25/09/2021 às 18h33min - Atualizada em 25/09/2021 às 18h11min

No Morumbi, São Paulo recebe o líder Atlético Mineiro

Tricolor não perde para o clube mineiro em casa desde 2017

João Vitor Figueiredo - labdicasjornalismo.com
Rigoni e Arana tem se destacado em seus clubes nesta temporada. Quem levará a melhor? (Foto: Getty Images)

São Paulo e Atlético Mineiro se enfrentam neste sábado, às 21h, no Morumbi, pela 22° rodada do Brasileirão. Os dois times chegam a este confronto em momentos bem distintos. O tricolor paulista faz até aqui campanha irregular no campeonato e quer se recuperar na tabela. Hoje, o soberano ocupa  a 12° posição com 26 pontos, somente três acima do Juventude, primeiro clube da zona de rebaixamento. Por outro  lado, o Galo vive um grande momento. Líder da competição com 45 pontos, sete a mais que o vice-líder Palmeiras, não perde desde a 7° rodada -- são 11 vitórias e dois empates --. E o clube mineiro ainda segue firme na Copa do Brasil e na Libertadores.

 

Dessa maneira, os visitantes vão ao Morumbi para tentar quebrar um jejum que já dura mais de três anos. A última vitória do Galo contra o time paulista, fora de casa, foi em 2017. De lá para cá, foram duas vitórias do São Paulo e um empate.

 

Quando se enfrentaram no primeiro turno, partida vencida pelo clube mineiro por 1 x 0,  havia grande expectativa de que os dois fossem  estar presentes na disputa do título por conta do bom primeiro semestre de ambos. A época, O tricolor encerrou o longo jejum de títulos ao vencer o campeonato Paulista em cima do Palmeiras. Além disso, fez contratações e apresentava um futebol consistente. Porém, na sequência das competições isso se perdeu. Já o Atlético foi campeão mineiro, mesmo  com algumas desconfianças, mas ao contrário do adversário, ganhou força e evoluiu, a ponto de hoje ser forte candidato nas três competições que disputa.


A zaga do São Paulo deve ter dificuldades contra o forte ataque do Galo: (Foto: Pedro Souza / Atlético Mineiro)

SÃO PAULO

 

Diferentemente de outros jogos, o técnico Hernan Crespo terá menos problemas para escalar a equipe para o jogo deste sábado. O treinador conta com o possível retorno de Luciano, recuperado de problema no olho. O camisa 11 treinou nesta sexta (24) e deve ser relacionado. O zagueiro Léo também retorna após cumprir suspensão. A principal dúvida na escalação é na lateral direita, já que Igor Vinicius e Orejuela seguem como desfalques.  Dentro do Morumbi, o aproveitamento do tricolor é baixo: 42%. Em dez partidas, venceu apenas três e perdeu duas. 

 

Provável escalação: Tiago Volpi; Galeano, Arboleda, Miranda e Léo (Welington); Luan, Liziero, Rodrigo Nestor e Gabriel Sara; Luciano (Pablo) e Rigoni.

 

ATLÉTICO MINEIRO

 

O técnico Cuca vive uma incerteza:  preservar sua equipe para o jogo da Libertadores na próxima terça (28) ou botar o que tem de melhor em campo contra o São Paulo. De acordo com a lista de relacionados, certeza mesmo são os desfalques de Diego Costa e Savarino, que se recuperam de lesões, Tchê Tchê, suspenso por três cartões amarelos, além de Keno, com quadro de  virose.

 

Fora de seus domínios, o Galo tem o melhor retrospecto da competição, com quase 70% de aproveitamento. Em 11 jogos,  venceu sete e perdeu apenas duas. 

 

Provável escalação: Everson; Mariano (Guga), Nathan Silva, Junior Alonso e Guilherme Arana; Allan, Jair, Zaracho e Nacho (Nathan); Vargas e Hulk.

 

HISTÓRICO DE CONFRONTOS


São Paulo x Atlético Mineiro é mais um daqueles confrontos históricos em campeonatos brasileiros.  As finais de 1971 e 1977 foram definidas entre as duas equipes: um título para cada lado. O equilíbrio também marca este duelo. No total, foram 102 jogos, 36 vitórias paulistas contra 35 dos mineiros.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »