01/04/2022 às 09h42min - Atualizada em 01/04/2022 às 09h35min

Sport e Fortaleza empatam em 1 a 1 pelo jogo de ida da final do Nordestão

Em jogo equilibrado, as duas equipes ficaram no empate e decidirão o campeão do regional no jogo de volta, em Fortaleza

Guilherme Castro - Editado por: Alan Martins
Sport e Fortaleza empatam no primeiro jogo da final. Reprodução: Bruno Oliveira/FortalezaEC

Em jogo marcado pelo equilíbrio entre as equipes, Sport e Fortaleza ficaram empatados em 1 a 1 no primeiro jogo da decisão da Copa do Nordeste 2022, disputado nesta quinta-feira (31) na Arena de Pernambuco, em Recife. Zé Welison recebeu o passe de Juninho Capixaba e abriu o marcador para o Tricolor de Aço com um chute de longe colocado no ângulo superior direito do gol, ficando indefensável até para o gigante Maílson, e o Leão da Ilha buscou o empate no cruzamento de Luciano Juba, que mandou na medida para a cabeçada de Bill, estufando a rede do time cearense. Dessa forma, a decisão ficou totalmente aberta para o confronto de volta, que ocorrerá neste domingo (03) na Arena Castelão, em Fortaleza.

 

1° TEMPO

 

O jogo começou com poucas chances concretas, mas com muita pressão do Sport. A defesa do Fortaleza não conseguia lidar bem com as descidas em velocidade do time pernambucano, que teve boas chegadas mas pecava muito nas finalizações. O primeiro lance de perigo veio aos 14 minutos, com um cruzamento de Luciano Juba para Jaderson, que só não chegou na bola devido ao corte de Titi

 

Na metade da primeira etapa, aos 21 minutos, o Leão da Ilha fazia pressão e, em saída errada de Landazuri, Luciano Juba roubou a bola e partiu para o ataque, deu uma caneta desconcertante em Landazuri e tocou para Parraguez, que devolveu de calcanhar para a finalização errada de Juba, chutando a bola por cima do gol.

 

A primeira boa finalização do Fortaleza veio só aos 34 minutos, Zé Welison recebeu a bola na entrada da grande área e deu um chute forte e calibrado, que foi bloqueado por Rafael Thyere. O Leão do Pici pressionou e fez Maílson trabalhar pela primeira vez aos 36 minutos em forte chute de Renato Kayzer.

 

O último lance de perigo foi aos 48 minutos, Lucas Lima cruzou pela esquerda e Ceballos cabeceou forte, mas por cima do gol. O primeiro tempo mostrou um Sport muito mais efetivo que o Fortaleza, chegando com mais perigo ao gol de Max Walef, com pouca precisão nas conclusões.

 

2° TEMPO

 

Apesar de voltar para a etapa final sem substituições, logo no começo deu para notar uma mudança técnica no time do Fortaleza, que agora possuía a posse de bola e chegava mais vezes com perigo. Logo no início, o clube cearense construiu duas ótimas jogadas, a primeira aos 6 minutos na tabela de Yago Pikachu com Landazuri, que chutou uma bola rasteira da entrada da grande área mas sem muito perigo, e a segunda aos 9 minutos quando Renato Kayzer ajeitou de peito para o chute de Robson, que finalizou por cima do gol.

 

Aos 27 minutos, Moisés, que tinha acabado de entrar, fez bela jogada driblando dois defensores do Sport pela esquerda e tocou para o meio, mas Thyere apareceu para cortar o lance. Logo após, aos 29 minutos, Lucas Lima notou Maílson muito adiantado e bateu o escanteio direto para o gol, quase abrindo o placar com um gol olímpico.

 

Em uma das poucas chegadas do Sport na segunda etapa, Sabino deu um chute esquisito no bate e rebate na área e encontrou Thyere sozinho na pequena área de frente para o goleiro tricolor, que nem teve trabalho pois Thyere mandou a bola para fora.

 

Foi só aos 39 minutos que saiu o primeiro gol, Juninho Capixaba tocou para Zé Welison que, mesmo muito distante da meta de Maílson, mandou uma pancada de perna direita e acertou uma bola indefensável no ângulo. Atrás no placar, o Leão da Ilha não queria perder em casa e foi atrás do empate para tirar a desvantagem. Foi nos acréscimos, aos 46 minutos, que Luciano Juba cruzou mais uma vez para área tricolor e encontrou o garoto Bill, que só estava no jogo há três minutos, para cabecear e empatar o jogo.

 

O empate na segunda etapa selou o jogo muito equilibrado entre as duas equipes, que decidirão o campeão da Copa do Nordeste em Fortaleza.

 

PRÓXIMOS CONFRONTOS

 

O jogo de volta será realizado neste domingo (3), na Arena Castelão, em Fortaleza, às 18h30. Qualquer empate leva a decisão para os pênaltis, já que a competição não utiliza o critério do gol fora.

 

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »