04/12/2021 às 01h14min - Atualizada em 04/12/2021 às 01h02min

No mundo dos Peter Parkers

Até a estreia de "Sem Volta Para Casa", o Homem Aranha já andou por muitos caminhos

Júlia Victória - Editado por Ana Terra
Fonte: Marvel Enterprises
Desde a estreia de Tom Holland como o intérprete do Homem Aranha em Guerra Civil, surgem discussões sobre qual ator foi o melhor Peter Parker.  Com a chegada de Sem Volta Para Casa esses debates aumentaram, principalmente com a possibilidade de ter os três atores (ou quatro contando com uma aparição real de Miles Morales) em cena. Um dos personagens mais tradicionais e queridos da Marvel teve várias versões, tanto em live-action como em animação.
 
A história do “teioso” teve origem nos quadrinhos. A vida de um estudante que mora com os tios e que ao ser picado por uma aranha ganhou poderes (e grandes responsabilidades) foi iniciada em 1962. Desde então, ganhou formatos variados na TV e no cinema. 
 
Em 2002, a Sony lançou o primeiro live-action do Homem-Aranha. Interpretado por Tobey Maguire, alcançou números expressivos de bilheteria e também de público. Dirigido por Sam Raimi, é considerado por muitos fãs como um dos mais fiéis às HQs. Os vilões também fizeram parte desse triunfo, principalmente Dr. Octopus ( Alfred Molina) e Duende Verde (Willem Dafoe).
Fonte: Doug Hyun

Fonte: Doug Hyun

Com o sucesso, outras duas sequências foram lançadas: em 2004 e em 2007. Apesar de não terem conseguido alcançar o mesmo nível, especialmente o terceiro, trazem momentos que ficaram marcados nessa geração, que considera Tobey Maguire o melhor entre os três. Tobey apresentou esse lado mais nerd e brincalhão com essa vida dupla agitada e tentando se adaptar à nova realidade.
Fonte: Marvel/Sony

Fonte: Marvel/Sony

A Sony tinha planos para outros projetos do Homem-Aranha, contudo, diferenças criativas com o diretor Sam Raimi interromperam essas intenções e, por hora, Tobey Maguire se aposentou do papel. Em 2008, a Marvel começou o seu próprio universo cinematográfico, com Homem de Ferro. Mas neste momento, a narrativa de Peter Parker estava parada e continuava independente do planejamento do estúdio. 
 
Em 2012, essa história foi reiniciada e recontada. O Espetacular Homem-Aranha trouxe um novo Peter Parker, dessa vez vivido pelo britânico Andrew Garfield. Novamente apresentou esse fundo com a infância do herói, mas com algumas peculiaridades. Agora, ganha um foco em um aspecto não explorado na primeira trilogia: o desejo de Peter em descobrir o que causou a morte dos pais. E, ao invés de Mary Jane, trouxe Gwen Stacy como o par romântico.
Fonte: Sony Pictures Entertainment Inc.

Fonte: Sony Pictures Entertainment Inc.

O segundo da franquia tomou um caminho diferente e abordou uma trama que não é apresentada nos quadrinhos. Essa escolha não agradou muito aos fãs. Ainda sim, o público tem simpatia com o Homem Aranha interpretado por Andrew. A personalidade destoa um pouco das HQs e da primeira atuação de Tobey, mas traz um carisma e um senso de humor que cativaram os espectadores.
Fonte: Niko Tavernise/ Sony Pictures Entertainment Inc. F

Fonte: Niko Tavernise/ Sony Pictures Entertainment Inc. F

Depois desse “renascimento”, o caminho de Peter Parker esfriou novamente. Contudo, pouco tempo depois, a Marvel Studios e a Sony iniciaram algumas conversas para integrar o personagem ao MCU. E em 2016 esse encontro aconteceu. Mesmo com os direitos “compartilhados”. Capitão América: Guerra Civil exibiu o novo Homem Aranha, interpretado por outro britânico, desta vez o jovem Tom Holland. E o seu arco neste universo seria ditado pela relação do adolescente com Tony Stark. Em 2017, ganhou seu primeiro filme solo.
Fonte: Marvel Studios

Fonte: Marvel Studios

Homem Aranha: De Volta ao Lar abordou esse lado ainda mais adolescente de Peter e não focou tanto no seu passado como os anteriores. A interpretação de Tom tem este lado nerd e bastante inteligente, além de doses de humor e momentos onde é extremamente tagarela. 
Fonte: Marvel Studios

Fonte: Marvel Studios

Entre os três que viveram o Homem Aranha em live-action, Tom é o único que tem participações no MCU. Além de Guerra Civil e De Volta Ao Lar, esteve também em Guerra Infinita, Ultimato e Longe de Casa. Além de ganhar este novo, e aguardado, filme solo e, possivelmente, uma nova trilogia.
 
Outro Homem Aranha que constitui esse universo é Miles Morales, de Homem-Aranha no Aranhaverso. Antes mesmo da expectativa de ver o Multiverso no MCU, a animação já abordava o assunto e levou várias versões de Peter Parker aos cinemas. A produção foi muito elogiada pela crítica e pelos fãs, tanto que conquistou o Oscar em 2019.
 Fonte: Sony Pictures Animation

Fonte: Sony Pictures Animation

Agora, em Homem Aranha: Sem Volta Para Casa as esperanças se formam em ver esses “Homens-Aranhas” juntos. Entre diversos vazamentos, pistas e alguns erros nos trailers, a espera de rever algumas dessas figuras cresce, principalmente com a participação de Dr. Octopus, Duende Verde e Electro nesta nova produção.
 
REFERÊNCIAS:
Homem-Aranha: 5 motivos para acreditar que Tobey Maguire ainda é o melhor Peter Parker. Rolling Stone, 2020. Disponível em: <https://rollingstone.uol.com.br/noticia/homem-aranha-5-motivos-para-acreditar-que-tobey-maguire-ainda-e-o-melhor-peter-parker/>. Acesso em: 04 de dezembro de 2021. 
GRUTTER, Felipe. Homem-Aranha: qual o melhor filme do herói? De Tobey Maguire e Tom Holland a Andrew Garfield; veja ranking. Rolling Stone, 2021. Disponível em: <https://rollingstone.uol.com.br/cinema/homem-aranha-qual-melhor-filme-do-heroi-de-tobey-maguire-e-tom-holland-andrew-garfield-veja-ranking/>. Acesso em: 04 de dezembro de 2021.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »