25/05/2020 às 23h27min - Atualizada em 25/05/2020 às 23h27min

As Crônicas de Nárnia

Saga narra a excitante aventura dos irmãos Pevensie a terra mágica

Thaís Santos
Divulgação
Divulgação

Preparado para encarar um dia frio? Pegue uma xícara de chá ou de leite, se preferir. Apanhe em um cobertor, experimente uma misteriosa sensação para conhecer a jornada dos irmãos Pevensie para a terra de Aslam. A trajetória do filme As Crônicas de Nárnia: O Leão, a Feiticeira e o Guarda-Roupa passa em torno de Susana, Lúcia, Pedro e Edmundo. Eles são os personagens principais da história, e são obrigados a deixar Londres, cidade onde reside, para morar no interior com o professor Digory Kirke, amigo da família, em circunstância dos ataques da Segunda Guerra Mundial.  

Em um dia frio e chuvoso é prato cheio para as crianças resolverem brincar dentro da casa do professor. Entre casacos de pelo em um guarda-roupa, a pequena Lúcia, que é a caçula se esconde durante um jogo de esconde-esconde com os irmãos, sem querer acabou encontrando um novo mundo: Nárnia, uma terra onde animais podem falam, e que um leão é a autoridade máxima e crianças têm o poder de alterar o destino da história.   

A partir desse primeiro contato, a saga para Nárnia se torna um desafio de encantamento. E agora, os pequenos têm a difícil missão de cumprir a profecia para salvar o povo de Aslam da força do exército da Feiticeira Branca.  

No desenrolar da trama, Aslam que é o leão surge para aconselhar, lutar e ensina aos irmãos  como se defender da guerra. O quarteto dribla com várias situações, como desentendimentos, falta de obediência e união em família. O que é legal durante o filme é que todos eles ocupam papéis importantes para fortalecer as cenas. Cada um ganha seu devido destaque e isso aguça o púbico para querer saber qual será a próxima missão deles com os narnianos.  
 

Príncipe Cáspian  

Quem se aventurou com o primeiro longa deve saber, que os irmãos Pevensie voltam à Nárnia após alguns anos para unir forças com o Príncipe Cáspin e derrotar o Rei Miraz, para assim restaurar a paz. 

Nesse filme, Susana e Pedro ganham ar de maturidade no decorrer das cenas, o que pode ser natural pois depois eles seriam considerados velhos para voltar à Nárnia. Um ponto em evidência.  

Os momentos que acontecem as batalhas são muito mais cheios de ação e emocionantes em comparação ao primeiro. A terra do narniano foi conquistada pelo rei Miraz, um homem poderoso, tio de Cáspian. Miraz tenta matar o sobrinho para ele próprio se tonar o rei. Contudo, os Pevensie surgem ao som da trompa, juntos armam maneiras de invadir o castelo.   

Algo que deixou a desejar no vídeo do Príncipe de Cáspian, foi a ausência de Aslam, o público esperava mais pela participação dele no filme. Um outro ponto que foi também identificado foi o clima de romance entre Susana e Cáspian, sútil. 
 

Peregrino da Alvorada 

Ao assistir a viagem do Peregrino da Alvorada, a pegada muda um pouco, nesse filme, por exemplo, aparecem os irmãos Lúcia e Edmundo agora com o primo Eustáquio, que se unem para encontram o rei Cáspian, e vão a bordo do imponente navio 

A missão é ir em busca dos sete amigos desaparecidos do pai de Cáspian, rumo às ilhas solitárias, lá eles encontram um bando de criaturas invisíveis, dragão, serpente e o próprio leão.  

As Crônicas de Nárnia é mesmo cheia de mistério. Uma incrível viagem de aventuras e descobertas, mas que deixou a desejar em alguns pontos fazendo com que o telespectador talvez não voltasse a apreciar mais a obra. 
 

REFERÊNCIAS: 

Omelete. Disponível em:< https://www.omelete.com.br/cronicas-de-narnia/as-cronicas-de-narnia-onde-esta-elenco#13>  . Acesso em: 15  de mai. de 2020.  

 


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »