os gatos com nódulos nos órgãos internos, resultando em morte. Na verdade, esses pets simplesmente carregam o vírus, não o transmitem a humanos. No entanto, se você espirrar perto do animal, ele pode, contrair o vírus e passá-lo a outra pessoa.

Pesquisas científicas comprovam que há outros animais que tenham adoecido. Em novembro do ano passado, visons e 24 felinos e quatro empregados foram infectados nas fazendas da Holanda. Possivelmente, o animal passou a doença para o homem.

Assim, conclui-se que os animais de estimação, uma vez que contraíram a Covid-19, não oferecem risco de contágio para os seres humanos. Mas, por precaução, é importante ficar longe do pet enquanto doente.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »