15/07/2021 às 22h53min - Atualizada em 15/07/2021 às 23h20min

Another I Resenha

Mistério e terror entrelaçados em anime envolvente

Anne Santos - Editado por Fernanda Simplicio
Fonte : Hiro Kiyohara / Reprodução : Google

Another é uma light novel japonesa de mistério e terror escrita por Yukito Ayatsuji e posteriormente ilustrada como mangá por Hiro Kiyohara. O sucesso de ambas versões foi tão grande, que rapidamente produziram a adaptação da história em anime e live-action. Envolvendo elementos do mistério e terror de maneira excelente, Another merece todo o reconhecimento que tem como um dos melhores animes do gênero. 

A trama da obra é envolta em uma fatalidade acontecida na turma da sala 3 do nono ano do colégio Yomiyama há 26 anos, onde uma estudante chamada Misaki, que era popular e adorada por todos por causa de sua beleza estonteante e habilidade nos esportes, morre. Em um jeito de homenageá-la, os amigos e professor “fingem” que ela está viva e presente até o dia da formatura. Anos mais tarde, na primavera, um rapaz chamado Sakakibara Kouchi se muda de Tóquio para uma cidade no interior do Japão e começa a estudar na mesma escola do ocorrido de anos antes, encontrando os alunos envoltos por uma estranha atmosfera de mistério, principalmente uma bela, porém incomum, estudante de tapa-olho, que parece ser invisível aos olhos de todos.


 

Logo em sua chegada à cidade, o nosso protagonista Sakakibara Kouchi, precisa ficar internado por conta de um problema de saúde, perdendo a primeira semana de aula na escola nova. O que intriga é a aparição de seus colegas de classe no hospital para visitá-lo, com a desculpa de dar as boas vindas e dar alguns alertas. É um início que poderia ser considerado banal e enfadonho, afinal, eles nem se conheciam. Contudo, toda a tensão e clima pesado nos deixam curiosos para desvendar o que tanto eles pareciam esconder. 

Durante a madrugada de sua internação, Kouchi esbarra em uma estudante de seu colégio no elevador, que segura uma boneca medonha e usa um tapa-olho. Os dois têm um diálogo intrigante enquanto o elevador descia até o andar do necrotério, onde a inusitada moça revela estar indo atrás de sua “outra metade infeliz” quando é questionada. Ela se despede do rapaz de maneira um tanto sombria, sem querer responder tantas perguntas feitas a ela, parando apenas para revelar seu nome, Misaki Mei, no meio de um corredor vazio e parcialmente escuro. 

Então, inicia a saga para desvendar quem seria Mei e o motivo de ela ser tratada por todos como um ser inexistente. Em muitos momentos, nos perguntamos se ela estaria mesmo viva, se é um fantasma e se Kouchi realmente está conversando com alguém. É um pouco difícil de entender o que os motiva, mas dado momento é explicado que uma espécie de calamidade empossa aquela classe do nono ano e, não só os alunos e professores são perseguidos por ela, mas os pais ou quaisquer parente próximo envolvidos diretamente com a classe. O motivo? Bom, ao que parece, não pode haver um aluno extra na turma. Se houver, uma série de mortes começam a se desencadear, mas por quê?  Kouchi começa a tentar desvendar o enigma sozinho, já que os colegas de classe parecem amedrontados demais para dizer qualquer palavra, e é nesse instante que as coisas ficam intensas. 

Mortes, sangue, casos de amnésia, terror psicológico, pesadelos e mistérios, ocorridos até o desfecho do anime, tudo envolto em uma trilha sonora de causar arrepios na espinha. O final é surpreendente, só percebemos as pistas que foram deixadas em cada episódio quando o último é assistido.

A direção, desenho dos personagens, trama e trilha sonora são o que fazem de
Another um clássico do terror e, apesar de todo horror, conseguimos desenvolver empatia pelos personagens, que são tão realistas. 
Se você está em busca de uma animação curta, mas envolvente, trágica e aterrorizante em certos momentos (se for muito sensível, aconselho a não assistir durante a madrugada), Another, com certeza, vale a pena! 

 

REFERÊNCIAS : CAINGANG, João. Crítica I Another (sem spoilers). AMARELO 24. Disponível em : <https://amarelo24.com.br/another-critica-sem-spoilers/ > Acesso em : 12 de jul.de 2020.

 
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »