01/12/2021 às 19h22min - Atualizada em 01/12/2021 às 19h00min

Cinco países com difícil acesso ao turismo

Conheça cinco países mais difíceis de visitar

Ana Clara Borges - Editado por Matheus Da Fonseca
Butão (Fonte: premierturismo.com.br)
Algumas limitações e obstáculos podem dificultar a vida dos turistas na hora de escolher um destino. Com processos burocráticos complicados, países como Líbia, Butão, Somália, Nauru e Kiribati, são alguns territórios que entram para a lista de mais difíceis de visitar, seja por políticas instáveis ou localizações inacessíveis.

Entenda o porquê desses países serem tão complicados de visitar:

Líbia

Conseguir o visto para visitar a Líbia é bastante complicado. O país impõe que os turistas façam a solicitação através de um operador turístico licenciado. Dessa forma, procedimento de obtenção de visto para turismo no local custa dinheiro, tempo e paciência, o que faz poucas pessoas se disporem a tentar entrar no território.

Butão

Assim como a Líbia, o Butão também solicita que os turistas passem por um operador turístico licenciado para conseguir o visto. Além disso, o Butão exige que o pacote de viagem seja comprado em agências butanesas e o deve ser dinheiro enviado através de transferência internacional.

Por mais fascinante e incrível que o Butão possa ser, são poucas pessoas que enfrentam essa dificuldade para entrar no país.

Somália

Considerado um dos países mais pobres e violentos do continente africano, a Somália é outro destino complicado para os turistas.
Encontrar uma embaixada para pedir o visto de entrada é bem trabalhoso e não é aconselhável viajar sozinho para o país.

Com problemas econômicos, sociais, violência excessiva e poucos recursos, o turismo da Somália não consegue se fortalecer e ampliar, o que faz com que o local esteja na lista dos países mais difíceis de visitar.

Nauru

Localizado no sul do Oceano Pacífico, Nauru é um dos menores países do mundo. Para chegar ao local, é preciso de visto e as embaixadas ou consulados do país estão situadas na Australia, Fiji, Tailândia e Taiwan.

Outro ponto complicado, é que há apenas uma linha área, a Our Airline, leva os turistas para Nauru.

Kiribati

Formado por 33 ilhas semelhantes às praias caribenhas, viajar para o Kiribati também é bastante complexo.

O arquipélago recebe dois voos internacionais por semana, na capital Tawana, e a sua localização remota é inacessível. Ademais, o país precisa de visto para ser visitado e o único consulado de Kiribati fica localizado em Fiji.


E você? Está disposto a enfrentar algumas limitações e grandes processos burocráticos para visitar esses países?

 
Referências:

TERRA. “Burocracia e política: site lista países aos quais é difícil viajar”. Terra, 2013. Disponível em: . Acesso em 26/11/2021.

NUNES, Brunella. “Sem moleza: conheça 11 países proibidos de se visitar”. Quanto custa viajar blog, 2016. Disponível em: . Acesso em 26/11/2021.

VIAJONÁRIOS. “Os países mais difíceis de entrar no mundo”. Viajonários, 2018. Disponível em: < https://www.viajonarios.com.br/os-paises-mais-dificeis-de-entrar-no-mundo/ >. Acesso em 26/11/2021.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »