02/05/2022 às 18h42min - Atualizada em 02/05/2022 às 18h19min

Cinco séries de época para assistir no streaming

Giuliane Fagundes - Revisado por Jonathan Rosa
Outlander, Bridgerton e Reign estão disponíveis nas plataformas de streaming. (Foto: Montagem/ Divulgação/ Netflix).

As séries ambientadas em séculos ou décadas passadas levam ao telespectador o conhecimento de costumes e hábitos de distintas épocas, mas sem deixar de abordar assuntos que ainda estão sendo discutidos na sociedade. Além disso, através das cenas em tela e da ficção, é possível representar momentos importantes da história, como a independência dos Estados Unidos, a monarquia escocesa e o reinado de Elizabeth II. 

 

Bridgerton, Outlander, Reign, The Crown e Anne With an E são algumas das séries que retratam séculos anteriores e estão disponíveis em plataformas de streaming como Netflix, Globoplay e Star +.
 

Outlander 

 

Baseada na série de livros ‘A viajante do tempo’ de Diana Gabaldon, a série conta a história de Claire Randall (Caitriona Balfe), uma enfermeira que volta para a Inglaterra após a segunda guerra mundial e reencontra o marido, Frank Randall (Tobias Menzies). Após alguns anos separados pela guerra, o casal decide reconectar-se através de uma viagem à Escócia, conhecendo algumas das tradições e marcos históricos locais. Em uma certa noite, Claire e Frank vão até Craigh na Dun, o círculo de pedras, onde mulheres se reúnem para rituais druidas. Curiosa, no dia seguinte, a enfermeira volta ao local, mas ao chegar, sente uma força lhe puxando em direção às pedras, ela as toca e parece desmaiar. 

 

Claire é transportada para uma Escócia de outra época, em 1743 e em meio a tentativas de voltar às pedras e ao futuro, ela conhece Jamie Fraser (Sam Heughan), um jovem escôces que faz parte de um grupo que tenta fugir dos soldados ingleses. Ela é levada para o castelo do tio de Jamie e lá tenta fugir diversas vezes para o círculo de pedras, mas sem sucesso e envolvida em momentos confusos, ela e Jamie se aproximam e logo, se apaixonam. 

Outlander retrata momentos históricos da vida real, como a batalha de Culloden (disputa entre ingleses e jacobitas escoceses em busca da legitimação do rei George, herdeiro ao trono inglês e escocês) e a independência das colônias inglesas. Outlander é uma série de época que aborda diversos assuntos, como a independência da mulher, a liberdade, a escravidão. o racismo, os costumes escoceses e indígenas, a amizade, a dor e principalmente, o amor. 

 

Atualmente na sexta temporada, a série é sólida e construída, fugindo raramente dos acontecimentos dos livros. Há ação e suspense, mas o que chama a atenção do telespectador, é a relação entre Claire e Jamie e a química entre os atores que os interpretam. 

 

A série está disponível na Netflix e Star +.
 

Reign

 

Inspirada em fatos reais, a série fala sobre a história da rainha da Escócia, Mary Stuart. Após a morte de seu pai, Henry VIII, Mary (Adelaide Kane) foi coroada dias após seu nascimento, no entanto, jovem para governar, sua mãe tornou-se sua regente, governando o país até a filha atingir a maioridade. Na série, Mary é enviada a França ainda criança, onde o noivado com o príncipe herdeiro da França, Francis Valois (Toby Regbo) é firmado, porém, aos sete anos, Mary vai para um convento, onde fica até os seus dezesseis anos, quando sofre uma tentativa de assassinato pelos ingleses.

 

Adolescente, Mary Stuart volta para o castelo francês em busca de fortalecer sua relação com o país e o noivado, mas o reencontro com Francis não é o esperado, já que ele não acredita que o casamento irá se concretizar. Com a chegada de Mary no castelo, a rainha francesa Catherine Medici (Megan Follows), consulta o vidente Nostradamus (Rossif Sutherland), que vê Mary em um futuro distante, como a causa da morte de Francis, caso os dois se casassem. Catherine faz de tudo para que o casamento não aconteça, mas suas ações só fazem com que Mary e Francis se aproximem cada vez mais. 

 

Reign não é completamente fiel a história de Mary Stuart, mas encanta ao mostrar a história de amor entre o casal e a química inegável entre os atores. Mary Stuart é retratada como uma mulher forte, guerreira, que desde o primeiro dia de vida, lutou para sobreviver e governar seu país, sendo a última rainha da Escócia. 

 

Reign tem quatro temporadas e está disponível no Globoplay.



Bridgerton

 

A série, lançada em 2020, é inspirada nos livros ‘Os Bridgertons’ de Julia Quinn e é ambientada em meados do século XIX. A primeira temporada é baseada no livro ‘O Duque e eu’ e conta a história de Daphne Bridgerton (Phoebe Dynevor), integrante de uma das famílias mais famosas e prestigiadas da Inglaterra, que pressionada a arranjar um pretendente, é cortejada por diversos homens da alta sociedade, a maioria, desinteressantes ou velhos demais para ela. 

 

O Duque de Hastings, após anos afastado da alta sociedade inglesa, volta para o círculo social. Com seu charme e beleza, Simon Hastings (Regé-Jean Page) chama a atenção de diversas garotas e suas mães, que fariam de tudo para casar suas filhas com o prestigiado homem. Simon é avesso a relacionamentos e não procura casar-se tão cedo, já Daphne quer fugir dos cortejos indesejados, portanto, tentando escapar de seus pretendentes, os dois arquitetam um plano: fingir que estão se cortejando, para escapar da pressão da sociedade. Daphne e Simon aproximam-se e desenvolvem sentimentos um pelo outro, onde lutam para combater as diferenças entre si. 

 

Cada livro conta a história de um membro diferente da família Bridgerton e a série tem seguido o mesmo roteiro. A segunda temporada conta a história do irmão de Daphne, Anthony Bridgerton (Jonathan Bailey), que busca pretendentes para casar.

 

Bridgerton é retratada no século XIX, mas retrata uma sociedade diferente daquela que é conhecida. Os personagens negros ocupam lugar de destaque, sendo a rainha, uma mulher negra e empoderada, assim como outros personagens negros de altos cargos na alta sociedade da história, diferentemente da realidade daquele século.  
 


Anne With an E

Também inspirada na coleção de livros ‘Anne de Green Gables’, Anne With an E narra a história de
Anne Shirley (Amybeth McNulty), onde no final do século XIX, uma menina escocesa que, com a morte de seus pais, ainda bêbe foi morar em um orfanato. Sem esperanças, aos doze anos, Anne recebe a notícia de que será adotada. 

 

Os irmãos Marilla Cuthbert (Geraldine James) e Matthew Cuthbert (R.H. Thomson) nunca casaram-se e sempre compartilharam a vida e uma casa desde a infância, em Green Gables, na Ilha do Príncipe Eduardo (Canadá). Com a chegada da idade e o cansaço, Matthew já não conseguia mais lidar com os afazeres da fazenda, portanto, os irmãos decidiram adotar um garoto para que os ajudasse com as árduas tarefas que demandava a fazenda de Green Gables. 

 

A empolgação de Anne é visível, já que, estava escapando do orfanato e finalmente ganharia uma família. O silencioso e tímido Matthew está em apuros ao observar a garotinha o esperando na estação de trem, um equívoco do orfanato, já que os irmãos haviam afirmado diversas vezes que precisavam de um menino para suprir suas necessidades. Anne é uma garota extrovertida, gosta de conversar e principalmente viver no mundo da imaginação, inventando histórias e o seu futuro. Sua relação com os irmãos Cuthbert inicia de forma difícil, mas a garota de cabelos ruivos e forte opinião conquista os irmãos solitários. 

 

Anne With an E fala sobre a força da amizade, mostra uma família diferente do padrão, a importância dos livros na formação de opiniões e a construção de pensamentos, ensina a manter a criança interior que há em cada pessoa e a manter a esperança, mesmo em momentos ruins. 

 

A série tem apenas três temporadas e apesar da insistência dos fãs, não há previsão de uma possível continuação. Todas as temporadas estão disponíveis na Netflix. 


The Crown

A série é inspirada na história real da monarquia inglesa e principalmente, focada na rainha Elizabeth II. O rei George VI morre em 1952 e Elizabeth (Claire Foy), com apenas 25 anos, torna-se a rainha de um dos países mais poderosos do mundo. Envolvidos em diversas polêmicas, a série mostra as dificuldades que Elizabeth tem ao tornar-se rainha, tendo que cuidar dos filhos e de um casamento com problemas, assim como os enredos da política. 

 

The Crown traz uma visão sobre a vida de Elizabeth II, que com pouco interesse na sucessão da monarquia, tornou-se a soberana do país, mesmo que este não fosse seu desejo. Além de mostrar a vida de Elizabeth, a série mostra a vida de seus filhos, como na última temporada lançada na Netflix, onde é contada a história conturbada entre seu filho Charles (Josh O’Connor) e Diana Spencer (Emma Corrin)

 

Em 2021, The Crown venceu sete categorias no Emmy e quatro Globos de Ouro. 

 

A série está disponível na Netflix e está em sua quarta temporada.


Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »