18/06/2019 às 17h03min - Atualizada em 18/06/2019 às 17h03min

Ecom Amor, plante amor

Conscientizando as pessoas para um desenvolvimento sustentável e saudável

Mariana Jardim
Foto de divulgação

O projeto “Ecom Amor” surgiu em 2016, em Goiânia e é idealizado pela servidora pública, Jordana Mendonça. O projeto nasceu com o desejo de cumprir uma missão de conectar pessoas e o meio ambiente Conectar as pessoas à agricultura por meio de hortas urbanas agroecológicas, a fim de facilitar a alimentação saudável”, afirma a organizadora.

 

A instituição conta com 260 voluntários. E juntos, já realizaram, segundo organizadores, mais de 23 hortas em Goiânia e região metropolitana, promovendo a saúde, o resgate de saberes tradicionais e capacitações técnicas.

 

A “Jornada do Conhecimento” é uma capacitação técnica que envolve a formação dos voluntários ativos na “EcomAmor” ao longo do ano. Neste sábado (15), foi realizada a 5° edição da Jornada em parceria com Sempreende, escola de empreendedorismo. A capacitação foi exclusiva para os voluntários ativos.

 

Ministrado pela Cicilia Barbosa e Taciano Moraes, o curso foi sobre Comunicação e Feedback. Os palestrantes falaram sobre a importância da integração na equipe através da Jornada do Conhecimento. Esse momento de trazer os voluntários para perto faz a “Ecom Amor” desempenhar melhor a sua missão”, diz Cicilia. Ao longo do evento, Taciano diz que “Todos os temas da Jornada são elaborados com base nas necessidades da Ecom Amor hoje".

 

Durante a palestra, Cicilia e Taciano fizerem uma dinâmica do olhar, a fim de melhorar a comunicação dos voluntários entre si. Esta dinâmica consiste em olhar nos olhos de alguém por dois minutos, sem dizer uma palavra sequer. Os voluntários foram divididos em duplas. A estudante de ciências sociais e voluntária, Carolina Alves, conta que a experiência foi única “A experiência é ao mesmo tempo corriqueira, mas você não percebe, é uma mistura de sentimentos. É Meditativo e diferente”. No fim da palestra, a organizadora do projeto, Jordana, relembra com os voluntários os valores da ONG, para engajar os voluntários. Ela comenta “Gostamos de desafios e não temos medo de arriscar” e afirma sobre o voluntariado ser o trabalho realizado para um propósito,“Temos um trabalho coletivo com propósito, somos uma rede que se apoia e tem orgulho no que faz” relata.

 

Jordana ainda cita uma frase de Cora Coralina “Há muros que só a paciência derruba. E pontes que só o carinho constrói”, a fim dos voluntários não se esquecerem do motivo para o qual eles estão no projeto. Após dizer os valores, Jordana reforça “Somos agentes que transformam gente".

 

O projeto é divido em GTs ( Grupos de Trabalho), a fim de facilitar o trabalho da ONG “EcomAmor”. A estudante de Química e voluntária gestora do GT de gente, Maria Thereza Pires, afirma sobre a importância do projeto, “Mudou minha forma de ver o mundo e as pessoas”. A voluntária comenta que sua atividade favorita é o dia de horta, “São os dias que vemos o projeto acontecendo”.

 

É simples para ser voluntário. Basta esperar o processo seletivo. Jordana explica “Abrimos a chamada a partir das necessidades que vão surgindo e divulgamos nas redes sociais, próxima chamada deve ser em julho”. Se você é de Goiânia e região e ficou interessado, fiquem atentos nas redes sociais do “Ecom Amor”.
Site da Ecom Amor



Editado por Bruna Santos 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »