11/05/2021 às 01h10min - Atualizada em 11/05/2021 às 00h55min

A Glória Eterna: O quarto capítulo da saga Rubro Negra na Libertadores

O Flamengo busca a classificação antecipada para a próxima fase

Miguel Vicente
Site: Ge/Lance
Unión La Calera x Flamengo , ás 21h30 pela 4° rodada da Libertadores da América (Foto: site/onefootball)
Unión La Calera e Flamengo se enfrentam nesta terça-feira (11), às 21h30 (horário de Brasília) pela Copa Libertadores da América, no Estádio Municipal Nicolás Chahuán Nazar, em La Calera região Valparaíso, no Chile. Os Alcunhas buscam a sua primeira vitória na competição visando uma sobrevivência no seu grupo, enquanto o Rubro Negro carioca vem em busca da sua quarta vitória e a classificação antecipada para a próxima fase do torneio. A partida terá transmissão ao vivo na tv aberta, no SBT. 
 
UNIÓN LA CALERA
 

O clube chileno, na última rodada da Libertadores, perdeu em casa para o Vélez Sarsfield da Argentina, pelo placar de 2 a 0, com isso, é o lanterna da chave, com apenas um ponto somado até o momento. Os Rojos ficaram em situação bem delicado no seu grupo. Desta forma, os Alcunhas sabem da importância dessa partida, pois uma derrota diante para o Flamengo praticamente elimina todas as chances de classificação para a próxima fase. O treinador Luca Marcogiuseppe sabe da dificuldade que irá enfrentar contra a equipe rubro negra. No primeiro turno, no Maracanã, os chilenos sofreram uma goleada por 4 a 1, porém dessa vez o time tem algo a seu favor: o campo de grama sintética é algo que poderá atrapalhar o modo de jogo do seu rival, sendo assim a comissão técnica elabora a melhor estratégia para aproveitar desse artifício e surpreender o mais querido da Gávea.
 
O técnico da equipe chilena terá o seu elenco todo à disposição para este jogo.
 
Provável escalação: Martín; Ramírez, García, Vilche e Wiemberg; Castellani, Valencia, Jeisson Vargas e Oyanedel; Vilches e Rivero. Técnico: Luca Marcogiuseppe
 
FLAMENGO
 
O clube carioca vem fazendo uma grande trajetória no torneio e ocupa o primeiro lugar do grupo, com nove pontos. Desta maneira, o Rubro Negro, conquistando uma vitória nesta partida, automaticamente já garante uma vaga, com duas rodadas de antecedência, para as oitavas de finais da Libertadores. Os dois próximos jogos do Flamengo serão em casa, no Maracanã, contra as equipes do Vélez e a LDU de Quito.
 
O treinador Ceni, para esta partida, terá alguns desfalques bem importantes: o goleiro Diego Alves continua se recuperando de uma fibrose na coxa, enquanto o lateral Renê também se recupera de uma lesão no mesmo local. O atacante Michael, após o jogo contra o Volta Redonda pela semifinal do Campeonato Carioca, sentiu dores na panturrilha e não foi relacionado para o confronto. O zagueiro Rodrigo Caio está transição física, e o meia Gerson vem se recuperando. Sendo assim, o técnico Rogério Ceni deve optar Hugo Souza para a vaga de Diego Alves, e o miolo de zaga deve ser formado pela dupla Willian Arão e Bruno Vianna
. No meio de campo, na vaga do Gerson, o jovem João Gomes certamente será o escolhido, pois o menino da Gávea vem sendo bem aproveitado e atuando com muita autoridade nesta posição.
 
Provável escalação: Diego Alves, Isla, William Arão, Bruno Vianna (Gustavo Henrique), Filipe Luís, Diego Ribas, João Gomes, Everton Ribeiro, Arrascaeta, Bruno Henrique e Gabigol. Técnico: Rogério Ceni.
 

HISTORICOS DE CONFRONTOS

Será o segundo confronto entre Flamengo e Unión La Calera pela Copa Libertadores da América. Este ano, no primeiro turno, eles se enfrentaram no Maracanã, o Rubro Negro naquela ocasião, venceu a partida por 4 a 1, com dois gols de Gabigol, um de Pedro e outro de De Arrascaeta, Sebastián Sáez descontou para o Rojos.

Pedro comemorando o golaço sobre a equile do La Calera ( foto: GE)
 
 Ao longo dos anos o time carioca enfrentou algumas vezes equipes chilenas.  No total, foram 12 jogos entre Flamengo e clubes chilenos o mais querido tem 5 vitórias, um empate e seis derrotas. O retrospecto do Mengão não é muito favorável jogando no Chile - uma vitória e quatro derrotas. Contra o Universidad Católica, foram quatro jogos, dos quais o time brasileiro venceu apenas um e perdeu os outros três.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »