23/12/2019 às 19h45min - Atualizada em 23/12/2019 às 19h44min

Petrópolis: Natal Imperial

Conheça as tradicionais atrações da cidade

Luhê Ramos - Editado por Mário Cypriano
internet
Na cidade de Petrópolis, conhecida como "Cidade Imperial", ocorre anualmente o Natal Imperial. A ideia do evento surgiu da necessidade de alavancar o turismo. Hoje, a cidade recebe muitos visitantes nesta época do ano. A festa busca relembrar o significado do Natal, espalhando desejos de paz e união. 

A história da cidade começa com a construção do Caminho Novo, que facilitou a locomoção, em 1704, para algumas regiões de Minas Gerais. O objetivo era ter um maior acesso ao ouro recém descoberto. Certo dia, o Imperador Dom Pedro I teve de dormir em uma fazenda na região e decidiu adquirir a propriedade para morar ali. Dali começou uma história mais profunda da cidade, sendo a habitação do Imperador. 
 
O local tem seu histórico com a família imperial, o que proporciona uma cultura própria e que influencia o resto do país. Em várias das ruas veem-se escritos e placas referenciando a algum acontecimento, local ou pessoa importante. Entretanto, uma grande marca da cidade, que a faz ser conhecida por uma expressão em específico, é a cerveja. A família, que quando veio trouxe junto sua cultura, tinha um grande apresso e hábito de apreciar cerveja. Esse é um dos motivos que a faz ser conhecida, também, como capital da cerveja. 
 
Ao juntar-se, então, as festas de final de ano com a famosa Cidade Imperial, fez-se o Natal Imperial. Festejar a época natalina na cidade com grandes atrações acabou por se tornar cultura e turismo na região onde viveu a família real. Com decoração e iluminação especial para a época, o Prefeitura acostumou-se a organizar o evento, buscando incentivar o turismo regional. 

A festa conta com diversos programas, como shows, espetáculos, pontos turísticos enfeitados para a ocasião, dentre outros. Geralmente as preparações têm início em novembro e o evento tem fim apenas na primeira metade de janeiro. 

A atração mais popular é a Parada Iluminada. Este ano o desfile contou com uma divisão em quatro partes. Foram essas: a Abertura, com representações de anjos, estrelas e pastores; o Presépio Vivo - Nascimento e Glória, com a estrela-guia, reis magos e animais; Natal, com crianças, brinquedos, presentes e árvores de Natal; Papai Noel, que continha o casal do Papai e Mamãe Noel em pernas de pau, gnomos e fadas.  A Parada também contava com músicas especiais da época. 

A organização ainda tem o Presépio da Catedral São Pedro de Alcântara, inaugurado no dia 30 de novembro deste ano, e seguido de um concerto de órgão. Desse Presépio fazem parte 17 peças que contém o acervo da Catedral. As luzes do presépio só são acesas no dia de Natal e nascimento de Jesus. 

Palácio Quitandinha tem por fora enfeites para o Natal, incluindo uma árvore, que ao cair da noite ganha iluminação própria. Por dentro, o Quitandinha permanece com a arrumação e eventos habituais e também com alguns específicos para a época. 

Já o Palácio de Cristal, também enfeitado de acordo com a temática natalina, com Papais Noéis, renas, ursinhos e luzes, conta com coisas a mais. Além da decoração costumeira, dentro do Palácio acontecem alguns eventos e apresentações, com sua maioria direcionadas às crianças. A região também conta com barraquinhas onde encontram-se comidinhas diversas, bebidas como cerveja, vinho, chopp, e estandes de comida e bebidas de Portugal, Alemanha e Japão. Encontramos também barraquinhas de artesanato. 

Outra atração, que fica localizada em frente a anterior, é o Vale Encantado. Esse, por fora, aparenta ser apenas uma casinha, mas ao entrar e caminhar a visita descobre uma mini trilha e stands, onde se pode comprar guloseimas, bebidas e lembrancinhas. Ao seguir a trilha, a pessoa passa primeiro por uma casinh, na qual encontram-se maquetes de alguns dos pontos turísticos da cidade. Seguindo, passa-se pela Árvore dos Desejos, que permite escrever e pendurar pedidos, e no final descobre a Casa do Papai Noel, que tira fotos com os visitantes. 

Natal Cervejeiro, que acontece na Praça da Águia, é o “point” para quem curte a atração principal: a cerveja. São dispostas várias barracas de diferentes marcas e tipos de cervejas artesanais por lá. Além da cerveja, a Praça também conta com gastronomia, recreação infantil, uma feirinha de roupas e artesanatos, além de atrações musicais. 

A festa envolve 1200 artistas e conta com mil horas de programação, Segundo o site Sou Petrópolis, o evento atrai milhares de turistas e visitantes para as atrações e apresentações locais. Esta edição do Natal Imperial terá fim em 12 de janeiro. As demais informações encontram-se no site do evento: http://www.petropolis.rj.gov.br/natalimperial/
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »