04/12/2021 às 22h49min - Atualizada em 04/12/2021 às 22h49min

Vingança, rebaixamento e Libertadores movem jogo entre Corinthians e Grêmio

Timão pode descontar o vexame contra o time que o “derrubou” e ainda carimbar vaga direta no torneio continental

Paulo Octávio
V de vingança: torcida do Corinthians faz caixões com referência aos anos em que o Grêmio foi rebaixado para série B e faz até paródia com hino do rival para a possível catarse deste domingo. Foto: Reprodução/Central do Timão
Corinthians e Grêmio se enfrentam neste domingo, em Itaquera, às 16h (Brasília), em um contexto parecido com o da última rodada do Brasileirão de 2007. Mas com papeis invertidos. Se naquele ano uma vitoria gremista rebaixava o Timão agora é o contrario. E embora naquela oportunidade o Imortal tenha empatado -- a derrota do Internacional para o Goiás foi determinante  para a queda Alvinegra -- o torcedor paulista deseja se vingar do Tricolor.  
 
Apesar de nesses 14 anos o time paulista ter acabado com as piadas sobre não ter Libertadores e não ter estádio e ainda ter vencido o Mundial de Clubes contra o Chelsea, a mágoa do rebaixamento ainda está viva.

A desforra motivou os 42 mil torcedores que compraram ingresso. Música, coroa de flores e caixões estão sendo preparados para esse encontro por puro deboche. O clima ficou ainda mais quente após a vitoria dos gaúchos contra o São Paulo, isso fez  com que o time  ainda tenha chances de escapar da degola. Se tivesse perdido já estaria rebaixado pela terceira vez em sua história , pois ficaria a sete pontos do  Cuiabá, primeiro fora da zona, que foi derrotado pelo Athletico nesta sexta (Tricolor caiu em 1991 e 2004).
 
As declarações dos visitantes apimentaram ainda mais essa decisão. O diretor do Grêmio, Denis Abrahão, afirmou que os corinthianos vão torcer para os sulistas. E o técnico  Vagner Mancini, ex-Corinthians, disse que torcida não entra em campo.
 
Já para o Grêmio, que tem 39 pontos, quatro a menos que o primeiro fora do Z4, só a vitória interessa para ter chance de escapar na última rodada. Mesmo se empatar pode ser rebaixado caso Juventude e Cuiabá pontuem na rodada.
 
Além da possibilidade da queda gremista, está em jogo a vaga direta do timão para à Libertadores. Atual quarto colocado com 56 pontos, clube precisa de mais um triunfo para ficar ao menos entre os cinco primeiros colocados com uma rodada de antecedência. E assim evita a disputa das duas fases preliminares do torneio continental, o que virou trauma após eliminações contra Tolima e Guaraní.
 
 
 CORINTHIANS
 
Giuliano, Renato Augusto, Willian e Róger Guedes  podem voltar a jogar juntos, o que não ocorre desde o jogo contra o Fluminense.  Giuliano, recuperado de uma lesão na coxa, pode voltar ao time. Se Sylvinho quiser escalar o jogador, tem a opção de colocar o Du Queiroz para o lugar de Fagner, que está suspenso. Outro que está impedido de jogar porque tomou terceiro amarelo é o Gabriel; volante será substituído por Xavier. Já Wililan também deve regressar e entrar no lugar do jovem Gabriel Pereira.
 
Provável Corinthians: Cássio, Du Queiroz (João Pedro), Gil, João Victor e Fábio Santos; Xavier, Giuliano e Renato Augusto; Willian, Róger Guedes e Jô.

GRÊMIO
 
Jonatha Robert, autor do terceiro gol na quinta, ou Alisson substituirá Douglas Costa. O camisa dez levou cartão amarelo por demorar a sair de campo no ultimo jogo, depois criticou torcedores que o contestaram pelo erro e pediu para viajar a São Paulo com o time. Os laterais  Vanderson e Cortez  voltam a equipe enquanto o atacante  Elias sai.
 
Provável Grêmio: Gabriel Grando; Rafinha, Geromel, Kannemann, Diogo Barbosa (Cortez); Thiago Santos (Sarará), Lucas Silva, Campaz, Jhonata Robert (Alisson), Ferreira; Diego Souza. Técnico: Vagner Mancini

HISTÓRICO DE CONFRONTOS
 
Os dois clubes se enfrentaram 95 vezes na história. Foram  33 vitorias do Corinthians, 35 do Gremio e 26 empates.
 
O Timão só tem uma vitória contra o rival deste domingo na Arena em jogo oficial. Último triunfo foi em 23 de novembro de 2014 pelo Brasileiro. Também houve um amistoso com vitória alvinegra por 2 a 1 em julho de 2018.  

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »