23/11/2021 às 17h35min - Atualizada em 19/11/2021 às 20h50min

Festival Varilux de Cinema Francês realiza a sua 12ª edição

O evento começa dia 25 de novembro e traz ao Brasil 17 filmes inéditos em sua programação.

Dayane Cibelle - revisado por Jonathan Rosa
Festival Varilux de Cinema Francês chega a sua 12ª este ano e traz filmes inéditos em sua programação. (Foto/Divulgação: Site do Festival Varilux)

O Festival Varilux chega a sua 12ª edição. O evento que inicia no próximo dia 25 de novembro e vai até 8 de dezembro trará em sua programação 17 filmes inéditos. Entre as produções o Titane, da diretora Julia Ducournau, longa-metragem premiado com a Palma de Ouro no Festival de Cannes deste ano, é um dos destaques. A edição também exibirá quatro clássicos memoráveis da cinematografia francesa para compor a lista e homenagear o ator Jean-Paul Belmondo, ícone do cinema mundial que faleceu em setembro.

 

A exibição dos filmes será exclusivamente em salas de cinemas espalhadas pelo Brasil. Os longas formam uma seleção de variados gêneros e temas, diversificando entre filmes inéditos, clássicos, documentários e uma animação. Além de trazer à cena atores e diretores consagrados ou em ascensão na indústria cinematográfica. 

 

Para completar a experiência, a delegação francesa costuma vir ao evento para apresentar seus filmes e bater um papo com o público em sessões de debate. Entre os convidados de  destaque da edição estão o diretor Philippe Le Guay, do filme Um intruso no porão (2021), e o ator Sami Outalbali, conhecido por seu papel como Rahim na série da Netflix, Sex Education. Ele é o protagonista do filme Um Conto de Amor e Desejo (2021), da diretora Leyla Bouzid, que também estará no evento.

 

Os filmes exibidos na edição de 2021 foram escolhidos pela organização do Festival Varilux e são inéditos, além de serem premiados ou participantes de festivais internacionais.

 

Confira a lista completa de filmes do Festival 2021

Jean-Paul Belmondo

O ator é uma das estrelas do cinema francês e nos deixou este ano. O festival fará a sua homenagem exibindo quatro clássicos protagonizados pelo astro. Esses títulos enaltecem o seu trabalho e trazem destaque para sua brilhante jornada. Vale lembrar que a identidade visual do festival no ano passado (2020) tinha estampada a imagem do Jean-Paul Belmondo, onde ele estrelava o filme Acossado de 1960.

Os clássicos em sua homenagem este ano são: O Demônio das Onze Horas (1965), de Jean-Luc Godard, O Homem do Rio (1964), de Philippe de Broca, e os filmes Técnica de um delator (1963) e Léon Morin, o padre (1961), ambos de Jean-Pierre Melville.


A lista de cidades e cinemas participantes estará disponível em breve no site do festival, e o valor do ingresso fica à cargo do cinema que irá exibir os filmes.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »