21/03/2021 às 12h44min - Atualizada em 21/03/2021 às 12h43min

Blade: a caminhada do caçador de vampiros da Marvel até chegar ao UCM

Jonathan Rosa - Editado por Fernanda Simplicio
Mahershala Ali assumira as presas de Blade, o caça-vampiros da Marvel. (Foto: Reprodução/ Marvel/ Disney)

O anúncio da introdução do Blade no UCM, feito pelo presidente da Marvel Studios Kevin Feige na Comic Con Experience 2019 (CCXP), causou muito alvoroçada na comunidade nerd. Já que a chegada do caçador de vampiros da casa das ideias não vinha nem sequer sendo especulado, e surpreendeu fãs e especialista positivamente. E para viver o semi-vampiro a Marvel trouxe o ganhador do Oscar Mahershala Ali. – Para ser mais exato, foi o próprio Ali quem ligou para Feige e disse: "quero fazer o Blade", e assim ficou.

Mahershala Ali já demostrou que tem talento como personagem quadrinesco – Sim, lembrem que ele foi o “vilão” Boca de Algodão na série “Luke Cage” da Netflix (e da Marvel também). Mas apesar de ser um excelente ator, e com toda certeza trará um tom totalmente inovador ao universo pós blip do UCM, essa história não começa aqui. Já que o Blade tem uma imensa bagagem na cultura Pop, e eu não estou me referindo apenas aos quadrinhos.

Para geração do século 2000 talvez seja meio surpreendente saber, que o caçador de vampiros já esteve nas telonas anteriormente e não como um filme B esquecido pela comunidade, e sim um fenômeno cultural. Porém, ainda é cedo, ainda chegaremos aqui... Primeiro voltemos para 10 de junho de 1973 quando um homem (até então comum) munido de um arsenal de facas tenta destronar o reinado de sugação de sangue do lorde dos vampiros, o famoso Conde Drácula, na revista The Tomb of Dracula número 10.

Criado por Marv Wolfman e Gene Colan, o então estreante não contava com habilidades sobre-humanos, e nem ninguém desconfiava da sua linhagem vampiresca. – Ninguém mesmo, nem mesmo os criadores. Esse conceito só foi introduzido mais tarde. Em dezembro de 1974, após de mais algumas pontinhas nos títulos da editora, onde entrou em atrito até com o Morbius, o Vampiro vivo (que vai ganhar um filme solo pela Sony estrelado por Jared Leto), com quem sempre teve uma relação complicada, o herói finalmente ganhou sua própria história.

O nome verdadeiro de Blade é Eric Brooks. E assim como Dexter Morgan, também nasceu no meio do sangue, já que sua mãe foi morta no dia em que deu aluz. Tara teve complicações no parto e procurou a ajuda do médico, Deacon Frost, no entanto, ele era um vampiro e se aproveitou da situação para se alimentar do sangue da moça ainda gravida.

Como resultado, enzimas de Frost foram transferidas para a corrente sanguínea de Tara, e por consequência, para o pequeno Eric, o que o fez se transformar em híbrido de humano com vampiro, o chamado Dampiro. Frost teve de fugir antes de matar a criança. E com a morte de Tara Eric passou a infância no prostíbulo onde a sua mãe trabalhava.

Mas com apenas nove anos, Eric salvou Jamal Afari de um ataque de três vampiros. Por coincidência do destino, o homem já havia atuado como caçador de vampiros no passado, e ao descobriu a trágico do jovem decidiu treiná-lo, se tornando assim, uma figura paterna para Eric. Então, determinado a vingar a morte de sua mãe, o jovem decidiu se tornar um caçador de vampiros e adotou o nome de Blade. 

A mutação deu ao herói uma gama de poderes que o fizeram invulnerável a transformação em vampiro caso seja mordido por um, além de também não ser vulneral as fraquezas de um sugador de sangue comum, mesmo tendo todas as habilidades sobre-humanos deles. Mas Blade também precisa se alimentar de sangue fresco para conseguir sobreviver. No entanto, ele opta por usar um soro especial, e caso fique muito tempo sem torná-lo, Blade pode perder o controle e atacar humanos para se alimentar de seu sangue. – O que sempre deu uma carda dramática a mais para o personagem.

Apesar disso, Blade ficou na geladeira durante boa parte dos anos 80, até voltar a se destacar novamente na década seguinte, onde protagonizaria sua primeira HQ solo em 1994. Foi então que a fama do caçador de vampiros chegou ao grande público, o herói ganhou muito destaque com sua história adaptado para os cinemas em 1998. Isso 10 anos antes da estreia do filme Homem de Ferro, que abriria o UCM em 2008.

Sob a direção de Stephen Norrington e a atuação estilosa de Wesley Snipes, o filme “Blade – O Caçador de Vampiros”, não demorou para se tornar um grande sucesso e render uma trilogia de mais de 400 milhões de dólares. Snipes estava no auge de sua carreira e negociando com a Marvel a produção de uma adaptação de Pantera Negra para as telonas, que era um antigo sonho do ator. Quando as negociações não vingaram, a Marvel ofereceu o papel de Blade para ator.  

A adaptação trouxe novos elementos que não existiam nos quadrinhos, como armas mais tecnológicas e um visual mais contemporâneo, com roupas de couro preto. Além de uma linguagem visual extrema e visceral, figurinos e sets espalhafatosos, e uma trilha sonora com os maiores artistas de hip-hop da época. "Blade" foi um filme que, para os padrões da época, não teve medo de ousar e já era um filme que lidava com a estética do afro-futurismo muito bem.

Essa adaptação do caçador de vampiros para as telonas também rendeu uma franquia de jogos de vídeo game, que fizeram a cabeça dos jovens no começo dos anos 2000. Além de uma série de TV em 2006, que teve participação dos produtores do filme, mas dessa vez não foi um grande sucesso, apesar de ter agradado alguns fãs. Intitulada literalmente como: “Blade: A série”, essa versão trouxe o ator Kirk Jones vivendo o Blade durante os 13 episódios de sua única temporada. Blade teve ainda um anime com 12 episódios em 2011, esse considerado muito bom.

Agora, sob a produção da Marvel Studios, Blade deverá voltar às telonas, desta vez interpretado por Maharshala Ali. Só que desta vez o personagem deve ser bem menos violento que sua antiga adaptação, já que durante uma participação na Television Critics Association Press, Kevin Feige deixou claro que o filme não será para maiores de 18, como foi a versão do Wesley Snipes.

Vale lembrar que, segundo o guia de programação do Dia dos Investidores dos estúdios Walt Disney, o novo filme do icônico caçador de vampiros pode chegar aos cinemas em 2022, entre o lançamento de ‘Pantera Negra 2’ e ‘Capitã Marvel 2’.

REFERÊNCIAS:  

CARDOSO, C. Quem é Blade, o caçador de vampiros da Marvel. MEIO BIT. 2019. Disponível em: <https://tecnoblog.net/meiobit/409551/quem-e-blade-o-cacador-de-vampiros-da-marvel-que-volta-ao-cinema/> Acesso em: 17 de mar. de 2021.

Franquias: Blade, O Caçador de Vampiros. UOL. 05 de nov. de 2019. Disponível em: <https://natelinha.uol.com.br/canal-like/2019/11/05/franquias-blade-o-cacador-de-vampiros-136373.php> Acesso em: 17 de mar. de 2021.

IKEDA, A. Blade: história e poderes do caçador de vampiros da Marvel. EI NERD!. 25 de set. 2020. Disponível em: <https://www.einerd.com.br/blade-poderes/> Acesso em: 17 de mar. de 2021.

RANTIN, C. Pantera Negra: Wesley Snipes conta como ele quase foi o herói da Marvel. LEGIÃO DOS HERÓIS. 15 de fev. de 2021. Disponível em: <https://www.legiaodosherois.com.br/2021/pantera-negra-wesley-snipes-marvel.html> Acesso em: 17 de mar. de 2021.

SCHIAVONI, D. Conheça Blade, o Caçador de Vampiros! AFICIONADOS. 13 de ago. 2019. Disponível em: <https://www.aficionados.com.br/conheca-blade-o-cacador-de-vampiros/> Acesso em: 17 de mar. de 2021.

TORRES, A. ‘Blade’: Reboot ganha título oficial; Confira! CINE POP. 06 de fev. de 2021. Disponível em: <https://cinepop.com.br/blade-reboot-ganha-titulo-oficial-confira-282626/> Acesso em: 17 de mar. de 2021.

TORRES, A. Reboot de ‘Blade’ não será para maiores de 18 anos. CINE POP 25 de fev. de 2021. Disponível em: <https://cinepop.com.br/reboot-de-blade-nao-sera-para-maiores-de-18-anos-285001/> Acesso em: 17 de mar. de 2021.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »