05/07/2021 às 20h44min - Atualizada em 05/07/2021 às 20h27min

Milwaukee Bucks e Phoenix Suns buscam fim da seca de títulos

As franquias tiveram caminhos difíceis até as finais e prometem dar tudo de si para conquistar o troféu Larry O’Brien.

João Daniel Alves Martins - editado por Paulo Octavio
Chris Paul e Giannis Antetokounmpo lideram suas equipes na busca ao título. (Christian Petersen/Getty Images)
Milwaukee Bucks e Phoenix Suns ficam frente a frente nas finais da NBA. As duas equipes começam a série melhor de sete nesta terça (6) às 22h (horário de Brasília). Quem vencer quebrará um jejum de títulos. Bucks não levanta uma taça desde 1971, já Phoenix busca seu primeiro título em 53 anos de história.

Milwaukee Bucks: Ataque e defesa fortes podem levar time a conquistar primeiro titulo desde 1971.
 
O time de Milwaukee chega confiante para as finais. Após varrer o Miami Heat no primeiro round, vencer em sete jogos os até então favoritos Brooklin Nets e eliminar a surpresa dos playoffs Atlanta Hawks. A franquia do Wisconsin contou com uma forte defesa e com suas estrelas para superar os desafios impostos ao time.
 
A estrela Giannis Antetokounmpo ficou fora dos dois últimos jogos da série contra o Atlanta Hawks, devido a uma hiperextensão no joelho direito. Porém há otimismo dentro da franquia para que Giannis jogue as finais desde o jogo um. O grego é o principal jogador da equipe, com médias de 28 pontos e 12 rebotes nesses playoffs e conta com estrelas como Khris Middleton e Jrue Holliday ao seu lado. Os dois mostraram serviço quando Giannis não jogou, chamaram a responsabilidade com atuações explosivas dos dois lados da quadra. Middleton pode ser considerado a chave para a vitória de Milwaukee nessa série, pois mesmo com atuações dominantes de Giannis, ele precisa se impor seu jogo para que os Bucks vençam.
 
Com peças importantes no ataque, a defesa dos Bucks não fica para trás. Todos os cinco titulares são capazes de cumprir um excelente papel defensivo. Na série contra o Brooklin Nets, o ala PJ Tucker foi o principal defensor da estrela Kevin Durant que, mesmo imparável em alguns momentos, conseguiu ser frustrado pela ação defensiva incessante de Tucker. Além dele, Jrue Holliday é um exímio defensor que sempre é encarregado de marcar o armador adversário. Na série contra o Phoenix Suns é esperado que ele seja o marcador primário de Chris Paul. Já PJ Tucker deve ficar na cola de Devin Booker durante todos os jogos e tornar a vida do ala armador de Phoenix um inferno por toda a série.
 
Os Bucks chegam em sua segunda final de NBA da história. A ultima foi em 1971, ano em que Oscar Robertson e Kareem Abdul-Jabbar conquistaram o único título da franquia. Agora, com Giannis Antetokounmpo a frente da equipe os torcedores esperam a conquista do bi campeonato.

 
Time titular: Jrue Holliday, Khris Middleton, Giannis Antetokounmpo, PJ Tucker e Brook Lopez.
 
Phoenix Suns: Juventude e experiencia se unem em busca do primeiro título
 
A equipe do Phoenix Suns chega nas finais da NBA após um playoff de afirmação. O time não chegava a pós temporada desde 2011 e esse ano, após terminar a temporada regular sem segundo colocado da Conferencia Oeste, eliminou os atuais campeões Los Angeles Lakers no primeiro round, varreu o Denver Nuggets nas semifinais e venceu por 4 a 2 a série contra o Los Angeles Clippers.
 
Com Devin Booker e Chris Paul no comando das ações ofensivas da equipe, os Suns possuem uma mistura de experiencia e juventude em seu elenco. Devin Booker vem sendo o principal jogador da equipe, com médias de 27 pontos por jogo em seu primeiro playoff da carreira. Ao seu lado está o veterano Chris Paul, que chega sem sua primeira final de NBA. Paul tem agregado muito ao elenco dos Suns, tirando o melhor de cada um de seus companheiros, que mesmo jovens e sem experiencia de momentos decisivos, vem mostrando um excelente basquete.

A juventude pode ser considerada o fator principal para o Phoenix Suns nessa série. Jogadores como Cameron Payne e Deandre Ayton, que já foram criticados no passado por não estarem prontos para a liga, hoje são peça importante no time. O elemento decisivo para a vitória dos Suns é como os jovens irão performar no maior palco de suas carreiras.
 
Com Chris Paul sendo mentor de todos esses jovens e Devin Booker se provando uma estrela da liga, a franquia do Arizona vai em busca do seu primeiro título da NBA. Com o que pode ser considerado o melhor time da história do Phoenix Suns desde Steve Nash e Charles Barkley, a equipe busca coroar uma atuação impecável nos playoffs e terminar uma seca que dura 53 anos.

 
Time Titular: Chris Paul, Devin Booker, Mikal Bridges, Jae Crowder e Deandre Ayton.
 
Confrontos na temporada regular:
10/02: Milwaukee Bucks 124 x 125 Phoenix Suns
19/04: Phoenix Suns 128 x 127 Milwaukee Bucks
 
Datas e horários dos jogos (Horário de Brasília)
06/07 – Milwaukee Bucks x Phoenix Suns – 22h
08/07 – Milwaukee Bucks x Phoenix Suns – 22h
11/07 – Phoenix Suns x Milwaukee Bucks – 21h
14/07 – Phoenix Suns x Milwaukee Bucks – 22h      
(Se necessário)
17/07 – Milwaukee Bucks x Phoenix Suns – 22h*                        
20/07 – Phoenix Suns x Milwaukee Bucks – 22h*

22/07 – Milwaukee Bucks x Phoenix Suns – 22h*

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »