26/03/2021 às 10h56min - Atualizada em 26/03/2021 às 20h13min

Bruno Mars retorna em grande estilo com nova banda Silk Sonic

Depois de mais de 4 anos desde seu último álbum, o cantor volta a ativa com conjunto musical inédito, Silk Sonic, e dá verdadeiro show no Grammy Awards 2021.

Gabriela Armelin - editado por Luhê Ramos
O Silk Sonic fez uma inesquecível apresentação no Grammy (14) e usou as redes sociais para anunciar sua participação. Foto/Reprodução: Rede social Silk Sonic.

Em fevereiro (25) deste ano foi divulgada a informação de que o cantor, compositor e produtor musical Bruno Mars daria andamento a uma nova fase de sua carreira com a criação da banda Silk Sonic em conjunto com, o também cantor e compositor, Anderson Paak. Logo na primeira sexta-feira (5) do mês foi lançado o primeiro single do grupo que, pouco mais de uma semana depois, foi performado em uma das maiores premiações da música: o Grammy Awards.  

 

Bruno Mars começou sua trajetória na música ainda muito jovem, fazendo participações em músicas de cantores já conhecidos e, finalmente, em outubro de 2010, inaugurou seu primeiro álbum “Doo-Wops & Hooligans”. O sucesso do disco não tardou a manifestar-se, com melodias que obtiveram grande êxito nas paradas de singles como “Just The Way You Are” e “Grenade”. 

 

Com o passar dos anos, o talento da voz de “When I Was Your Man” não baixou o nível e continuou a entregar tudo de si em seus projetos. Mars produziu um total de 3 álbuns de estúdio e 22 singles que renderam mais de 50 prêmios e dezenas de indicações. 


Depois de seu último álbum, “24K Magic”, lançado em 2016, Bruno Mars efetuou uma pausa em sua produção musical. Nesse período ele trabalhou apenas em remixes e features de outros artistas. Após esse período, que durou até o início de 2021, veio a público a novidade de que o cantor teria se juntado ao baterista Anderson Paak para a criação de sua nova banda, o Silk Sonic. 
 

Essa não seria a primeira vez que ambos estiveram envolvidos em algum projeto musical. Em 2017, Anderson realizou os shows de abertura da turnê “24K Magic” de Bruno. Em entrevista recente para Zane Lowe da Apple Music, o intérprete de "That's What I Like” contou que a partir das apresentações eles criaram uma forte e divertida relação que os trouxe até esse momento. 

 

Os artistas usaram suas redes sociais no final do mês passado para informar sua volta ao mercado com o novo conjunto musical e a estreia do primeiro single: “Leave the Door Open”, do álbum “An Evening with Silk Sonic”. A canção ocupa, nessa semana, a 2ª posição no chart Hot 100 da Billboard e a 7ª posição na playlist Top 50 mundial do Spotify. 

 

As expectativas para as canções restantes são altíssimas. Em entrevista com fãs de longa data de Bruno Mars, foi possível constatar a grande animação para essa nova fase. “Quando vi o primeiro post de divulgação no instagram já fiquei extremamente animada [...] Bruno tem a capacidade de nos transportar para outras eras, não abrindo mão da inovação e singularidade em seu som. Anderson e Bruno possuem sons e estilos muito diferentes quando comparamos seus trabalhos pessoais, e ao entender essa capacidade do Bruno fiquei extremamente intrigada para saber o que sairia da combinação dos dois”, contou Gabriela Ishida, estudante de publicidade e propaganda.

 

Bruno e Anderson contam que buscaram referências musicais de suas infâncias. A banda promete trazer mesclas de funk, soul e R&B com influências da década de 70 e 80, que foram vistas na premiação do Grammy 2021, em que Bruno Mars e Anderson Paak fizeram uma memorável aparição com a performance de seu single inédito e, a efetivaram, com um visual e cenário que fizeram jus à estética de suas inspirações e vocais impecáveis. Ainda, o havaiano e seu parceiro, que levou um prêmio para casa por sua canção solo “Lockdown”, performaram as canções “Tall Saly” e “God Golly Miss Molly” como uma homenagem ao ícone do rock, Little Richard, que faleceu em maio de 2020. 

 

Ainda, ao serem interrogados sobre o que esperam do álbum de estreia “An Evening With Silk Sonic", os admiradores de Bruno relataram que estão muito esperançosos. “Eu espero bastante do Bruno Mars, eu acho que nenhum álbum dele que eu ouvi me decepcionou [...] Acho que pode muito bem ser melhor que o último”, afirmou a estudante Sophia Martins. Contou ainda que ficou encantada com a performance da banda no Grammy 2021: “Fantástica”.

 

A dupla declarou ao entrevistador Elvis Duran no The Morning Show que o novo álbum foi feito para ser atemporal. As músicas seguintes serão lançadas pouco a pouco para que cada melodia seja aproveitada ao máximo, sem datas previstas, mas Mars adiantou que podemos esperar um show de bateria e voz de Anderson Paak ao longo do disco. 

 

Enquanto o Silk Sonic não lança o resto de suas canções, os fãs compartilham seus palpites sobre o disco: “Imagino que seja um álbum curto, com o objetivo de ser performado live e todo mergulhado em referências de “funk music”, R&B e Soul dos anos 70. Com letras extremamente pautadas no tema de se aproveitar a vida, se divertir, dançar e amar”, diz Gabriela. 

 

Os fãs, Gilberto Vieira e Fernanda Moura, também deram suas opiniões sobre o que pode estar por vir: “O que eu esperaria pro resto do álbum, caso ele seja fiel ao que já vimos, é o retorno dessas influências dos anos 60 e 70 que ele já tinha. Algo meio blues”. “Com certeza Bruno Mars é ícone. O que eu espero é a volta da mistura de black music. O jazz, pop, rock, soul. Inspirado em Michael Jackson, ele sempre renova e traz o moderno, mas sabe valorizar a essência dele. A expectativa é das melhores.”

Confira o videoclipe da canção de estréia do Silk Sonic:


Confira a apresentação nos seguintes links: 

https://twitter.com/NoInstante_n10_/status/1371272936896749568?s=20 https://twitter.com/NoInstante_n10_/status/1371266068602306561?s=20
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »