24/10/2022 às 22h01min - Atualizada em 24/10/2022 às 21h45min

O Novo sucesso de Taylor Swift

Bruna Pereira - Revisado por Vanessa Kelly
Ensaio de divulgação de Midnights. (Foto/ Reprodução/ Taylor Swift Brasil).
O album “Midnights” da cantora estadunidense Taylor Swift tem dado o que falar nas redes sociais. O lançamento aconteceu  e em poucas horas “quebrou” recordes históricos na plataforma do Spotify. O albúm ficou em primeiro lugar em apenas 24 horas de estreia. Até agora, Taylor é a única artista feminina a conquistar este feito. Ultrapassando artistas como Drake, com o album “Certified Lover Boy”, lançado em 2012. 
 
Taylor disse que as treze faixas do seu novo projeto foram escritas em noites que ela passou em claro. No entanto, além das treze faixas já esperadas, a cantora lançou junto três eps bônus. E evidentemente, já surgiram algumas teorias a cerca das inspirações que a loira teve para a criação de suas novas músicas. 
 
Em "Bigger Than The Whole Sky”, a cantora fala sobre um adeus que deu a alguém que não chegou a conhecer. 
 
Adeus, adeus, adeus/ Você era maior que todo o céu”. 
 
Alguns fãs acreditam que a música seja referência à um aborto espontâneo sofrido por ela. Em outro trecho da canção, Taylor relata algo que aconteceu de forma breve.
 
“Você era mais do que um curto período de tempo/ E eu tenho muito o que lamentar/ Tenho muito o que viver sem/ Eu nunca vou saber/ O que poderia ter sido, teria sido/ O que deveria ter sido você/ O que poderia ter sido, teria sido você”.
 
Embora a artista não tenha revelado se isso de fato aconteceu, a canção é uma das mais emocionantes do álbum. 

 
E os antigos relacionamentos da cantora não ficaram de fora dos seus últimos lançamentos. Teorias sugerem que algumas músicas foram feitas exclusivamente para alguns de seus ex companheiros. Ao que parece o cantor Jonh Mayes, com quem teve um relacionamento que aconteceu entre 2009 e 2010, enquanto a jovem tinha 19 anos e Jonh tinha 32 anos, foi citado na canção “Would've, Could've, Should've”
 
“E com certeza eu nunca teria dançando com o diabo
A
os dezenove anos”
 
O trecho, supostamente faz referência ao tempo de namoro dos dois. 
 
O nome Tom Hiddleston, o famoso vilão Loki da Marvel com quem teve um breve relacionamento de poucos meses, também foi bastante comentado, principalmente no Twitter. Os fãs acreditam que a canção  “Maroon” tenha sido dedicada à ele. 
 
“Quando o silêncio chegou/ Estávamos tremendo, cegos e perdidos/ Que inferno, como perdemos a visão do que éramos outra vez?”  
 
O verso, parece fazer alusão a um relacionamento que não deu certo. 
 
A artista também fala sobre a sua relação consigo mesma na canção anti-hero. No clipe ela interage com várias versões de si própria, além de falar claramente sobre sofrer de depressão, no videoclipe ela retrata também seus problemas com a alimentação, fazendo referência ao distúrbio alimentar que a mesma já assumiu ter em um documentário na Netflix.
 
A parceria com Lana Del Rey também foi bastante aguardada pelos fãs de ambas cantoras. E apesar da canção "Snow on the Beach” ter sido elogiada pela letra e ritmo, os internautas sentiram falta de uma participação maior de Lana, já que a cantora canta apenas poucas palavras do single.
 
Inicio da carreira
 
Taylor teve seu sucesso alcançado entre 2008 e 2009. Com seu estilo country e cabelos loiros cacheados, a loira se rendia ao romantismo nas suas canções. Suas primeiras músicas de sucesso foram: You belong with me, Love Story e Fifteen. Ambas do álbum Fearless lançado em 2009. Neste mesmo ano, a jovem cantora ganhou diversas premiações. 

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »