04/06/2021 às 21h09min - Atualizada em 04/06/2021 às 20h38min

LoL: Solidariedade e entretenimento fazem do CBOLÃO um sucesso na internet

Campeonato beneficente organizado pelo streamer Baiano é um acerto em época de quarentena

Kevin Costner - Editado por Ana Terra
Nos dias 29 e 30 serão lembrados por mais uma edição do “CBOLÃO”, campeonato beneficente de League of Legends organizado pelo streamer Gustavo “Baiano”.

Com pico de 100 mil espectadores simultâneos na Twitch, Baiano arrecadou mais de R$ 170 mil, que serão doados em combate à pandemia de Covid-19. A transmissão do CBOLÃO, nome que faz alusão ao Campeonato Brasileiro de League of Legends (CBLOL), não fica exclusivamente presa aos envolvidos da modalidade – o streamer Gaules, bem como a empresa Exitlag, participaram realizando doações para o torneio.
O grande campeão foi a Loudinhos, composto por jogadores da LOUD Academy. Todavia, podemos dizer que o grande vencedor é o público, que se faz solidário e apoia a nobre causa em meio a tempos difíceis.

De maneira divertida e com muito entretenimento, a competição se torna sadia no meio da crise de saúde sanitária em que vivemos. Além disso, fazer com que mais de 100 mil pessoas fiquem em casa apreciando um conteúdo, que é sempre inovado a cada edição, é de se exaltar.

Reprodução: Mais Esports

Reprodução: Mais Esports


Inclusão
Diferente de edições passadas, a terceira edição do CBOLÃO foi aberta ao público, onde qualificatórias foram disputadas entre os dias 17 a 23 de maio. Os vencedores da fase inicial embolsaram R$ 5mil.
No League of Legends, o termo monochampion é usado para o jogador que usa exclusivamente um único personagem do MOBA da Riot Games. E no CBOLÃO, esses players têm sua visibilidade e podem mostrar suas habilidades – muitas das vezes eliminando jogadores da liga profissional.

É Só Um Joguinho?
Na final do CBLOL 2018, que foi realizada em Porto Alegre, Rio Grande Sul, o rapper Emicida se apresentou com uma a composição “É Só um Joguinho”, ironizando o desmerecimento dos jogos eletrônicos. No CBOLÃO, doações para o Médicos Sem Fronteiras e Amapá mostram que jogos, no dia de hoje, vão bem além de divertimento.
Agradecimento do Coronel Bombeiro Militar e Médico da Defesa Civil do Amapá, Pedromar Valadares, a todos que ajudaram no CBOLÃO! As doações foram convertidas na compra de máscaras de ventilação n invasivas q JÁ ESTÃO salvando vidas. Orgulho MÁXIMO da nossa comunidade gamer️.
pic.twitter.com/rS95pjfEiW 
— SA Baiano (@baianolol1) April 6, 2021
As ações beneficientes realizadas por Baiano, por meio do League of Legends, vão além dos números expressivos de audiência e arrecadações, os feitos mostram que, diferente do negacionismo de governantes, é póssivel combater à pandemia e ainda conseguir incentivo de apoiadores, tudo se passa por sua solidariedade.
 
REFERÊNCIAS:
VENTURA, Vitor. “LoL: Loudinho bate time de brTT e vence o Cbolão”. MAIS ESPORTS, 2021. Disponível em: <https://maisesports.com.br/lol-loudinho-bate-time-de-brtt-e-vence-o-cbolao/>. Acesso em: 31/05/2021.
Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »