02/07/2022 às 23h33min - Atualizada em 02/07/2022 às 22h37min

Série de Obi-Wan Kenobi chega ao seu fim com um episódio que empolga e duelo marcante

Após seis episódios a produção da Disney+ entrega ao público um final para a trama que foi no mínimo intrigante

Felipe Grande - Editado por Ana Terra
Obi-Wan Kenobi, a nova série do universo Star Wars do Disney+, teve seu último episódio lançado no dia 22 de junho, e entregou ao público uma experiência mista. Com vários pontos negativos e alguns positivos, a série consegue trazer esperança para o roteiro em sua última parte.

O início da história escrita para a série foi intenso e bem explorado, mas isso dura dois episódios. Ao atingir o terceiro, e especialmente o quarto episódio, o roteiro enfraquece, as cenas ficam cada vez mais previsíveis, e no fim o que de fato me manteve interessado para continuar acompanhando os lançamentos foram a atuação de Ewan McGregor, que mais uma vez mostra a grandiosidade de Kenobi, e a pequena Princesa Leia Organa (Vivien Lyra Blair).

Ver Hayden Christensen como Darth Vader e Anakin Skywalker é também um dos pontos positivos da produção. Vader sempre vai ser um personagem muito marcante independente da série ou filme que está inserido, e com a atuação de Christenssen e a voz de James Earl Jones para o Vader visto em Obi-Wan Kenobi, a situação não é diferente.

Parte 6: O tão aguardado duelo entre mestre e pupilo

Se tem algo que o último episódio de Obi-Wan entregou para mim foi aquele retorno aos trilhos que parecia impossível até então, já que a série parecia perdida há muito tempo. É claro que esse episódio não é perfeito, visto o papel pouquíssimo aproveitado de Reva (Moses Ingram), mas ele conseguiu mostrar uma batalha marcante e com um grande peso entre Vader e Obi-Wan.

Durante toda a temporada esse combate foi sendo construído e eventualmente iria acontecer, desde o primeiro encontro dos dois personagens, em que é possível ver um Obi-Wan claramente assustado e longe de ser o mestre Jedi que todos conhecem. Afinal já se passaram dez anos desde a infame Ordem 66, e durante todo esse tempo ele permaneceu escondido e sem contato com a Força ou com seu sabre de luz, que estava enterrado no deserto de Tatooine.

Desde que soube do paradeiro de Obi-Wan, Vader passou a forcar seus esforços em seu velho mentor, em busca de cortar relações com seu passado como Jedi, que ainda estava presente em Kenobi. É por isso que o embate entre os dois é muito significativo para Darth Vader, Obi-Wan e até mesmo para Anakin Skywalker.

A composição da luta final é quase poética, representando ali de fato o reencontro entre mestre e pupilo. Em meio ao caos dos sabres se digladiando e das várias frases de efeito, está uma bela cena do conflito que ainda permeia Darth Vader e Anakin Skywalker, a confusão de um personagem que insiste em demonstrar sua maldade e ao mesmo tempo mostra seu lado bom, revelando para Obi-Wan que seu velho amigo permanece vivo.

Tudo isso é representado pelas luzes e pelas vozes de Vader e Skywalker, ambas lutando para ser a mais forte e ilustrando perfeitamente a confusão do personagem, que já era conhecida desde o Episódio III: A Vingança dos Sith, quando Anakin se volta contra a Ordem Jedi e abraça o lado escuro da Força. Quanto às luzes, a cena usa os sabres para mostrar o que está sendo falado ali, enquanto Anakin assume o controle, o azul predomina, mas logo é sobreposto pelo vermelho e por Darth Vader.

Como dito pelo crítico de cinema PH Santos, “Anakin livra Obi-Wan do peso de achar que matou seu amigo, seu irmão, seu pupilo, mas Vader logo em seguida assume dizendo que na verdade foi ele quem matou Anakin, só que Obi-Wan não acredita nisso”.

É nesse momento que Obi-Wan aceita o seu destino, que deixa essa alcunha para trás e se torna de fato Ben Kenobi. Ele sabe que o seu antigo pupilo permanece vivo dentro de Darth Vader, e sabe também que existe esperança em Luke e Leia. Enquanto ele, os filhos de Anakin e Padmé, e o próprio Vader estiverem vivos, Anakin também vive, e assim vive o equilíbrio na Força.

E é assim que termina Obi-Wan Kenobi, uma série cheia de altos e baixos, mas que no fim entrega algo que adiciona muito para a história de Star Wars como um todo, especialmente para o arco de Anakin e Luke Skywalker. Claro, adiciona também para a história de Obi-Wan, que agora sabe o seu papel nesse cenário: manter Luke e Leia vivos, para que Uma Nova Esperança também permaneça viva.

Todos os episódios de Obi-Wan Kenobi, assim como toda a Saga Skywalker nos filmes, estão disponíveis no catálogo do Disney+.

Referências:

VACCARI, Bia. "Obi-Wan Kenobi exibe último episódio e fãs vão à loucura; veja". Omelete, 2022. Disponível em: <https://www.omelete.com.br/star-wars/obi-wan-kenobi-exibe-ultimo-episodio-e-internautas-vao-a-loucura-veja>. Acesso em: 23 de junho de 2022.
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »