11/12/2020 às 16h01min - Atualizada em 11/12/2020 às 15h45min

Assalto em Criciúma se assemelha com 'La Casa de Papel'

Os assaltantes jogarão dinheiro para população e deram fuga de forma organizada, algo muito parecido com o que acontece na série espanhola

Gustavo Cardozo Moraes - Editado por Ana Paula Cardoso
Imagens do assalto em Criciúma / Foto: "Reprodução/teonoticias.com"
Na madrugada do dia primeiro de dezembro aconteceu um dos assaltos mais emblemáticos do ano. O ato ocorreu em Criciúma, onde os ladrões assaltaram uma agência do banco do Brasil. Além de ter incendiado o 9° batalhão da PM, usado reféns como escudo e ter usado armamento militar como: granada, lança míssel e fuzis.

Segundo autoridades da cidade, o assalto teve participação de 30 a 50 assaltantes. Os bandidos pensaram em todos os detalhes, desde o horário que o assalto iria começar, até na rota de fuga, onde deixaram 10 carros de luxo no meio do milharal, na cidade de Nova Veneza, cerca de 18km de Criciúma. 

O que mais chama a atenção no assalto é a semelhança com filmes e séries. O assalto aconteceu de forma cinematográfica e os assaltantes deixaram dinheiro pelo caminho para a população pegar e atrapalhar a polícia durate a perseguição. Os ladrões ainda queimaram o tunel de Tubarão, cidade vizinha. 

O roubo possui algumas semelhanças com a série La Casa de Papel, que ficou muito famosa no Brasil e no mundo todo pelos assaltos e a maneira como foi planejado. A fã da série, Juliana Martins, 19, conta: “As semelhanças que eu vi, é que tinham pessoas esperando eles na hora da fuga, talvez esse ponto tenha sido muito igual". A fã da série ainda complementa “No contexto geral, eu acredito que isso carrega uma semelhança muito forte, acredito que ter feito as vítimas de escudo é também uma semelhança”.

Com tantas semelhanças, fica difícil dizer que a série não serviu de influência para o assalto em Criciúma. Juliana ainda diz que: “Talvez a série tenha inspirado o assalto de Criciúma, pelo contexto geral, acho que inspirou”. 

Porém, a fã da série alega que o planejamento e a execução não foram muito parecidos com o do seriado. Segundo ela, a vida real é completamente diferente da ficção.

Ela conta que: “Não sei se as pessoas estavam preparadas, se eram pessoas completamente leigas, sei que a execução foi péssima e não tem nada a ver com a série”. A jovem fã da série ainda completa:  “Eu acho que o contexto da série é muito lúdico com a realidade, óbvio. A gente tem tanto na cabeça a ficção da série, que quando a gente vai comparar com a realidade, a gente não consegue nem entender se realmente foi ocasionado pela série”.

 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »