20/02/2021 às 18h42min - Atualizada em 20/02/2021 às 17h45min

Yara Flor tem série live-action cancelada pela CW

Adaptação da mulher maravilha brasileira continuará nos papeis

Joérica Cunha - Editado por Fernanda Simplicio

Uma das notícias que mais empolgou os fãs (principalmente os brasileiros) de histórias em quadrinhos em 2020 foi o anúncio de uma minissérie de duas edições da nova mulher-maravilha brasileira, Yara Flor, personagem metade indigena, metade Themyscira, que pertence a uma nova tribo localizada na Floresta Amazônica.

A história da super-heroína teve seu início no evento Future State da DC Comics, que narra acontecimentos de um futuro distante da atual cronologia, apresentando novos super-heróis para o público. A Future State é uma fase limitada tendo suas publicações apenas nos meses de janeiro e fevereiro, e o seu objetivo é abrir portas para a expansão do universo dos quadrinhos da DC futuramente.

Antes mesmo da estreia de Yara Flor nos quadrinhos, a CW, produtora responsável pelo Arrowverse, havia anunciado que produziria uma série live-action, intitulada Wonder Girl, protagonizada pela mulher-maravilha brasileira.

O anúncio foi muito bem recebido pelos fãs, que já estavam ansiosos por novidades sobre a série, até a roteirista responsável pelo projeto, Dailyn Rodriguez, confirmar em seu Twitter o cancelamento da série antes mesmo de sair do papel.


Más notícias. Para quem perguntou, Wonder Girl não será encomendada pela CW. Estava muito orgulhosa do roteiro que escrevi. Queria poder compartilhar o mundo que criei, mas infelizmente não foi dessa vez. Obrigado pelo entusiasmo de todos. Significava muito para mim”



Wonder Girl seria produzida pelo estúdio de Greg Berlanti, responsável por outras séries da DC na CW, e teria a primeira super-heroína latina como protagonista de um live-action.



A HQ de estreia da Yara Flor, intitulada Future State: Wonder Woman, foi lançada nos Estados Unidos no dia 5 de janeiro e teve seus exemplares rapidamente vendidos. A edição foi bastante elogiada pelas suas artes e pela maneira que introduziu a personagem, e fez cativou uma legião de fãs, porém, também foi alvo de inúmeras críticas relacionadas a maneira em que a cultura e as crenças nativas foram apresentadas.

 
O fato que mais chamou a atenção daqueles que não gostaram da representatividade indígena na HQ, foi a ausência de profissionais brasileiros na produção, que segundo os críticos, pode geram uma representação distorcida da cultura brasileira e indígena.

As HQ’s de Yara Flor são escritas e desenhadas por Joëlle Jones, artista que ilustrou personagens como Batman e Mulher-Gato, que ao ficar sabendo das polêmicas envolvendo a 1ª Edição da história, pronunciou-se alegando sentir muito que algumas pessoas tenham ficado ofendidas com o conteúdo, e que o arco de Yara no DC Future State é apenas um teaser para a série integral, que já foi anunciada pela DC.

Yara Flor irá estrelar o título mensal Wonder Girl, sob produção de Jones, tendo previsão de estreia para maio de 2021.

REFERÊNCIAS:

RANTIN, Cristiano. WONDER GIRL: Série live-action protagonizada por uma mulher por mulher-brasileira é cancelada. Legião de Herois, 2021.Disponível em: <https://www.legiaodosherois.com.br/2021/wonder-girl-yara-flor-mulher-maravilha-brasileira-cancelada.html>. Acesso em 15 de fev. 2021.

FIAUX, Gus. Quem é Yara Flor: O que já sabemos dobre a mulher maravilha brasileira. Legião dos Herois, 2021. Disponível em: <https://www.legiaodosherois.com.br/2020/yara-flor-tudo-sabemos-mulher-maravilha-brasileira.html >. Acesso em 15 de fev. 2021.

NEVES, Beatriz. Yara Flor: saiba os motivos da polêmica envolvendo a personagem brasileira da DC Comics. Entretizei, 05 de fev. 2021. Disponível em: <https://entretetizei.com.br/yara-flor-saiba-os-motivos-da-polemica-envolvendo-a-personagem-brasileira-da-dc-comics/> Acesso em 15 de fev. 2021.

PEREIRA, Paulo. A mulher mais poderosa do mundo em cheque. Lab Dicas de Jornalismo, 28 de jan.  2021. Disponível em: <https://labdicasjornalismo.com/noticia/5839/a-mulher-mais-poderosa-do-mundo-em-cheque> Acesso em 15 de fev. 2021.

 
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »