18/06/2021 às 19h01min - Atualizada em 18/06/2021 às 19h39min

Girl Power: mulheres que mandam

Mulheres da vida real e ficção que servem como inspiração de determinação e força

Anne Santos - Editado por Fernanda Simplicio
Fonte : DC / Reprodução : Google

A cultura nerd/geek infelizmente ainda é dominada pelo machismo, mas aos poucos estamos conquistando o nosso lugar de fala. Você deve estar se perguntando: “Ah, mas o mundo está evoluindo e as mulheres estão cada vez mais presentes como heroínas nas telinhas e nas histórias em quadrinhos. Qual o propósito disso tudo?” . Realmente, o mundo está evoluindo, mas ainda há muito o que mudar. Mulheres estão mais presentes, sim, mas ainda há muito machismo impregnado. Entretanto, é importante valorizar como a cultura nerd/geek também está bebendo de uma fonte incrível, com mulheres que possam contemplar as necessidades reais de superheroínas que nossas meninas e mulheres precisam para se inspirarem cada dia mais.
Confira a lista exclusiva que preparamos no Lab Dicas Jornalismo para homenegear quem representa a força feminina dentro do universo Geek.

 

Estelar


Estelar é a princesa de Tamaran. Durante a sua estadia na Terra, integrou o Jovens Titãs, posteriormente passando a fazer parte dos Renegados. Entre seus poderes estão a habilidade de voar, a projeção da energia, a resistência, a força e a assimilação linguística.

 

Apesar de ser muito ingênua, é impaciente, o que é um obstáculo quando ela precisa liderar. A super-heroína está presente no desenho animado Os Jovens Titãs, o programa de TV Titãs, em que foi interpretada por Anna Diop; e longas-metragens animados como Superman e Batman: Inimigos Públicos.

 

Fefê Torquato  (Tina - Respeito)


Fefê é quadrinista desde 2014. Entre seus trabalhos estão “Gata Garota -Vol. 1 (Ed. Nemo, 2015), "Estranhos" e o livreto de terror “A(independente, 2016) e Tina - Respeito(2019), projeto da Graphic MSP, que traz histórias de personagens clássicos de Maurício de Sousa sob a ótica de novos e consagrados artistas brasileiros.
 

Sinopse: 

Jornalista recém-formada, Tina finalmente realiza o sonho de trabalhar em uma redação. Ela só não esperava que seu maior desafio fosse ser pessoal, e não profissional. Em Respeito, Fefê Torquato usa a clássica personagem de Mauricio de Sousa para expor um problema que mulheres enfrentam dia a dia, e precisa acabar: o assédio.

Tina é um serviço de utilidade pública. Trata o assédio de forma responsável, mostrando o quanto essa situação é complicada. E também mostra um pouco sobre assédio na rua e o receio de ser mulher e morar sozinha. 
 

Felícia Rock


Felícia se destaca no universo da música Geek no Brasil. Ela tem 25 anos, natural de Recife e vive dentro do mundo geek desde criança. Em 2011 abriu seu canal no YouTube, mas foi apenas em 2017 que despertou interesse pela música geek. 

 

O estilo musical conhecido como “rap nerd” tem crescido no Brasil, abrindo portas para artistas que fazem sucesso ao abordar assuntos considerados geek em suas canções. No caso de Felícia, o foco são os animes. 

 

Imperator Furiosa 

 

Uma capitã de guerra sob Immortan Joe, mas se vira contra ele para libertar "As Cinco Esposas", as concubinas femininas de Joe. Interpretada por Charlize Theron, é uma visionária e líder nata. 


 
Leia Organa


A Princesa Leia faz parte do universo de Star Wars e é um símbolo de resistência. Ela mostra que é capaz de batalhar sozinha por aquilo que acredita, representando uma das primeiras personagens a serem admiradas, tanto por homens quanto por mulheres, sendo símbolo de esperança, confiança e determinação. 
 

 

Interpretada por Danai Gurira, aparece na terceira temporada de The Walking Dead, que atualmente está em sua décima temporada. Michonne passou muito tempo sozinha, mas usou de toda a sua inteligência e força para salvar todos aqueles que surgiram na sua vida. Ela é a representação de que mesmo que o mundo ao seu redor morra e seja mal, sua essência bondosa continuará intacta.

 

Naoko Takeuchi 


Naoko se envolvia com a criação de mangás desde o ensino fundamental onde participava do clube de astronomia e desenho. Ela gostava de séries no estilo Sentai, de onde tirou suas inspirações. Naoko comenta que criou a obra Sailor Moon para estimular as meninas que passam pela fase difícil da adolescência no colégio. 

 

Tsunade 


Apesar de ser neta do Primeiro Hokage Hashirama Senju, Tsunade conseguiu tornar-se uma excelente Kage pela sua força e determinação. Ela revolucionou Konoha na forma de criar os times, forçando a incluir um ninja médico em cada time e criou antídotos para os venenos mais fortes que existem. 


Conhecida como Princesa Lesma e um dos três Sannin Lendários, Tsunade possui extrema força e inteligência, usando seu chakra para atingir a super-força e expandir o poder de seus golpes.

Seja na vida real, universos fantásticos ou apocalípticos, as mulheres nos mostram o que é ser forte, obstinada e determinada. A mulher pode, sim, ser forte e feminina; e o nosso lugar é onde nós quisermos. Não queremos ser maiores que os homens; o que queremos é o mínimo: respeito, reconhecimento e igualdade. Desejo que um dia homens e mulheres possam estar lado a lado como iguais, sem esse câncer que é o machismo. 

 


REFERÊNCIAS : 
RODRIGUES, Jéssica. “Gibi de mulherzinha? 5 HQs feitas por mulheres para você se surpreender”. TRIBERNNA. Disponível em: <https://www.tribernna.com/2020/03/22/3t-indica-gibi-de-mulherzinha-5-hqs-feitas-por-mulheres-para-voce-se-surpreender/> Acesso em: 15 de jun. de 2021. 

 

MASSAROLO, Jorge. “O espírito feminino nos Mangás: as mangakás e seus personagens”. JORNAL 140. Disponível em: <https://jornal140.com/2020/03/19/o-espirito-feminino-nos-mangas-as-mangakas-e-seus-personagens/> Acesso em: 15 de jun. de 2021. 

 

“21 Super-heroínas que são tão ou até mais poderosas que o Batman e o Superman”. INCRÍVEL CLUB. Disponível em: <https://incrivel.club/inspiracao-mulher/21-super-heroinas-que-sao-tao-ou-ate-mais-poderosas-que-batman-e-superman-1129110/> . Acesso em: 15 de jun. de 2021. 

 
 

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »