19/05/2021 às 16h28min - Atualizada em 19/05/2021 às 16h12min

Prévia do GP de Mônaco - Fórmula 1 2021

Fora do calendário em 2020 devido à pandemia, prova deste domingo terá presença de público

Caio Henrique Panini de Oliveira - labdicasjornalismo.com
Largada do GP da Espanha de 2021, que foi a quarta corrida desta temporada (foto/ reprodução: Fórmula 1).
A Fórmula 1 2021 está de volta após uma semana de pausa. Neste final domingo (22), às 10h, o GP mais charmoso do calendário será o palco da corrida. O circuito de Mônaco é um dos mais tradicionais da história da categoria. Além disso, o maior vencedor da pista é Ayrton Senna com seis triunfos. Já na temporada deste ano, Sir Lewis Hamilton é o líder da tabela de pilotos com 94 pontos. Max Verstappen permanece na 2ª colocação com 80 pontos.

PREPARAÇÃO DA MCLAREN

A equipe anunciou a renovação do contrato de Lando Norris. O acordo do inglês terminava no fim deste ano. Entretanto, o novo vínculo vai até pelo menos até 2023. O piloto faz parte da McLaren desde 2017 e estreou em 2019, no Grande Prêmio da Austrália. Existe uma grande expectativa em cima do jovem. Em resumo, após quatro corridas nesta temporada, Lando está na quarta posição com 41 pontos conquistados. Uma das novidades neste final de semana é que a equipe terá uma nova pintura para corrida. 

Por outro lado, Daniel Ricciardo conseguiu fazer uma boa corrida na Espanha, que foi a quarta etapa deste ano. Assim, o espanhol está empolgado para pilotar em Mônaco. Em 2016, Ricciardo fazia parte da equipe da Red Bull e estava em primeiro na prova daquele ano. Entretanto, após um erro no pit-stop, Daniel acabou perdendo a prova em Monte Carlo. Então, em 2018, com apenas seis marchas, Ricciardo conseguiu vencer o GP e tirou o pesadelo de dois anos atrás.


Lando e Ricciardo mostrando o capacete para este domingo (foto/ reprodução: McLaren).

NOVATOS SOFREN PRESSÃO

Tsunoda, Mick Schumacher e Mazepin são os três novos pilotos da categoria. O japonês estreou muito bem no GP do Bahrein. Porém, nas provas seguintes, Yuki teve problemas no carro e também um baixo rendimento pessoal. Assim, o jovem já começa a sofrer pressão da imprensa, principalmente no difícil traçado de Mônaco. Por fim, Tsunoda nunca andou na pista deste domingo (23) e deve adquirir prática nos treinos livres.

Já Nikita Mazepin vem trazendo emoções e problemas para as corridas desta temporada. O piloto Russo da Haas não vem mostrando um bom desempenho e chegou a ficar mais de um minuto atrás do companheiro de equipe em duas prova. Além disso, Mazepin já desrespeitou algumas bandeiras azuis. Quando essa bandeira aparece, significa que o piloto deve dar passagem ao que vem logo atrás. Entretanto, Nikita atrapalhou e dificultou isso. Então, jornalistas estão fazendo apostas para ver quem vai chamar o safety-car no final de semana.


Mazepin na coletiva de imprensa (foto/ reprodução: Haas F1 Team).

BRIGA NA PRIMEIRAS POSIÇÕES

A temporada 2021 começou com emoção. Afinal, Lewis Hamilton e Max Verstappen estão trazendo boas batalhas pela primeira posição nas corridas. Em resumo, o inglês venceu três provas e o holandês conquistou um triunfo. Assim, o GP de Mônaco é de grande importância para o restante do ano. Caso Hamilton ganhe, o piloto da Mercedes abre uma vantagem confortável. Por outro lado, caso Max vença, o jovem encosta na classificação.

O treino classificatório é muito importante. Afinal, mesmo sendo um dos mais tradicionais traçados da história, o GP deste domingo (23), não possui muitos lugares para efetuar as ultrapassagens. Com isso, as estratégias no pit-stop e também o resultado do sábado (22), serão de enorme importância. Por fim, a corrida mais elegante volta após ficar de fora do ano de 2020 por conta da pandemia do covid-19 e terá 7.500 pessoas assistindo no local. 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »